Momento Jurídico

Voto consciente será debatido nesta sexta (28) em live da série “Diálogos Democráticos”

Publicados

em


.

Nesta sexta-feira (28), às 15h, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) promove a quarta live da série “Diálogos Democráticos”. O debate on-line, que abordará a importância do voto consciente para o aprimoramento da democracia, contará com a participação de Marcelo Tas, jornalista, apresentador e professor; Marina Silva, historiadora, ambientalista e ex-senadora; e Caio Coppolla, bacharel em Direito, jornalista e comentarista político. A mediação ficará a cargo do presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso.

A live será transmitida ao vivo pelo canal da Justiça Eleitoral no YouTube e em todas as redes sociais oficiais do Tribunal. Para o público que estiver acompanhando a transmissão, será possível interagir por meio dos chats, que permitem o envio de perguntas, contribuições, críticas e sugestões relacionadas ao tema em debate.

Os interessados poderão também participar da iniciativa postando mensagens no Twitter usando a hashtag #DiálogosDemocráticos.

Edições anteriores

A série “Diálogos Democráticos” tem como finalidade mobilizar figuras públicas e influentes no meio digital para sensibilizar a população e transmitir mensagens de incentivo ao voto consciente. Desde junho deste ano, o TSE já realizou três lives da série.

Leia Também:  Termina amanhã prazo para partidos definirem candidatos às eleições

A primeira ocorreu no dia 19 de junho. O tema debatido foi “Mais Mulheres na Política”. Participaram do debate Camila Pitanga, atriz e embaixadora da ONU Mulheres no Brasil; Djamila Ribeiro, escritora, filósofa e professora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP); e Simone Tebet, senadora (MDB) e primeira mulher a presidir a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal.

A segunda, que acordou a temática “Desinformação no Processo Eleitoral”, ocorreu no dia 29 de junho. O debate sobre como combater esse fenômeno teve como convidados a jornalista Cristina Tardáguila, criadora da Agência Lupa; o biólogo e youtuber Atila Iamarino; e o deputado federal Felipe Rigoni (PSB-ES), um dos autores do projeto de lei de combate à desinformação na internet.

Já a terceira live, que aconteceu no dia 31 de julho, teve como debatedores Luiz Felipe Pondé, filósofo, escritor e professor; Projota, rapper, compositor e ator; e Tabata Amaral, deputada federal, cientista política e astrofísica. Os convidados debateram com o ministro Barroso meios e mecanismos para incentivar os jovens a participarem da política de maneira mais ativa.

Leia Também:  Pleno não homologa cautelar que suspendeu licitação da Prefeitura de Jaciara

IC/LC

Fonte: TSE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Momento Jurídico

TJRJ nega reabertura das escolas particulares no Rio de Janeiro

Publicados

em


.

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) negou hoje (17) o pedido da prefeitura da capital para a reabertura das escolas particulares. O presidente do TJ, desembargador Claudio de Mello, em sua decisão, alegou não ter “motivo para decidir a questão neste momento, enquanto se encontra pendente de decisão a questão pela Suprema Corte”.

Em sua decisão, o desembargador afirmou que a suspensão de segurança, pedido pelo município Rio “é um canhão de cem toneladas que exige, para ser usado, um mecanismo complicado, para atirar uma quantidade considerável de pólvora, e para ser ajustado, um grande alvo para pontaria. Dito de outra forma: deve ser utilizado como a bala de prata”.

Leia também:

Justiça do Rio reforça suspensão de aulas na rede privada da capital

Justiça cassa liminar e aulas no Rio podem retornar nesta segunda

Justiça nega pedido contra reabertura das escolas particulares no Rio

Especialistas da UFRJ desaconselham volta às aulas no Rio

Edição: Liliane Farias

Leia Também:  Polícia Federal investiga suposta fraude nos Correios no Maranhão

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA