Momento Esportes

Natação: Fernando Scheffer vai à final dos 200 metros livre em Tóquio

Publicados

em


O nadador brasileiro Fernando Scheffer se classificou para a final dos 200 metros livre. Ele chegou em terceiro lugar na primeira semifinal, com a marca de 1:45.71, a oitava melhor entre os semifinalistas. A final será disputada às 22h43 de hoje (26), no horário de Brasília.

“Estou muito feliz. Passamos pela eliminatória, pela semifinal, agora é descansar, ver o que a gente pode melhorar e ir com tudo para a final. A prova não tem nenhum favorito. É tentar colocar a nossa melhor performance na água e o que vier disso é consequência”, disse o nadador de 23 anos.

200 metros borboleta

Leonardo de Deus. Jogos Olimpicos, Tokyo 2020. 26 de Julho de 2021, Toquio, Japao. Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA Leonardo de Deus. Jogos Olimpicos, Tokyo 2020. 26 de Julho de 2021, Toquio, Japao. Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Leonardo de Deus no nado borboleta – Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Já Leonardo de Deus foi às semifinais dos 200 metros borboleta. Ele foi o segundo colocado em sua bateria, com o tempo de 1:53.83, a terceira melhor marca das eliminatórias e o melhor tempo de Leonardo em toda carreira. Ele cairá na água novamente, já na briga por uma vaga na final, às 23h40 de hoje, no horário de Brasília, já terça-feira no horário japonês.

Leia Também:  Seleção feminina derrota Argentina por 3 a 1 em amistoso

“Eu sabia que tinha que fazer força, que teria que estar entre os três primeiros na prova e o objetivo foi esse. Agora é descansar bem para estar entre os oito [melhores] amanhã”, disse. “Eu só nadei, pensei no que treinei e acredito que foi bem executado. A gente sabe que eu posso mais, agora é focar para amanhã”, completou.

Resultados finais

A segunda-feira de natação no Japão foi de finais em quatro provas. Pelo revezamento 4×100 livre masculino, os Estados Unidos ficaram com o ouro, a Itália ficou com a prata e a Austrália com o bronze. Já na final dos 400 metros livre feminino, a australiana Ariarne Titmus ganhou medalha de ouro, a estadunidense Kathleen Ledecky levou a prata e a chinesa Bingjie Li ficou com o bronze.

Na final dos 100 metros peito masculino, o britânico Adam Peaty levou medalha de ouro, o holandês Arno Kamminga ficou com a prata e o italiano Nicolo Martinenghi com o bronze. A outra final realizada na manhã de segunda-feira, ainda noite de domingo no Brasil, foi dos 100 metros borboleta feminino. Nessa prova, a canadense Margaret MacNeil levou medalha de ouro, a chinesa Yufei Zhang ficou com a prata e a australiana Emma McKeon o bronze.

Leia Também:  Vôlei: Brasil estreia no Sul-Americano com vitória sobre o Peru

Edição: Marcio Parente

Propaganda

Momento Esportes

Vôlei: seleção feminina vence Chile e garante vaga no Mundial de 2022

Publicados

em


A seleção brasileira feminina de vôlei garantiu a classificação para o mundial da modalidade (que acontece em 2022 na Holanda e na Polônia) após derrotar o Chile por 3 sets a 0, parciais de 25/11, 25/19 e 25/14, na terceira rodada do Campeonato Sul-Americano, realizado em Barrancabermeja (Colômbia).

Nas rodadas anteriores a equipe comandada pelo técnico Zé Roberto Guimarães superou o Peru por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/23 e 25/18, e bateu a Argentina por 3 sets a 1, parciais de 23/25, 25/13, 25/14 e 25/16.

O Brasil encerra a sua participação na competição no próximo domingo (19), quando mede forças com a Colômbia a partir das 21h30 (horário de Brasília).

Edição: Fábio Lisboa

Leia Também:  STJD cassa liminar e impede presença da torcida em jogos do Flamengo
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA