Momento Policial

Crimes de homicídio, roubo e furto reduzem em Cuiabá e Várzea Grande

Publicados

em


.

Hérica Teixeira/Sesp-MT

Os municípios de Cuiabá e Várzea Grande apresentaram reduções nos principais índices criminais, entre janeiro e agosto deste ano, em comparação com o mesmo período de 2019. Os dados são da Superintendência do Observatório de Violência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

Nos primeiros oito meses de 2020, 48 pessoas foram vítimas de homicídio em Cuiabá. Entretanto, no mesmo período do ano passado, 60 pessoas morreram pela mesma prática criminosa, o que representa uma redução de 20%. O município de Várzea Grande também apresentou queda de quase 21%. Em 2020, 27 pessoas morreram contra 34 no mesmo período do ano anterior.

O levantamento tem como base os registros de Boletins de Ocorrências (BOs) nas duas cidades. Já em relação os crimes de roubo seguido de morte, Cuiabá registrou redução de 75%, totalizando uma pessoa morta em 2020, enquanto em 2019 foram quatro. O município vizinho a capital, Várzea Grande, apresentou uma queda ainda maior: -83%. Nos primeiros oito meses deste ano uma pessoa morreu, já no mesmo período do ano passado foram seis.

Leia Também:  Policiais encontram espingarda e revólver em bar depois de denúncia de ameaça

O secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp, coronel PM Victor Fortes, ressalta que mesmo com um ano atípico por conta da pandemia, as forças de segurança continuaram atuando firmemente no combate à criminalidade e não diminuíram o ritmo das operações, reforçando o policiamento, as ações integradas e investigações criminais.

“O empenho das forças de segurança e o comprometimento dos profissionais foram primordiais para alcançar os resultados. A Sesp fortaleceu a integração tanto na atividade de inteligência quando na atuação operacional entre as instituições, com ações preventivas e repressivas no enfrentamento aos principais índices criminais, principalmente no enfrentamento aos crimes contra a vida e o tráfico de drogas. Nosso objetivo é continuar ampliando as ações”, enfatiza.

Crimes contra o patrimônio

Nos primeiros oito meses do ano, os crimes de roubo (quando há violência) reduziu 25% em Cuiabá e 37% em Várzea Grande. Na capital, foram 2.202 em 2020 registros contra 2.948 em 2019. Já em Várzea Grande foram 986 roubos registrados neste ano, enquanto que no ano passado foram 1.576 ocorrências.

Leia Também:  Suspeito de estupro de vulnerável é localizado e preso em Novo Mundo

Os furtos em Cuiabá reduziram 31% em 2020. Foram 5.992 registros em 2020 contra 8.798 em 2019. Em Várzea Grande, a queda ultrapassou 27%. Neste ano ocorreram 1.864 furtos, enquanto no ano passado foram 2.586 ocorrências.

Compõem as forças de segurança a Polícia Militar (PM), Polícia Judiciária Civil (PJC), Corpo de Bombeiros Militar (CBM), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sistema Penitenciário e Sistema Socioeducativo.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Suspeito é preso pela PM por agredir e tentar matar a esposa em Sinop

Publicados

em


Em Sinop, a Polícia Militar prendeu um homem de 22 anos por homicídio doloso tentado, ameaça e lesão corporal, na noite de sexta- feira(30), no bairro Jardim Veneza. O suspeito havia tentado matar a esposa e foi imobilizado por populares que flagraram a vítima fugindo do marido para escapar das agressões. 

 

Por volta das 22 horas, policiais acionaram a PM via 190 para verificar uma ocorrência de violência doméstica na Rua Eliza Bortolozo, no Jardim Veneza. No local, a equipe de militares presenciou o suspeito já imobilizado, por uma testemunha, que contou que o homem estava correndo atrás da mulher e que após alcançá-la  teria derrubado  a vítima no chão; arrastando a esposa pelos cabelos para casa. A testemunha relata que foi ameaçada de morte pelo suspeito. 

 

De acordo com a vítima, o suspeito chegou em casa e lhe acusou de traição. A mulher ao negar os fatos, deu as costas para o marido, que  lhe agrediu; puxando os  cabelos da esposa que estava com o bebê nos braços. A vítima foi derrubada no chão e o suspeito esmurrou seu rosto, querendo  matá-la com uma arma de fogo, mas o revólver estava sem munição.

 

Leia Também:  PRF apreende veículo de carga, com adulteração em elementos de identificação veicular

A vítima disse ainda que o marido usou o arma para enforcá-la e que ao tentar pegar uma faca para dar fim a sua vida, ela conta  que conseguiu fugir para rua e pedir ajuda que detiveram o suspeito. Os policiais verificaram que a mulher estava com lesões no pescoço,no rosto, na sobrancelha e na região da cabeça.

 

O homem foi preso em flagrante e conduzido à delegacia. 

A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil. 

 

Serviço

 

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

Fonte: PM MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA