Momento Esportes

Passeio Ciclístico Internacional de mais de 300 km será neste fim de semana em Cuiabá

Publicados

em

 

    No próximo sábado (03), às 16 horas, na Arena Pantanal, em Cuiabá, acontece a largada do 4º Passeio Internacional de Cicloturismo Brasil – Bolívia.
 
   Serão 308 quilômetros pedalando até San Matias, cidade boliviana que faz fronteira com Mato Grosso. O Passeio tem cerca de 200 atletas inscritos.
 
   Nesta sexta-feira (02), às 19hs, no auditório do Comando Geral da Polícia Militar, ocorrerá uma reunião dos organizadores, seguida da entrega dos kits para os participantes.
 
    Organizador do evento é o coronel da reserva remunerada da Polícia Militar de Mato Grosso, Ibanez Filho, que, além de ser praticante desde 2009, promove o ciclismo entre amigos e na sociedade em geral.
 
  Desde 2012 passou a organizar eventos ciclísticos, entre os quais o Pedal do Pantanal (na Transpantaneira, em Poconé) e o Passeio Internacional de Cicloturismo Brasil – Bolívia.
Leia Também:  Melhores duplas brasileiras de vôlei de praia estreiam no Superpraia
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Esportes

Tóquio 2020 proíbe álcool, comemorações e pedidos de autógrafos

Publicados

em


Consumo de álcool, comemorações do tipo ‘bate aqui’ e conversas em voz alta serão proibidos para o número reduzido de portadores de ingresso da Olimpíada que terão acesso aos locais de competição, e os organizadores reconheceram que o “clima de comemoração” será limitado nos Jogos já adiados em um ano devido ao novo coronavírus (covid-19).Decisão de Seiko Hashimoto, presidente do Comitê de Tóquio, levou em conta alerta de autoridades de saúde, segundo as quais a bebida incentivaria contatos e interação em bares.Os organizadores levam adiante os preparativos da Olimpíada, ainda chamada de Tóquio 2020, apesar do grande temor do público japonês de que receber atletas de todo o mundo poderia resultar em mais surtos de covid-19.

Reportagens segundo as quais os organizadores estão cogitando permitir o consumo de álcool nos locais de competição de Olimpíada provocaram revolta nesta semana, e a hashtag “cancelem os Jogos Olímpicos” atraiu dezenas de milhares de tuites.

“Já que o Comitê Organizador quer realizar os Jogos de maneira segura e protegida, é nossa responsabilidade fazê-los acontecer”, disse a presidente da Olimpíada de Tóquio, Seiko Hashimoto, a repórteres nesta quarta-feira (23), um mês antes da cerimônia de abertura de 23 de julho. “Então, se nossos cidadãos têm receios [sobre servir álcool de Olimpíada], acho que teremos que desistir. É por isso que decidimos proibir a venda de álcool.”

A venda de álcool foi limitada dentro e ao redor de Tóquio depois que autoridades de saúde alertaram que beber incentivaria contatos próximos e interação em bares, o que poderia ajudar a disseminar o vírus.

Leia Também:  Coluna - Favoritos não têm do que reclamar na Copa do Brasil

O patrocinador Asahi Breweries disse que concorda com a decisão de proibir a venda de álcool e que a considera natural.

*Reportagem adicional de Antoni Slodkowski, Ju-min Park, Rocky Swift e Ami Miyazaki

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA