Momento Esportes

Brasileiro: Internacional perde para Goiás, que deixa a lanterna

Publicados

em


.

O Internacional foi até o estádio da Serrinha neste domingo (13) e acabou sendo derrotado por 1 a 0 pelo Goiás, que, com o resultado, deixou a lanterna da classificação.

E a vitória do Esmeraldino foi obtida na base da superação, pois o Goiás teve o lateral-esquerdo Jefferson expulso logo aos três minutos da etapa inicial após entrada violenta no atacante Marcos Guilherme. Depois, a partida se resumiu a tentativas frustradas do Inter marcar. Até que, aos 44 minutos da etapa inicial, o Goiás levanta uma bola na área e Vinícius Lopes aproveita falhas da zaga e do goleiro Marcelo Lomba para abrir o marcador. Goiás 1, Internacional 0, com o então lanterna vencendo o líder.

Na etapa final, os gaúchos tentaram ir para cima com tudo, mas forçaram demais nas bolas altas. O jogo acabou sendo praticamente um ataque contra defesa. Mas, mesmo assim, o Inter não conseguiu nem mesmo empatar.

No dia 27, o Goiás volta a campo para enfrentar o Ceará no Castelão, pela 12ª rodada do Brasileirão. Já o líder Inter joga na próxima quarta a partir das 19h15, pela Libertadores, contra o América de Cali (Colômbia) no Beira-Rio pela 3ª rodada da fase de grupos. Pelo Nacional, o próximo compromisso será sábado, às 19h, contra o Fortaleza no Castelão.

Leia Também:  Thiago Monteiro é finalista do Toneio Challenger de Forlí, na Itália

Galo vence e assume vice-liderança

Quem venceu e subiu muito na classificação foi o Atlético Mineiro, que superou o Bragantino por 2 a 1 no Mineirão. Com o resultado, o time do técnico argentino Jorge Sampaoli chegou à segunda posição na tabela com 18 pontos.

O placar foi aberto pelo experiente zagueiro Réver. Aos 28 minutos de jogo, Guilherme Arana cobra escanteio e o defensor subiu alto para marcar.

Com a lei do ex entrando em campo, o Bragantino empatou aos três minutos da etapa final. Artur cruzou, Lucas Evangelista chutou no travessão e a bola bate em Everson. Abola sobra para Alerrandro, livre, marcar o gol do empate.

Depois de Sasha ter perdido até um pênalti, o Galo marcou de novo. No sufoco, aos 41 minutos. Savarino aproveitou cruzamento de Keno e deu números finais no Mineirão. Galo 2, Bragantino 1.

Na próxima rodada, o Galo pega o Atlético-GO fora de casa. Será no sábado (19), às 21h. O Bragantino recebe o Ceará, também no sábado (19), mas às 19h.

Flamengo perde para o Ceará em Fortaleza

Na Arena Castelão, o Ceará bateu o Flamengo por 2 a 0. Com uma equipe repleta de jogadores considerados titulares, o Rubro-negro viu interrompida uma sequência de quatro vitórias seguidas.

Depois de um primeiro tempo com domínio Rubro-negro, os gols do Vozão saíram no começo da etapa complementar. Aos quatro minutos o zagueiro Luiz Otávio saltou entre os dois zagueiros do Flamengo e abriu o placar. Logo depois, aos 10 minutos, o volante Charles apareceu livre na frente do goleiro César para ampliar o placar. Ceará 2 a 0 no Flamengo.

Leia Também:  Carlos Barbosa e Blumenau opõem experiência e juventude pela LNF

O Ceará joga novamente pelo nacional no próximo sábado contra o Bragantino, às 19h (de Brasília), em São Paulo. O Flamengo joga pelo Brasileiro apenas no dia 27, contra o Palmeiras, às 16h no Allianz Parque.

Bahia perde na estreia de Mano Menezes

No Pituaçu, o Atlético-GO fez a festa na noite de estreia do Mano Menezes pelo Bahia. Com um gol em cobrança de falta do goleiro Jean, os visitantes garantiram o triunfo de 1 a 0 e saíram com os três pontos.

Na próxima rodada, o Bahia pega o Corinthians em São Paulo. O Atlético-GO tem compromisso pela Copa do Brasil, enfrenta o Fluminense, no Maracanã, na quarta-feira (16), às 21h30, jogo que terá a transmissão da Rádio Nacional.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Jogos de Tóquio: cavaleiro Nilson Moreira obtém um índice para CCE

Publicados

em


O cavaleiro Nilson Moreira da Silva registrou um dos índices necessários para garantir a participação na prova do Concurso Completo Equitação (CCE) dos Jogos Olímpicos de Tóquio. A marca foi obtida, no último final de semana, em uma prova CCIs4* small (curto), realizado na cidade de Aiken (EUA).

Montando o cavalo Magnum´s Martini, o brasileiro registrou 40,30 pontos perdidos no adestramento, zerou o salto e um desconto de apenas 2,5 pontos no cross country por ultrapassar o tempo concedido, fechando a competição com 43,70 pontos perdidos em 14º lugar.

Agora, o cavaleiro Nilson e o cavalo Magnum computam dois índices técnicos em CCIs4* curtos. Para confirmar a presença em Tóquio, a dupla necessita ainda de índice em um CCI4* longo ou CCI5* longo.

A próxima oportunidade para alcançar este feito será no CCI4* longo, entre os dias 11 e 15 de novembro nos Jogos Equestres Mundiais, em Tryon (EUA).

“Esse ano ficou um pouco difícil por causa da pandemia. A covid-19 cancelou muitas provas. Tinha duas bem importantes nos primeiros meses de 2020. A minha ideia era ter conseguido os índices para a Olimpíada e para outras competições importantes naquela época. Mas agora é buscar as marcas em novembro nos Jogos Equestres Mundiais. Quero participar com meus três animais e tentar classificá-los, para depois ver qual está em um melhor momento”, disse o cavaleiro.

Leia Também:  Thiago Monteiro é finalista do Toneio Challenger de Forlí, na Itália

Os requisitos necessários são a obtenção mínima de 55% no adestramento, zerar ou atingir no máximo 11 pontos perdidos nos obstáculos, com não mais do que 75 segundos de excesso tempo (100 segundos em CCI5*L) e, no salto, não mais que 16 pontos perdidos. O prazo para a obtenção dos índices vai até 21 junho de 2021. O Brasil já está classificado para a prova olímpica do CCE. A equipe terá três titulares e um reserva.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA