Momento Esportes

Corinthians derrota Bahia por 3 a 2 em partida emocionante

Publicados

em


.

Depois de três partidas consecutivas sem vencer, o Corinthians derrotou o Bahia por 3 a 2, nesta quarta-feira (16), na Neo Química Arena, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Timão pulou para a 11ª posição, com 12 pontos conquistados. Já o Tricolor permanece com 9 pontos e está na 16ª colocação, podendo entrar na zona do rebaixamento na sequência da rodada.

Partida emocionante

O primeiro tempo foi bastante movimentado. O Corinthians começou bem e logo aos 3 minutos criou a primeira boa chance. Otero e Mateus Vital trocaram passes e o venezuelano finalizou bem perto do gol de Douglas. O Bahia respondeu em uma grande jogada pela esquerda. Aos 9 minutos, Juninho Capixaba avançou e tocou para Gilberto. O camisa 9 tabelou com Élber e, de frente para Cássio, chutou para fora.

O primeiro gol da partida saiu de jogada ensaiada. Escanteio pela direita que Fagner tocou para a entrada da área, rasteiro. Otero arriscou de primeira, desequilibrado. A bola desviou em Gilberto e enganou o goleiro Douglas.

Leia Também:  Série B: Paraná cede a empate contra Brasil de Pelotas no fim do jogo

O Bahia teve a chance do empate aos 23 minutos. Élber apareceu na cara de Cássio, que defendeu o arremate. Na sobra, Gilberto ajeitou e chutou sem goleiro, mas Danilo Avelar salvou na linha. O Tricolor reclamou de pênalti em um toque de mão da defesa do Corinthians, que existiu, mas o VAR (árbitro de vídeo) não chamou o juiz de campo para revisar o lance.

Depois do susto, o Corinthians voltou a atacar. Aos 27 minutos, Otero cruzou na cabeça de Araos, que, sozinho, jogou pra fora. Seis minutos depois, veio o segundo gol. Roni recebeu a bola na entrada da área e bateu colocado no canto esquerdo de Douglas: 2 a 0.

A equipe baiana não diminuiu o ritmo. Aos 35 minutos, Nino Paraíba aproveitou a sobra de cruzamento da área e soltou a bomba de perna direita para diminuir o placar. Os visitantes quase empataram logo depois, mais uma vez com Gilberto, que tentou de cabeça. O Bahia ainda teve mais duas grandes chances no primeiro tempo, mas Rodriguinho furou a primeira, na marca do pênalti. Na segunda, Cássio fez grande defesa em chute de fora da área de Juninho Capixaba.

Leia Também:  Corinthians encara Intelli, vice-líder do Grupo A da LNF 2020

A segunda etapa começou com Otero botando Douglas para trabalhar. O venezuelano cobrou falta com perigo, aos 8 minutos. Seis minutos depois, Otero bateu outra falta e Douglas se esticou todo para salvar. Na cobrança de escanteio, Gil subiu sozinho e marcou o terceiro do Timão.

O Bahia não diminuiu o ímpeto e seguiu martelando a defesa do Corinthians. De tanto insistir, a equipe de Mano Menezes chegou ao segundo gol. Aos 43 minutos, Gregore desviou cobrança de escanteio, Saldanha aproveitou a sobra e cabeceou para as redes. Mesmo com a enorme pressão nos minutos finais, o Corinthians segurou o resultado e saiu com os três pontos.

Na próxima rodada, o Corinthians enfrenta o Sport, na quarta-feira (23) às 21h30 na Ilha do Retiro. Já o Bahia pega o Athletico-PR, no sábado (26) às 19h na Arena da Baixada.

Veja a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Vasco empata com Bragantino e entra, provisoriamente, no G4

Publicados

em


.

Na manhã deste domingo (27), sob forte calor em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), Vasco e Bragantino fizeram uma partida morna dentro de campo. O empate em 1 a 1 levou o Vasco a retornar à zona de classificação de forma provisória – outros jogos desta tarde podem alterar o topo da tabela. O Cruzmalltino chegou a 18 pontos e, por enquanto, ocupa a quarta posição. Já o Bragantino, com 11 pontos em 12 partidas, segue na zona de rebaixamento, em 17º lugar.

O empate ficou de longe de traduzir o que foi a partida. As melhores chances foram dos visitantes, mas o Cruzmaltino começou melhor. O artilheiro Germano Cano quase abriu o placar, de cabeça, aos dois minutos.  Talles Magno chegou a balançar a rede, mas o lance foi corretamente invalidado pelo árbitro, já que o atacante estava impedido. Depois, o Bragantino ditou o ritmo da partida: aos 35 minutos, Alerrandro  perdeu a melhor chance da etapa inicial ao bater um pênalti, mas o goleiro Fernando Miguel fez uma bela defesa.

No segundo tempo, vieram os gols: o time carioca saiu na frente com o atacante Vinícius aos quatro minutos. Mal deu tempo de comemorar: no minuto seguinte, o Bragantino empatou. O meia Lucas Evangelista aproveitou uma bola rolada quase na marca do pênalti e deslocou o goleiro vascaíno Fernando Miguel. A equipe paulista continuou pressionando. Aos nove minutos, o zagueiro Léo Ortiz perdeu boa chance de cabeça depois de cobrança de escanteio. Aos 31, Alerrandro deixou escapar outra oportunidade de passar a frente no placar. Cara a cara com o goleiro Fernando Miguel, o atacante bateu mal. E o resultado ficou mesmo em 1 a 1.

Na próxima rodada, o Vasco visita o Atlético-MG, no domingo (04), em Belo Horizonte (MG).Já o Bragantino recebe o Corinthians no sábado (3), no estádido Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. 

Leia Também:  CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão

Edição: Cláudia Soaes Rodrigues

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA