Momento Esportes

M.Thomas acerta contrato recorde com os Saints; acordo pode ter impacto grande na NFL

Publicados

em

 

     Uma das principais novelas do período de treino da NFL acabou nesta quarta-feira(31). O recebedor Michael Thomas acertou a renovação de seu contrato com o New Orleans Saints, por cinco temporadas.
 
     Os valores são bem estratosféricos: 100 milhões de dólares (cerca de R$ 380 milhões), sendo que 61 milhões são garantidos, ou seja, ele receberá esse valor independentemente do que acontecer nesse período.
 
     Com essa quantia, Thomas se torna o recebedor com o contrato mais valioso da história da liga. Além disso, pela primeira vez um jogador que não é quarterback assina um vínculo de pelo menos 100 milhões de dólares. Os 61 milhões também são o maior valor garantido pago a um atleta que não o quarterback.
 
     Michael Thomas vale tudo isso? Talvez. O valor é um pouco exagerado, mas o New Orleans  Saints  se viu de mãos atadas. Em seu último ano do contrato de calouro, ele receberia módicos 1,148 milhão de dólares e já havia avisado que não se apresentaria para treinar com o elenco caso não renovasse por um montante maior – e, se precisasse, até perderia a temporada. A franquia se viu obrigada a desembolsar essa fortuna pelo seu melhor recebedor.
 
     Por outro lado, Thomas corresponde demais em campo. Desde que entrou na liga, em 2016, ele é disparado o jogador com mais recepções, com 321.
 
     Esse número também é o maior da história para um atleta em seus primeiros três anos na NFL. Na última temporada, recebeu 56% dos passes para recebedores de New Orleans, enquanto todos os outros somados ficaram com 44%. É inegável que é ele disparado o melhor da posição no time e, pra mim, um dos três melhores da NFL, ainda mais com Drew Brees como quarterback.
Leia Também:  Confiança dá fim a jejum e deixa Vila Nova próximo ao Z4 da Série B
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Esportes

Tóquio 2020 proíbe álcool, comemorações e pedidos de autógrafos

Publicados

em


Consumo de álcool, comemorações do tipo ‘bate aqui’ e conversas em voz alta serão proibidos para o número reduzido de portadores de ingresso da Olimpíada que terão acesso aos locais de competição, e os organizadores reconheceram que o “clima de comemoração” será limitado nos Jogos já adiados em um ano devido ao novo coronavírus (covid-19).Decisão de Seiko Hashimoto, presidente do Comitê de Tóquio, levou em conta alerta de autoridades de saúde, segundo as quais a bebida incentivaria contatos e interação em bares.Os organizadores levam adiante os preparativos da Olimpíada, ainda chamada de Tóquio 2020, apesar do grande temor do público japonês de que receber atletas de todo o mundo poderia resultar em mais surtos de covid-19.

Reportagens segundo as quais os organizadores estão cogitando permitir o consumo de álcool nos locais de competição de Olimpíada provocaram revolta nesta semana, e a hashtag “cancelem os Jogos Olímpicos” atraiu dezenas de milhares de tuites.

“Já que o Comitê Organizador quer realizar os Jogos de maneira segura e protegida, é nossa responsabilidade fazê-los acontecer”, disse a presidente da Olimpíada de Tóquio, Seiko Hashimoto, a repórteres nesta quarta-feira (23), um mês antes da cerimônia de abertura de 23 de julho. “Então, se nossos cidadãos têm receios [sobre servir álcool de Olimpíada], acho que teremos que desistir. É por isso que decidimos proibir a venda de álcool.”

A venda de álcool foi limitada dentro e ao redor de Tóquio depois que autoridades de saúde alertaram que beber incentivaria contatos próximos e interação em bares, o que poderia ajudar a disseminar o vírus.

Leia Também:  Confiança dá fim a jejum e deixa Vila Nova próximo ao Z4 da Série B

O patrocinador Asahi Breweries disse que concorda com a decisão de proibir a venda de álcool e que a considera natural.

*Reportagem adicional de Antoni Slodkowski, Ju-min Park, Rocky Swift e Ami Miyazaki

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA