Momento Policial

Mandados de prisão e de buscas são cumpridos em mais uma fase da Operação Reclusos

Publicados

em


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Em continuidade à Operação Reclusos, que investiga grupo criminoso envolvido em diversos crimes na região de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá), a Polícia Civil, em integração com demais forças de segurança do município, cumpriu mandados judiciais na manhã desta segunda-feira (10). Essa fase da operação, com participação de policiais civis, militares e penais resultou na prisão de uma suspeita e apreensão de quatro aparelhos de telefone celular.

Na ação desta segunda-feira, foram cumpridos mandados de busca e apreensão domiciliar e mandado de prisão preventiva em desfavor de uma pessoa suspeita de envolvimento na prática criminosa. As diligências também tem a função de colher elementos probatórios que auxiliem na identificação e participação de agentes públicos no esquema criminoso.

A Operação Reclusos foi iniciada em julho deste ano com o objetivo de identificar e autuar os responsáveis pela facilitação na entrada de aparelhos de telefones celulares e de entorpecentes, que foram apreendidos em buscas realizadas no Centro de Detenção Provisória do município em uma das fases da investigação.  

Leia Também:  Polícia Civil lamenta morte de investigador por infarto fulminante

Os resultados dos trabalhos da Operação Reclusos são frutos de um trabalho integrado entre a Polícia Civil, Polícia Militar e Sistema Penitenciário que atuam em Lucas do Rio Verde.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Polícia Civil cumpre prisão de suspeito de morte de adolescente em Guiratinga

Publicados

em


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil do município de Guiratinga (328 km ao sul de Cuiabá) efetuou a prisão do principal suspeito de matar uma adolescente de 16 anos. O rapaz de 24 anos foi preso em cumprimento a mandado de prisão temporária decretado pela Comarca do município pelo crime de homicídio qualificado (feminicídio).

A menor Ketrin Antunes de Lima desapareceu no dia 30 de agosto. Desde então, os policiais civis da Delegacia de Guiratinga iniciaram as diligências ininterruptas para esclarecer o crime.

No dia 03 de setembro, o corpo da vítima foi localizado em um prédio abandonado no bairro Tancredo Neves, já em estado avançado de decomposição. 

Durante investigação a equipe realizou várias oitivas e diligências, e todas as evidências indicando como principal suspeito o rapaz com quem a menor estava se relacionando. 

O jovem foi interrogado na Delegacia de Guiratinga, e durante depoimento entrou em contradição por diversas vezes,  sendo também percebido que ele tentava atrapalhar as investigações.

Diante dos indícios de autoria, a Polícia Civil representou pelo pedido de prisão temporária do suspeito.  Com a ordem de prisão expedida pela Justiça, os policiais civis efetuaram a prisão do suspeito na tarde de sexta-feira (19), em uma fazenda na zona rural de Guiratinga. 

Leia Também:  PM encontra droga em casa denunciada por moradores em São José dos Quatro Marcos

Conduzido para delegacia o suspeito foi novamente ouvido e negou as acusações. Em conformidade ao mandado, o preso foi encaminhado para uma unidade prisional onde ficará à disposição da Justiça.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA