Momento Policial

Pedro Nadaf é acionado por enriquecimento ilícito em ação de R$ 5,4 milhões

Publicados

em

 

     O ex-secretário de estado de Mato Grosso nas gestões Blairo Maggi (PP) e Silval Barbosa e atual delator premiado, Pedro Nadaf, é alvo do Ministério Público (MP) por atos de improbidade administrativa e enriquecimento ilícito.

      O mandado de notificação foi expedido pelo juiz Bruno D'oliveira Marques e publicado no Diário de Justiça desta segunda-feira (24). Conforme documento, a causa tem um valor de R$ 5,4 milhões.

    Nadaf fez um acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República (PGR) para entregar políticos envolvidos no esquema de desvio de dinheiro público e devolver R$ 16,9 milhões ao Estado.

     Ele devolveu 27 imóveis e teve R$ 484,5 mil bloqueados de sua conta, além da entrega dos pagamentos de aluguéis de outros nove imóveis. Nadaf ainda vai devolver outros R$ 578 mil à União por meio de cinco parcelas anuais de R$ 115,6 mil. 

       O acordo garantiu a Nadaf a redução de 2/3 da pena nas operações Seven, Ararath e Sodoma. Se condenado, ele irá cumprir os primeiros cinco anos da pena em regime semiaberto.

Leia Também:  Polícia Civil prende preventivamente homem que ameaçava e perseguia ex-companheira na Capital
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Momento Policial

Policiais civis participam de curso para manuseio de Drone ministrado pelo Sindicato Rural de Canarana

Publicados

em

 

Assessoria | Polícia Civil-MT

Durante uma semana de qualificação, dezoito policiais civis lotados na Delegacia Regional de Água Boa (730 km a leste de Cuiabá) participaram do curso de “Treinamento de Operação de Aeronave Remotamente Pilotada – Drone”, promovido pelo Sindicato Rural do município de Canarana (823 km a leste da Capital).

O curso dividido em duas turmas iniciou na segunda-feira (13.09) e encerrou no sábado (18.09), com a participação de 30 profissionais da segurança pública, entre policiais civis, militares, penais, bombeiros militares e peritos.

Foram ministradas aulas teóricas e práticas, e ao final os alunos receberam o Certificado emitido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-MT).

Além dos servidores da região de Água Boa, dois policiais civis da Delegacia Regional de Barra do Garças também estiveram presentes no curso, que teve como principal objetivo o manuseio desta ferramenta de grande relevância para a modernização dos trabalhos policiais.

Atualmente as diligências investigativas tem exigido cada vez mais o uso de novas tecnologias para o enfrentamento do crime organizado, sendo que o equipamento drone se encaixa nessas inovações tecnológicas.

Leia Também:  Polícia Civil prende preventivamente homem que ameaçava e perseguia ex-companheira na Capital

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA