Momento Policial

Homem investigado por estupro de enteada tem prisão preventiva cumprida em Cuiabá

Publicados

em


.

Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá (Dedm) cumpriu nesta quinta-feira (06.08) um mandado de prisão preventiva contra um homem investigado pela unidade policial por estupro de vulnerável praticado contra sua enteada.

A delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis representou pelo pedido de prisão do suspeito, que é professor, após reunir em inquérito policial elementos probatórios que comprovaram o crime praticado reiteradas vezes contra a vítima que era sua enteada.  

De acordo com a investigação, o suspeito praticava abuso contra a vítima desde que ela tinha sete anos, quando ele ainda era conhecido da família. O investigado aproveitava momentos ou criava situações para ficar a sós com a vítima desde que ela era menor de idade e praticar os abusos, inclusive, fazendo a criança se sentir culpada pela situação. Ele a presenteava com roupas, doces e brinquedos para que a vítima ficasse calada. Neste ano, ele voltou a assediar a vítima por várias vezes.

Além da enteada, o suspeito também é investigado pelo estupro praticado contra outra criança da mesma família.

Leia Também:  Polícia Militar lamenta morte de coronel da reserva remunerada Ricardo Almeida Gil

O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Jurandir Florêncio de Castilho Jr, da 14ª Vara Criminal de Cuiabá.

Após o cumprimento do mandado, o investigado foi encaminhado à delegacia e posteriormente irá para a unidade prisional do Capão Grande, em Várzea Grande.

 

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Polícia Civil cumpre prisão de suspeito de morte de adolescente em Guiratinga

Publicados

em


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil do município de Guiratinga (328 km ao sul de Cuiabá) efetuou a prisão do principal suspeito de matar uma adolescente de 16 anos. O rapaz de 24 anos foi preso em cumprimento a mandado de prisão temporária decretado pela Comarca do município pelo crime de homicídio qualificado (feminicídio).

A menor Ketrin Antunes de Lima desapareceu no dia 30 de agosto. Desde então, os policiais civis da Delegacia de Guiratinga iniciaram as diligências ininterruptas para esclarecer o crime.

No dia 03 de setembro, o corpo da vítima foi localizado em um prédio abandonado no bairro Tancredo Neves, já em estado avançado de decomposição. 

Durante investigação a equipe realizou várias oitivas e diligências, e todas as evidências indicando como principal suspeito o rapaz com quem a menor estava se relacionando. 

O jovem foi interrogado na Delegacia de Guiratinga, e durante depoimento entrou em contradição por diversas vezes,  sendo também percebido que ele tentava atrapalhar as investigações.

Diante dos indícios de autoria, a Polícia Civil representou pelo pedido de prisão temporária do suspeito.  Com a ordem de prisão expedida pela Justiça, os policiais civis efetuaram a prisão do suspeito na tarde de sexta-feira (19), em uma fazenda na zona rural de Guiratinga. 

Leia Também:  Quatro pessoas são presas em festa com arma e drogas em Rondonópolis

Conduzido para delegacia o suspeito foi novamente ouvido e negou as acusações. Em conformidade ao mandado, o preso foi encaminhado para uma unidade prisional onde ficará à disposição da Justiça.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA