Momento Esportes

Técnico da seleção de basquete feminino vai comandar time angolano

Publicados

em


.

O técnico José Neto conciliará a seleção feminina de basquete com o Atlético Petro de Luanda, de Angola. No time africano, ele dirigirá o elenco masculino. Será o retorno de Neto ao comando de um clube após dois anos, quando encerrou a passagem de seis temporadas pelo Flamengo. O preparador físico Diego Falcão, parte da comissão técnica da seleção e parceiro do treinador há 14 anos, também integra o projeto na África.

“Participar de competições de alto nível é sempre uma excelente oportunidade de aprendizado, aprimoramento, execução. Enfim, competir faz você melhorar. Assim como é muito importante para as jogadoras da seleção brasileira estarem em atividade, mesmo quando não há competições pela seleção, não é diferente com o treinador”, disse Neto, em comunicado da Confederação Brasileira de Basquete (CBB).

“No início do nosso trabalho com a seleção feminina, tivemos uma sequência de quatro competições seguidas em apenas sete meses, durante os quais também trabalhamos intensamente na implementação da metodologia de trabalho. O foco principal foi o de iniciar este projeto de reestruturação do basquete feminino brasileiro. A possibilidade de assumir um clube em caráter concomitante com a seleção sempre foi uma opção aberta”, completou o treinador, de 49 anos.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

José Alves dos Santos Neto (Itapetininga, 16 de março de 1971) É um treinador brasileiro de basquetebol Paulistano Copa Brasil Sul: 2003 Joinville BA Copa Sul-Brasileira: 2011 Campeonato Catarinense: 2011 Jogos Abertos de Santa Catarina: 2011 Flamengo Copa Intercontinental FIBA: 2014 FIBA Liga das Américas: 2014 Campeonato Brasileiro: 2012-13, 2013-14, 2014-15, 2015-16 Campeonato Carioca: 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 Seleção Brasileira Feminina Jogos Pan-Americanos: 2019 Prêmios Individuais Troféu Ary Vidal – Treinador do Ano: 2016 Eleito Melhor Treinador da Década no NBB (2009-2019)

Uma publicação compartilhada por Atlético Petróleos De Luanda (@petro_de_luanda_oficial) em 1 de Set, 2020 às 8:56 PDT

José Neto assumiu a seleção feminina há um ano, às portas dos Jogos Pan-Americanos de Lima (Peru). Apesar do pouco tempo de trabalho, a equipe foi medalhista de ouro na capital peruana, feito que não era alcançado desde 1991. Em seguida, o time ficou em terceiro na Copa América, classificando-se ao pré-olímpico da França. A seleção, porém, foi superada por Austrália, Porto Rico e pelas anfitriãs e ficou fora dos Jogos de Tóquio (Japão), no ano que vem.

Leia Também:  CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão

Paulista de Itapetininga, região metropolitana de Sorocaba, Neto teve seu trabalho de mais destaque no Flamengo, com a conquista de quatro edições do Novo Basquete Brasil (NBB), uma Liga das Américas (atual Champions League, a Libertadores da modalidade) e um Intercontinental. Antes da seleção feminina, o técnico dirigiu por quatro meses o Levanga Hokkaido, do Japão, na primeira experiência internacional da carreira.

Novo time do treinador brasileiro, o Atlético Petro de Luanda tem 13 títulos nacionais de basquete e dois da Liga dos Campeões africanos, o último deles em 2015. A partir de 2020, a principal competição do continente passa a se chamar BAL (Liga Africana de Basquete, na sigla em inglês), organizada em parceria pela NBA, principal liga norte-americana da modalidade, e a Federação Internacional de Basquete (Fiba). O Petro é o representante de Angola no torneio, que, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), não tem data para começar.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Propaganda

Momento Esportes

Série C: Santa Cruz e Jacuipense-BA empatam no Arruda

Publicados

em


Pela 8ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro, Santa Cruz e Jacuipense-BA empataram em 3 a 3, nesta segunda (28) no Estádio Arruda, em Recife. Com o resultado, os pernambucanos mantiveram a ponta do grupo A da competição com 15 pontos, já os baianos estão em sexto lugar com 10 pontos, mas com um jogo a menos.

Na primeira etapa, os visitantes saíram na frente. Aos 18 minutos, Railan acertou o ângulo do adiantado goleiro Maycon Cleiton. O gol do empate Tricolor veio aos 26 com Mayco Félix, de cabeça, após cobrança de escanteio. A virada Cobra Coral saiu aos 47, novamente com Mayco Félix, num certeiro peixinho.

O segundo tempo continuou animado. Aos 21, Dinei cabeceou para empatar a partida. A virada baiana também sairia dos pés de Dinei. Praticamente no fim do duelo, aos 44, Toty aproveita cruzamento de Tinga e empata para o Santa.

Leia Também:  Primeiro atleta a nadar até Alcatrazes sonha tornar percurso em evento

O Santa Cruz agora vai no próximo domingo (4) a Fortaleza para enfrentar o Ferroviário. Já o Jacuipense recebe o Vila Nova na próxima segunda-feira (5).

Veja a classificação atualizada da Série C do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA