Momento Esportes

Covid-19: Uefa define regras para testes positivos na Liga das Nações

Publicados

em


.

A Uefa confirmou nesta segunda-feira (31) que as seleções participantes da Liga das Nações podem acabar perdendo partidas se não puderem comparecer a campo – devido a diagnósticos positivos do novo coronavírus (covid-19) de seus jogadores –  ou um sorteio será realizado para decidir um resultado.

A entidade que governa o futebol europeu disse que as partidas também poderiam ser apitadas por juízes sem neutralidade, caso algum dos árbitros indicados originalmente também teste positivo.

Duas rodadas serão disputadas entre a próxima quinta (3 de setembro) e o terça-feira (8) da semana que vem, quando ocorrerão os primeiros confrontos oficiais de seleções na Europa, desde o início da pandemia de covid-19. A Uefa admitiu que os preparativos estão avançando contra “um pano de fundo de dificuldades”.

Todos os jogos devem ocorrer nos estádios agendados originalmente, exceto Moldova contra Kosovo, que foi transferido para a cidade de Parma (Itália), mas, neste caso, porque Moldova não reconhece Kosovo como uma nação independente.

A Uefa afirmou ainda que casos de exames positivos de covid-19, realizados antes das partidas, poderão fazer com que grupos de jogadores, dirigentes ou seleções inteiras sejam postos em isolamento social.

Leia Também:  Botafogo e Vasco se reencontram para duelo inédito na Copa do Brasil

No caso de jogadores em quarentena, a Uefa alertou que a partida acontecerá, contanto que a seleção continue com 13 jogadores disponíveis, incluindo ao menos um goleiro.

Se uma seleção não tiver 13 atletas, a entidade disse que tentará remarcar a partida. Se isso não for possível, o comitê disciplinar decidirá o resultado e a seleção julgada responsável pelo adiamento perderá o jogo.

Se nenhuma ou as duas seleções forem consideradas responsáveis, o resultado será decidido por um sorteio, explicou a entidade.

Propaganda

Momento Esportes

Série B: Náutico e Chape empatam nos Aflitos em partida movimentada

Publicados

em


.

Duas partidas deram sequência à 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira (18). Nos Aflitos, Náutico e Chapecoense empataram em 1 a 1, em um jogo muito disputado e com emoção até o último minuto. No Batistão, o Confiança foi melhor e passou pelo Guarani por 1 a 0.

Empate nos Aflitos

O Náutico teve mais posse de bola no primeiro tempo, mas não conseguia acertar o último passe. A Chapecoense optou por ficar na defesa e esperar o momento certo para o contragolpe. Quase deu certo logo aos 15 minutos. Anselmo Ramon tocou para Matheus Ribeiro, que entrou sozinho na grande área e bateu cruzado. A bola desviou na defesa e foi para fora.

Aos 22 minutos, Anselmo Ramon fez bela jogada e tentou de perna esquerda de fora da área, mas a bola passou à esquerda do gol. A Chape só não abriu o placar aos 27 minutos porque Jefferson salvou o Náutico. Aylon tentou o cruzamento, mas houve o toque na zaga e o goleiro teve que se esticar todo para impedir o gol.

A Chape criava as melhores oportunidades. Aos 40 minutos, Paulinho Moccelin ganhou de Hereda na corrida, chutou e Jefferson espalmou. O lateral-direito desistiu da jogada e Moccelin recuperou a bola, tocou para trás e encontrou Matheus Ribeiro. Sozinho, na marca do pênalti, o camisa 2 isolou.

Leia Também:  Tite destaca boa fase de Neymar e versatilidade de convocados

No último lance do primeiro tempo, o Náutico teve sua chance. Hereda avançou pela direita e cruzou. A bola passou por todo mundo e Jhonnatan apareceu para finalizar, mas acabou mandando por cima.

O Timbu voltou melhor para a etapa final. Aos 11 minutos, Jorge Henrique cobrou falta da intermediária e Paiva apareceu no meio da defesa para cabecear. João Ricardo fez bela defesa e salvou a Chapecoense. Dez minutos depois foi a vez de Dadá testar o goleiro. O meia chutou forte de perna esquerda de fora da área e João Ricardo botou para escanteio.

De tanto insistir, o Náutico marcou o gol. Aos 32 minutos, Thiago Fernandes subiu pela direita e cruzou na medida para Kieza. O camisa 9 cabeceou firme e abriu o placar nos Aflitos.

A Chapecoense não desistiu da partida e chegou ao empate no último lance. Aos 48 minutos, Thiago Ribeiro deu bela assistência para Busanello, que chutou cruzado para deixar tudo igual nos Aflitos.

Com o resultado, a Chapecoense chegou a 17 pontos, na terceira posição do campeonato. O Náutico soma 14 pontos e ocupa a 9ª colocação. Na próxima rodada, a Chape encara o América-MG, sexta-feira (25), às 19h15, na Arena Condá. O Náutico visitaria o Sampaio Corrêa, mas o confronto foi adiado devido à decisão do Campeonato Maranhense. Desta forma, o Timbu só entra em campo na terça-feira (29), pela 12ª rodada, contra o Cuiabá, na Arena Pantanal.

Leia Também:  Lewis Hamilton diz que não vai desistir de fazer campanha por justiça

Vitória sergipana

Confiança e Guarani também se enfrentaram nesta sexta-feira (18) pela 10ª rodada da Série B. Melhor para o time de Sergipe, que, no retorno do técnico Daniel Paulista, venceu por 1 a 0. Com o resultado, o Confiança chegou a 11 pontos, pulando para a 11ª posição. Já o Bugre fica com 8 pontos, na 16ª colocação, interrompendo uma sequência de três partidas consecutivas sem derrotas.

A partida foi bastante equilibrada no primeiro tempo, com oportunidades para as duas equipes. Na etapa final, o gol da vitória do Confiança saiu logo aos 7 minutos, com Matheus Mancini completando boa jogada de Silva pela esquerda. O Guarani tentou pressionar para conseguir o empate, mas o time de Sergipe segurou a vitória até o apito final do árbitro.

Na próxima rodada, o Guarani enfrenta o Figueirense, sábado (26), às 11h, no Orlando Scarpelli. Já o Confiança vai a Campinas encarar a Ponte Preta, domingo (27), às 20h30, no Moisés Lucarelli.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA