Momento Esportes

Paraná derrota Figueirense e assume a liderança da Série B

Publicados

em


.

Líder, pelo menos por enquanto. O Paraná venceu o Figueirense fora de casa por 1 a 0, nesta sexta-feira (4), chegou a 17 pontos e lidera momentaneamente a Série B do Campeonato Brasileiro. Isto porque o Cuiabá joga neste sábado (5) contra o Vitória, no Barradão, e pode retomar o primeiro lugar.

Foi a segunda vitória consecutiva do Paraná, que garantiu, pelo menos, a permanência no G4 até o fim da 8ª rodada. Já o Figueirense chegou à segunda derrota seguida, permanece com 5 pontos, na 15ª posição, e pode terminar a rodada na zona do rebaixamento.

Jogo com pouca emoção

Foi um primeiro tempo com pouca emoção. Mesmo atuando em casa, o Figueirense não conseguiu ficar com a bola nos pés e o Paraná teve mais posse. Apesar de estar melhor, o time de Curitiba não chegou a assustar tanto, e só levou perigo em dois lances. Logo aos 5 minutos, Andrey fez boa jogada pela esquerda e chutou para defesa de Rodolfo Castro. Aos 36 minutos, Andrey avançou e passou para Bruno Gomes finalizar. Rodolfo mais uma vez apareceu. Os jogadores do Paraná reclamaram de um toque no braço de Matheus Neris neste lance, mas o árbitro não marcou pênalti.

Leia Também:  Fla e São Paulo encaram adversários equatorianos pela Libertadores

Gol na etapa final

O Figueirense começou o segundo tempo com mais pegada e quase abriu o placar logo com 1 minuto de jogo. Pedro Lucas acertou um bom chute de fora da área, obrigando Alisson a fazer boa defesa. Aos 16 minutos, nova chegada dos donos da casa. Sanchez cruzou na área e Keké, que entrou no intervalo no lugar de Gabriel Lima, chutou para fora.

Apesar do esforço do Figueirense, quem botou a bola na rede foi o Paraná. Andrey, novamente avançou pela esquerda e jogou na área. Elyeser dominou mal, e Bruno Gomes aproveitou para fazer o único gol da partida, aos 19 minutos. Mesmo com o gol, o Paraná não diminuiu o ritmo e teve oportunidades para ampliar. A chance do empate do Figueirense veio já no fim do jogo. Matheus Neris chutou forte, mas Alisson garantiu a vitória.

Na próxima rodada, o Figueirense enfrenta o Cuiabá terça-feira (8), às 21h30 na Arena Pantanal. Já o Paraná recebe o América-MG, quarta-feira (9), às 19h15 no Durival Britto.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.

Leia Também:  Copa do Brasil: América-MG vence Ponte Preta e avança

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Copa do Brasil: Atlético-GO marca nos acréscimos e elimina Fluminense

Publicados

em


.

Com amplo domínio da partida, o Atlético-GO sufocou o Fluminense do início ao fim e saiu de campo com a vitória por 3 a 1, nesta quinta (24), no Estádio Olímpico (GO). Com o resultado, a equipe do técnico Vagner Mancini avançou para as oitavas de final da Copa do Brasil, já que o Tricolor havia vencido o confronto de ida apenas por 1 a 0, no Maracanã.

Dragão é o dono do jogo

Precisando vencer, o Atlético-GO começou o jogo partindo para cima do Fluminense. Logo aos 3 minutos, Marlon Freitas aproveitou boa jogada de Janderson pela direita e chutou cruzado, passando perto do gol Tricolor. Aos 9 minutos, o Dragão contou com uma grande ajuda de Muriel para abrir o placar. Hyuri lançou Ferrareis pela esquerda, o camisa 11 cruzou na área em bola fácil para Muriel. No entanto, na hora de encaixar a defesa, o goleiro acabou entregando a bola nos pés de Chico, que não teve problemas para fazer o primeiro.

Leia Também:  Coluna - Mundial de League of Legends começa nesta sexta na China

Mesmo diminuindo o ritmo na parte final do primeiro tempo, o Atlético-GO criou boas chances para ampliar, sendo a melhor aos 42 minutos. Dudu avançou pela direita e jogou na área do Fluminense. Ferrareis cabeceou com perigo, tirando tinta da trave direita de Muriel.

Na única oportunidade real de gol que teve, o Fluminense empatou aos 50 minutos da etapa inicial. Cobrança de escanteio de Egídio pela esquerda e Luccas Claro subiu mais que toda a defesa para cabecear com força e deixar tudo igual.

O segundo tempo começou em ritmo mais lento, mesmo assim o Atlético-GO continuou melhor. O Fluminense mal conseguiu passar do meio de campo e o Dragão não criava muitas chances para finalizar.

A partir dos 25 minutos, o Atlético-GO começou a chegar com mais perigo. Primeiro com Matheus Vargas, que finalizou de perna direita para Muriel encaixar. No minuto seguinte, Janderson avançou pela direita e tentou cruzamento. O atacante quase marcou o gol mesmo sem querer.

Aos 33 minutos, o Atlético-GO marcou o segundo. Janderson soltou a bomba e Muriel fez grande defesa. No rebote, Marlon Freitas estufou as redes do Fluminense. Cinco minutos depois, Matheus Vargas invadiu a área e, na hora de chutar, Luccas Claro conseguiu evitar o gol da classificação do Dragão.

Leia Também:  Decreto permite jogos de futebol com torcida no estado do Rio

O Fluminense teve a chance do empate aos 44 minutos. Nenê entrou na área pela esquerda e finalizou rasteiro, cruzado. A bola desviou na zaga e foi pela linha de fundo.

O Atlético-GO garantiu a vaga nas oitavas de final aos 47 minutos do segundo tempo. Matheuzinho subiu pela esquerda e tocou na medida para Matheus Vargas chutar, decretar a vitória por 3 a 1 e colocar o Dragão na próxima fase da Copa do Brasil.

Veja a tabela da Copa do Brasil.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA