Momento Esportes

Goiás vence CRB e assume terceira posição na Série B do Brasileiro

Publicados

em


Graças a um gol do atacante Bruno Mezenga, o Goiás derrotou o CRB por 1 a 0, na noite desta terça-feira (15) no estádio da Serrinha, e assumiu a terceira posição da Série B do Campeonato Brasileiro, com oito pontos conquistados.

Já a equipe alagoana caiu para a quinta posição da classificação, com sete pontos, após o revés fora de casa.

O gol do triunfo do Esmeraldino saiu aos 20 minutos do primeiro tempo, quando Élvis cobrou falta para Bruno Mezenga cabecear com eficiência.

O Goiás volta a entrar em campo pela competição nacional na próxima sexta-feira (18), quando mede forças com o Brasil de Pelotas. Um dia depois o CRB visita o Vasco da Gama no estádio de São Januário.

Empate no Batistão

Também na noite desta terça, Confiança e Brasil de Pelotas não passaram do 1 a 1. Na partida realizada no Batistão, os visitantes saíram na frente graças a gol contra de Victor Sallinas. Mas o Dragão garantiu a igualdade final com Neto Berola.

Edição: Fábio Lisboa

Leia Também:  Thiago Braz garante vaga na final do salto com vara em Tóquio

Propaganda

Momento Esportes

Bruno Schmidt e Evandro perdem para dupla letã e estão fora de Tóquio

Publicados

em


Bruno Schmidt e Evandro foram eliminados do torneio de vôlei de praia dos Jogos Olímpicos de Tóquio após derrota nesta segunda-feira (2) para Martins Plavins e Edgars Tocs, da Letônia, por 2 sets a 0, parciais de 21/19 e 21/18.

Bruno Schmidt, campeão olímpico na Rio 2016 ao lado de Alison, admitiu a superioridade da dupla da Letônia.

“O que posso falar desse jogo é que o sentimento que estou agora não é o que eu queria. Mas analisando friamente, eles foram superiores do primeiro set até o final do jogo”, afirmou Bruno Schmidt, segundo nota no site do Time Brasil.

O brasileiro teve um quadro grave de covid-19 neste ano e, muito debilitado, não sabia se chegaria aos Jogos Olímpicos em condições competitivas.

“Depois de tudo que eu passei, eu adoraria viver uma história bacana e de muita superação, mais do que já estou tendo. Queria ter ajudado mais o Evandro na sua segunda participação olímpica”, afirmou Bruno. “Ainda mais depois da pandemia, nosso time foi muito afetado. Se você for ver, cinco meses atrás eu estava saindo do hospital, eu nem sabia se estaria aqui. Não sabia se conseguiria me recuperar a tempo, iriam me substituir e eu perderia uma participação dessas. Tentei em curto prazo ser o melhor atleta que eu poderia ser, mas hoje não deu”, acrescentou.

Leia Também:  Paulo André decide vaga na final olímpica dos 100 m neste domingo
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA