Momento Esportes

Presidente da Liga vê calendário para Copa do Nordeste, mas alerta: “Será impossível espremer”

Publicados

em

Ainda sem prazo para o retorno das competições esportivas, paralisadas em decorrência da pandemia causada pela Covid-19, dirigentes e atletas vivem a incerteza de se o restante do calendário suportará todas as competições.

Para o presidente da Liga do Nordeste, Eduardo Rocha, o torneio não corre risco de ser dado como encerrado. No entanto, deixa claro que a falta de datas pode virar um problema no futebol.

– A Copa terá uma facilidade porque só tem uma rodada classificatória e pelo andar da carruagem, vão se classificar clubes das séries A e B, com a outra parte na C. A Copa do Nordeste é mais fácil de conseguir. Mas alguns Estaduais estavam se encaminhando para returno, pode ter dois campeões, outros tem quadrangulares decisivos. Por uma questão de calendário, vai ser impossível se espremer, por mais que se queira.

A grande questão é que, mantendo-se o calendário atual, o segundo semestre precisará agrupar as Séries A, B, C e D do Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores, Copa Sul-Americana, Copa do Nordeste e Estaduais. Cenário que, na avaliação de Rocha, fará com que as entidades façam escolhas.

Leia Também:  Daniel Cargnin fatura primeiro bronze do judô brasileiro na Olimpíada

– A CBF fica esperando um posicionamento das autoridades, dizendo se está autorizado o futebol. Isso é uma coisa complicada. A Liga do Nordeste tem a ciência de que se voltar às competições pelo menos até junho, a Copa pode terminar, mas o que você vai fazer com os Estaduais? Não vai fazer os Nacionais? É uma questão de escolha.

A não continuidade dos estaduais foi descartada pelo Presidente da Federação Pernambucana de Futebol que alegou o fato de que as competições são classificatórias para a Copa do Brasil e Série D. Com isso, o encerramento prematuro poderia causar uma série de liminares na Justiça.

Apesar do cenário, o presidente da Liga mostra-se confiante e alega precisar de poucas datas para o torneio regional.

– A gente aguarda que até junho volte. Estou tranquilo porque posso diminuir datas, como só temos cinco rodadas a cumprir e com oito clubes. Depois ficam só quatro, depois ficam só dois. Há essa peculiaridade que favorece o término da competição. Mesmo que seja usando datas imprensadas, nós vamos terminar a competição.

Leia Também:  Brasileiros são eliminados na estreia do tênis em Tóquio

Otavio Ventureli(com GE)

Propaganda

Momento Esportes

Tóquio: Abner Teixeira vence e avança às quartas de final no boxe

Publicados

em


O peso-pesado Abner Teixeira estreou com vitória e avançou às quartas de final  na manhã desta terça-feira (27) contra o número cinco do mundo Chaeavon Clarke (Grã-Bretanha). Estreante em Olimpíadas, o pugilista paulista, de 25 anos, 14º no ranking mundial, ganhou por 4 a 1, na categoria acima de 91 quilos. Todas as lutas do boxe estão ocorrendo na na Ryögoku Kokugikan,onde também ocorrem as lutas de sumô na capital japonesa.

O brasileiro, de 25 anos, volta ao ringue às 7h39 (horário de Brasília) da próxima sexta (30) contra Hussein Ishaish, que eliminou um dos favoritos à medalha de ouro, o equatoriano Julio Castillo. Se vencer, Abner jájá assegura a medalha de bronze. 

Natural de Osasco, Abner descobriu o boxe aos nove anos, ao participar de um projeto social em Sorocaba (SP). Percorria a pé seis quilômetros diariamente até chegar à academia. Hoje, na estreia no ringue olímpico, o paulista começou ganhando o primeiro round por 29 a 28 e perde o seguinte por 27 a 30. Na sequência, Abner foi superior, ganhando por 30-27, 29-28 e 29-28.

Leia Também:  Gustavo Tsuboi vence e chega às oitavas no tênis de mesa

Próximas estreias

Quarta-feira (28)

2h12 – Keno Marley x vencedor (Shabbos Negmatulloev/Tajiquistão) e  Daxiang Chen/China) – categoria 81 kg

Quinta-feira (29)

5h – Hebert Conceição x vencedor (Ashish Kumar/Índia) x Erbieke Thuoheta/China) – categoria 75 kg

7h24 – Grazielli x vencedora  (Tsukime Namiki/Japão x Catherine Nanziri/Uganda) – categoria 51 kg

Sexta-feira (30)

5h – Bia Ferreira x vencedora (Wu Shih-Yi/Taiwan x Agnes Alexiusson/Suécia) – categoria 60 kg

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA