Momento Esportes

Série B: Operário vence Sampaio Corrêa e se aproxima do G4

Publicados

em


.

O Operário-PR venceu o Sampaio Corrêa por 1 a 0, no Castelão, em Fortaleza, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com a derrota, os donos da casa não conseguiram sair da zona de rebaixamento. Com sete jogos disputados, a Bolívia Querida tem apenas quatro pontos e ocupa a 18ª colocação. Do outro lado, a equipe paranaense encostou no G4. O Fantasma é o quinto colocado, com 15 pontos na tabela.

O primeiro tempo foi marcado pelas duas equipes cometendo muitas faltas e disputando a bola no meio campo. Na primeira etapa, a tônica foi muita luta e pouca emoção.

Após o intervalo os donos da casa voltaram melhor. O atacante Pimentinha, do time maranhense, era o jogador que mais dava trabalho ao Operário-PR. Aos 23 minutos, ele acertou a trave em um chute de dentro da grande área. Em seguida, aos 36, construiu jogada individual e bateu para fora. A bola passou perto da baliza do gol adversário. Apesar de ter tido mais volume, quem conseguiu fazer o gol foi o Fantasma. Aos 31, sozinho, o atacante Roger empurrou para o fundo da rede fechando o placar. Sampaio Corrêa 0, Operário-PR 1.

Leia Também:  Jogadores da seleção de rugby apoiam projeto social do Recife

O próximo compromisso do Sampaio Corrêa será na próxima quarta-feira (16), no Castelão, às 19h, contra o Juventude Samas, pelas semifinais do Campeonato Maranhense. Pela Série B, os nordestinos voltam a campo somente no domingo (20). A Bolívia Querida vai visitar o Avaí, na Ressacada, em Florianópolis às 11h. Já o Operário-PR terá pela frente a líder Ponte Preta, no sábado (19), no estádio Moisés Lucarelli às 19h.

Veja a classificação da Série B do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Propaganda

Momento Esportes

Brasileiros faturam três ouros em Aberto Internacional de Paratletismo

Publicados

em


.

O domingo (20) foi dourado para os atletas paralímpicos Alessandro Rodrigo da Silva, do lançamento de disco e arremesso de peso (F11), e Michel Gustavo, do salto em distância (T47). Os brasileiros conquistaram três medalhas no Aberto Internacional de Paratletismo de Freital (Alemanha). Esta foi a primeira competição oficial de ambos este ano, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Já classificado à Paralimpíada de Toquio (Japão), Alessandro da Silva, foi soberano em duas modalidades.  Na primeira disputa do dia do arremesso de peso, ele obteve a melhor marca válida – 13,18 metros – e faturou o ouro. Na sequência, voltou para o lançamento de disco, em que o brasileiro detém recorde mundial. E mais uma vez, Alessandro brilhou: venceu a prova com a marca de 43,38 m e o segundo ouro do dia. 

No salto em distância, Michel Gustavo, que ainda busca o índice paralímpico (7,14 m) para se garantir nos Jogos de Tóquio, conquistou o ouro ao vencer a prova com a marca de 6,44 m. 

Leia Também:  Brasileiros faturam três ouros em Aberto Internacional de Paratletismo

Na pontuação final do torneio, Alessandro foi premiado como melhor atleta do evento, e Michel ficou na segunda colocação na pontuação geral. Esta foi a primeira competição oficial de ambos em 2020, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA