Momento Esportes

No Ceará, Fernando Prass reencontra Palmeiras em duelo pela Série A

Publicados

em


No Palmeiras, foram sete temporadas, 274 jogos e quatro títulos: uma Série B (2013), duas Séries A (2016 e 2018) de Campeonato Brasileiro e, talvez, o mais emblemático, a Copa do Brasil de 2015. Na final contra o Santos, Fernando Prass se agigantou na disputa de pênaltis e ainda marcou o gol que sacramentou a primeira conquista do Verdão no Allianz Parque (e a última antes da fase abastada do clube, iniciada no ano seguinte).

Neste sábado (3), goleiro e Palmeiras estarão novamente no mesmo gramado, mas em lados opostos. Fernando Prass defenderá a meta do Ceará, time do qual é um dos protagonistas em 2020, no primeiro reencontro com o ex-clube, do qual se despediu em dezembro. No Vozão, o arqueiro é titular desde a estreia, em 26 de janeiro, contra o Frei Paulistano, na Copa do Nordeste, torneio do qual foi campeão. De lá para cá, esteve em 37 dos 39 jogos do Alvinegro.

Transmissão da Rádio Nacional

A bola começa a rolar no Allianz às 19h (horário de Brasília), com transmissão da Rádio Nacional a partir das 18h30. A partida é válida pela 13ª rodada da Série A e terá narração de Rodrigo Campos, com comentários de Mário Silva, reportagem de Rafael Monteiro e plantão esportivo de Bruno Mendes.

Como chegam as equipes

O Palmeiras tem desfalques para encarar o Ceará. O volante Gabriel Menino e os meias Zé Rafael e Lucas Lima estão suspensos. Na vitória por 5 a 0 sobre o Bolívar, na última quarta-feira (30), que assegurou a equipe nas oitavas de final da Libertadores, o técnico Vanderlei Luxemburgo escalou o volante Bruno Henrique, o meia Raphael Veiga e o atacante Rony, deixando o trio no banco, dando pistas de quem levará a campo.

No Ceará, o técnico Guto Ferreira tem ainda mais problemas. Os laterais Samuel Xavier (dores musculares) e Bruno Pacheco (levou quatro pontos na testa, após um choque de cabeça durante a final do Campeonato Cearense, contra o Fortaleza, na quarta), o zagueiro Luiz Otávio, o volante Fernando Sobral e o meia Vina (poupados) sequer viajaram. O zagueiro Klaus, o volante William Oliveira e o atacante Rodrigão estão contundidos.

Cinco pontos separam as equipes, que figuram em metades diferentes da tabela. O Palmeiras é o quarto colocado, com os mesmos 19 pontos do São Paulo, ficando atrás pelo número de vitórias (cinco a quatro para o Tricolor). O Ceará aparece em 12º, com 14 pontos, três a frente do Coritiba, primeira equipe na zona do rebaixamento.

Leia Também:  Igor Vinicius do São Paulo não se recupera e desfalca time contra o Lanús

Mais Brasileirão

Outras duas partidas movimentam o sábado pelo Brasileirão. Às 17h, o clássico Gre-Nal abre a rodada na Arena do Grêmio. O Tricolor chega embalado pela vitória por 2 a 0 sobre a Universidad Católica (Chile), que garantiu o time de Renato Portaluppi na próxima fase da Libertadores. O Colorado, que deixou escapar a chance de também se classificar por antecipação na competição sul-americana ao empatar por 0 a 0 com o América de Cali (Colômbia), tenta encerrar um incômodo jejum de 10 jogos sem vencer o maior rival.

Na competição nacional, porém, a situação do Inter é mais confortável. A equipe dirigida por Eduardo Coudet é a vice-líder, com 21 pontos, a três pontos do Atlético-MG. Apesar disso, o Colorado não vence há três jogos pelo Brasileiro e só obteve cinco dos últimos 15 pontos disputados. O Grêmio é apenas o 15º colocado, com 13 pontos e apenas duas vitórias em 11 partidas, com sete empates.

Leia Também:  Vasco perde pênalti, mas bate Caracas no fim pela Sul-Americana

Já às 21h, o Red Bull Bragantino recebe o Corinthians no estádio Nabi Abi Chedid. Apenas dois pontos distanciam os times paulistas. O Massa Bruta é o 18º, com 11 pontos, mas não tropeça há duas partidas, com uma vitória (4 a 2 no Ceará, em casa) e um empate (1 a 1 com o Vasco, fora) no período. O Timão ocupa o 14º lugar, com 13 pontos, e perdeu em três das últimas cinco vezes que esteve em campo, com uma vitória (3 a 2 sobre o Bahia, na Neo Química Arena) e um empate sem gols com o Atlético-GO, na quarta passada, também em São Paulo.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Mancini busca por time ideal, mesmo depois de usar 25 jogadores em quatro jogos

Publicados

em


Dos jogadores de linha à disposição, apenas quatro não foram escalados pelo treinador:

  • Michel Macedo, lateral-direito, que ficou no banco em todas as partidas;
  • Roni, volante, reserva nos três últimos jogos;
  • Ángelo Araos, meia, relacionado pela primeira vez no duelo contra o América;
  • Matheus Davó, atacante, que sequer foi relacionado.

Até agora, apenas três atletas foram titulares em todos os duelos com Vagner Mancini: o lateral-direito Fagner, o volante Xavier e o meia Mateus Vital.

– Todos estão nos planos. Na minha chegada, disse que a primeira função do treinador é recuperar todos os jogadores. É muito fácil chegar e pedir jogadores. Você vai onerar uma conta que já existe e colocar em xeque quem está no clube. Já fui atleta e passei por tudo isso. Uma das primeiras funções é recuperar jogador. Em duas semanas, vi evolução nos atletas dentro da maneira que eu quero – disse Mancini na última terça-feira.

  Com um jogador a menos Ceará vence o Corinthians de 2 a 1

Leia Também:  Botafogo demite técnico Bruno Lazaroni, com menos de um mês no cargo

Ainda sem ter repetido escalação, o treinador corintiano planejava, depois da vitória contra o Vasco, começar a fixar uma equipe. Porém, o mau desempenho na derrota para o América-MG deve provocar mudanças no time para enfrentar o Internacional, neste sábado, às 19h, na Neo Química Arena.

Para o confronto contra o líder do Brasileirão, Mancini contará com as voltas de Fábio Santos, Otero e Gustavo Mosquito, que não podem defender o Timão na Copa do Brasil.

Veja os jogadores utilizados por Mancini e quantos minutos cada um deles atuou com o técnico:

Goleiros

  • Cássio – 270
  • Walter – 90

Laterais

  • Fagner – 360
  • Lucas Piton – 252
  • Fábio Santos – 90
  • Sidcley – 18

Zagueiros

  • Gil – 360
  • Bruno Méndez – 76
  • Marllon – 281

Volantes

  • Xavier – 360
  • Éderson – 205
  • Camacho – 112
  • Cantillo – 18
  • Gabriel – 16

Meias

  • Mateus Vital – 296
  • Cazares – 222
  • Ramiro – 205
  • Gustavo Mantuan – 106
  • Otero – 55
  • Luan – 52

  Corinthians é derrotado pelo Sport na abertura da 12ª rodada do Brasilleirão

Leia Também:  Com um a menos, Santos segura empate com Ceará pela Copa do Brasil

Atacantes

  • Everaldo – 209
  • Boselli – 112
  • Léo Natel – 87
  • Jô – 60
  • Gustavo Mosquito – 34

 

COMENTE ABAIXO:

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA