Momento Esportes

Cuca diz que São Paulo “não deu liga” e deixa o Clube alegando que foi xingado

Publicados

em

   Cuca concedeu entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira para explicar os motivos que o levaram a pedir demissão do São Paulo.
 
   O treinador ficou apenas cinco meses no cargo, saindo com aproveitamento de 47,4% de aproveitamento, em 26 jogos: nove vitórias, dez empates e sete derrotas.
 
   O mais provável agora é que o coordenador Vagner Mancini assuma a equipe – já é certo que ele comandará o São Paulo neste sábado(28), contra o Flamengo, no Maracanã.
 
   – Não sei te dizer ao certo qual o problema. Se eu soubesse qual o problema, eu falava. Vocês bateram muito no padrão de jogo. Eu queria explicar que todo ser humano tem sua característica, eu tenho a minha. Qual é a característica do Cuca? Eu gosto de marcação na frente, rápido. Não gosto de time que tem morosidade. Às vezes, ser mais objetivo. Infelizmente o meu estilo não casou com o estilo do São Paulo. Não combinou. Não é por isso que eles não são bons, eles são ótimos. Mas não encaixou. Eu falei para o Raí e Pássaro (dirigentes do São Paulo), por isso que saí. Teve uma ideia de falarmos com você e foi entendido. Você acha que eles estão contente e eles também? Como falei com os jogadores eles vão vingar e vão dar uma arrancada – disse Cuca, que relatou ter sido ofendido pela primeira vez na carreira.

Leia Também:  Tóquio: Gustavo Tsuboi avança à terceira rodada do tênis de mesa
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Esportes

Tóquio: Abner Teixeira vence e avança às quartas de final no boxe

Publicados

em


O peso-pesado Abner Teixeira estreou com vitória e avançou às quartas de final  na manhã desta terça-feira (27) contra o número cinco do mundo Chaeavon Clarke (Grã-Bretanha). Estreante em Olimpíadas, o pugilista paulista, de 25 anos, 14º no ranking mundial, ganhou por 4 a 1, na categoria acima de 91 quilos. Todas as lutas do boxe estão ocorrendo na na Ryögoku Kokugikan,onde também ocorrem as lutas de sumô na capital japonesa.

O brasileiro, de 25 anos, volta ao ringue às 7h39 (horário de Brasília) da próxima sexta (30) contra Hussein Ishaish, que eliminou um dos favoritos à medalha de ouro, o equatoriano Julio Castillo. Se vencer, Abner jájá assegura a medalha de bronze. 

Natural de Osasco, Abner descobriu o boxe aos nove anos, ao participar de um projeto social em Sorocaba (SP). Percorria a pé seis quilômetros diariamente até chegar à academia. Hoje, na estreia no ringue olímpico, o paulista começou ganhando o primeiro round por 29 a 28 e perde o seguinte por 27 a 30. Na sequência, Abner foi superior, ganhando por 30-27, 29-28 e 29-28.

Leia Também:  Vôlei: Brasil vence Argentina de virada, em duelo emocionante

Próximas estreias

Quarta-feira (28)

2h12 – Keno Marley x vencedor (Shabbos Negmatulloev/Tajiquistão) e  Daxiang Chen/China) – categoria 81 kg

Quinta-feira (29)

5h – Hebert Conceição x vencedor (Ashish Kumar/Índia) x Erbieke Thuoheta/China) – categoria 75 kg

7h24 – Grazielli x vencedora  (Tsukime Namiki/Japão x Catherine Nanziri/Uganda) – categoria 51 kg

Sexta-feira (30)

5h – Bia Ferreira x vencedora (Wu Shih-Yi/Taiwan x Agnes Alexiusson/Suécia) – categoria 60 kg

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA