Momento Esportes

Histórico: Henrique Avancini vence prova olímpica de Mountain Bike

Publicados

em


Henrique Avancini fez história neste domingo (4). O ciclista brasileiro conquistou, pela primeira vez, a medalha de ouro na disputa do cross country olímpico (XCO), pela segunda etapa da Copa do Mundo de Mountain Bike, em Nové Mesto, bairro de Praga (República Tcheca). Essa é a prova que vale pódio na modalidade em Olimpíada.

O fluminense se manteve entre os cinco primeiros durante toda a disputa, assumindo a liderança na última volta. Com tempo de uma 1h25min3s, ele deixou para trás o holandês Milan Vader, que obteve a prata, e o suíço Nino Schurter, atual campeão mundial, que ficou com o bronze. Na última quinta-feira (1), pela primeira etapa da Copa do Mundo, também em Nové Mesto, Avancini terminou a prova de XCO em quinto.

Na sexta-feira (2), o brasileiro ganhou a short track (prova mais curta que a XCO) no bairro da capital tcheca. A conquista havia sido a terceira dele nesse tipo de disputa, repetindo os feitos atingidos nas etapas de Andorra, em 2018 e 2019.

Leia Também:  Fórmula 1: Verstappen e Stroll batem em treino para GP de Portugal

O próximo desafio de Avancini, segundo colocado no ranking da União Ciclística Internacional (UCI), é o Mundial de Mountain Bike, de segunda-feira (5) ao próximo domingo (11), em Leogang (Áustria). O atleta de 31 anos (candidato a medalha na Olimpíada de Tóquio, no ano que vem) é um dos favoritos ao título.

Outros cinco brasileiros competiram neste domingo. Entre os homens, Guilherme Muller terminou em 53º, Luiz Henrique Cocuzzi concluiu em 75º (ele chegou a liderar o início da prova, mas teve problemas com um pneu furado) e Edson Rezende finalizou na 92ª colocação. Já na disputa feminina, que teve como vencedora a francesa Pauline Ferrand-Prevot, a melhor atleta do Brasil foi Raiza Goulão, no 44º lugar, enquanto Letícia Candido cruzou a linha de chegada na 61ª posição.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

LNF: em meio a maratona, Joinville recebe esperançoso Foz Cataratas

Publicados

em


Garantido no mata-mata da Liga Nacional de Futsal (LNF), o Jonville recebe o Foz Cataratas neste domingo (25), no ginásio do Centreventos Cau Hansen, em Joinville (SC), de olho na liderança do grupo B. Já aos paranaenses, só a vitória interessa para a equipe ainda ter chances de se classificar como melhor quinta colocada geral da primeira fase. A partida será transmitida ao vivo pela TV Brasil.

Trata-se do segundo duelo entre os rivais na edição deste ano da LNF. Em 1º de setembro, em Foz do Iguaçu (PR), o time catarinense venceu por 2 a 0, com gols do ala Rodriguinho e do fixo Lucas Machado. A partida marcou a estreia do JEC na competição, além de ter sido o quarto compromisso do Azulão.

Leia Também:  Série D: Bangu vence Toledo e retorna ao G4 do grupo 7

Com três partidas a disputar, o Joinville é o vice-líder da chave com 20 pontos, um a menos que o Carlos Barbosa, que já finalizou a participação na fase de grupos. O duelo com o Foz será o quinto em oito dias e apenas o primeiro da sequência sendo mandante. A maratona iniciou no sábado da semana passada (17), com a vitória por 4 a 3 sobre o Blumenau, pela LNF. Depois, foram três jogos pelo Campeonato Catarinense, contra Lages (13 a 0), Curitibanos (4 a 4) e São Lourenço (3 a 5).

O técnico Daniel Júnior optou por usar o elenco principal nos dois primeiros compromissos, poupando-o nos jogos seguintes. Contra Curitibanos e São Lourenço, o Joinville atuou com atletas que não enfrentaram o Lages, reforçados por jogadores do sub-20. Nessas partidas, o time foi dirigido por Herick Pereira, treinador da base e da seleção brasileira sub-17. Os titulares já voltam à quadra neste domingo.

O Foz é o sexto colocado do grupo B, com nove pontos, e pode chegar, no máximo, a 15 pontos. O Atlântico, quarto colocado e último time na zona de classificação, tem 16. Assim, o Azulão das Três Fronteiras só alcançará a segunda fase se for o melhor quinto colocado das três chaves. No grupo A, a posição é ocupada pela Intelli Tempersul, com 12 pontos. No C, é pelo Campo Mourão com 10 pontos.

Leia Também:  Brasileiro: Atlético-MG empata e perde chance de encostar em líderes

A equipe não atua pela LNF desde o último dia 15, quando superou o Marreco por 2 a 0. Na sequência, enfrentou Umuarama (3 a 2) e Cascavel (0 a 5) por Campeonato Paranaense e Liga Paraná, respectivamente. Para encarar o JEC há três ausências: os alas Pierre e Daniel Feitosa (contundidos) e o fixo Pedro Beraldo, que testou positivo para o novo coronavírus (covid-19). O fixo Léo Costa, recuperado de lesão, está à disposição de Marlus Sokolowski. O técnico, aliás, volta ao banco de reservas depois de cumprir isolamento, após ter sintomas da covid-19. O exame do treinador deu negativo.

Também no domingo, o Corinthians recebe o Brasília às 12h, enquanto Praia Clube e Minas Tênis Clube fazem o clássico mineiro da LNF às 13h30, em Uberlândia (MG).

Confira a classificação da Liga Nacional de Futsal.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA