Momento Policial

PM encontra burro agonizando e suspeito é preso por maus-tratos aos animais

Publicados

em


Policiais militares do Batalhão de Proteção Ambiental prenderam um homem de 57 anos por maus-tratos aos animais. O suspeito que é proprietário de um burro foi denunciado por vizinhos que presenciaram o animal agonizando no chão, na quarta- feira (14), em Barra do Bugres.

A equipe do Batalhão de Proteção Ambiental da Polícia Militar foi acionada para verificar juntamente com agentes de fiscalização uma denúncia de maus-tratos a  um burro (animal doméstico ) no bairro Jardim Imperial.   

Policiais, agentes de fiscalização da Prefeitura e um médico veterinário estiveram no bairro e localizaram o burro agonizando, as margens de um terreno que seria do amigo do proprietário do animal.

O burro apresentava magreza e no local não foi localizado nenhuma vasilha com água para o animal que estava bem debilitado, com ferimentos nas patas e no rosto. O dono do burro foi localizado, o homem alegou que o animal estava doente. O veterinário constatou que devido o sofrimento do burro seria necessário providenciar a eutansia do animal. A PM constatou que o suspeito cria outros animais animais domésticos, inclusive cavalos que ficam soltos na zona urbana da cidade. 

Leia Também:  Polícia Civil prende casal em ação de combate ao tráfico doméstico na região central de Cuiabá

O suspeito foi preso e conduzido à delegacia. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Fonte: PM MT

Propaganda

Momento Policial

Polícia Civil inicia entrega de rádio comunicadores digitais às unidades das regionais de Cuiabá e VG

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Mato Grosso iniciou na tarde desta quinta-feira (22.10) a distribuição das 125 unidades do kits de rádios digitais, que serão entregues para todas as delegacias de policiais de Cuiabá, Várzea Grande e municípios da região metropolitana da Capital.

 

A primeira unidade policial a receber os equipamentos modernos de comunicação foi a Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), que passará agora a operar no sistema de radiocomunicação digital, em substituição ao sistema analógico. A meta é que até 2022 Mato Grosso deixe de operar totalmente a comunicação analógica. 

Os 125 kits são compostos de um rádio HD acompanhado de antena, carregador com fonte, capa, fone de ouvido e adaptador de tomada.

Os equipamentos foram adquiridos por meio do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) celebrado pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e Ministério Público Estadual, sendo em seguida disponibilizados para uso das forças de segurança pública.

Para o delegado da Deletran, Christian Cabral, a aquisição dos aparelhos digitais representam um avanço, não apenas na economia de custo ao poder público, pois agora a polícia deixa de fazer o uso da telefonia, mas também no ganho da eficiência e segurança.

Leia Também:  Polícia Civil de MT cumpre prisão de suspeito de homicídio ocorrido em São Bernardo do Campo

Os aparelhos permitem a comunicação com qualquer cidade abrangida pela rede digital e também a integração com os outros órgãos de segurança, que estejam fazendo uso do equipamento.

“Com isso agora a gente desobstrui o serviço de despachamento de ocorrência do Ciosp, pois a Deletran poderá modular diretamente com as equipes e com as demais forças de segurança que atuam nos atendimentos de acidente de trânsito!”, destacou o Cristian Cabral.

“Além de permite a maior agilidade nas comunicações, haja vista que esses policiais não precisam mas fazer o uso de telefones, que são burocráticos e demorados, e ainda geram custo. Podendo assim a economia financeira ser revertida em ação de melhorias para segurança pública”, finalizou o delegado.

A entrega dos rádios comunicadores digitais é realizada pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação (Coti), conforme cronograma de programação.

 

As unidades policiais, quando informadas para comparecem para receber os equipamentos, deverão proceder com a entrega dos rádios HT analógicos que estão instalados nas delegacias, que posteriormente serão redistribuídos para as unidades da Polícia Civil do interior do Estado.

Leia Também:  Polícia Civil prende casal em ação de combate ao tráfico doméstico na região central de Cuiabá

O sistema de radiocomunicação digitalizado e criptografado é uma reivindicação antiga da área de segurança. A primeira etapa do sistema abrange, que começou a funcionar na semana passada, abrange além de Cuiabá e Várzea Grande, as cidades de Poconé, Barão de Melgaço, Santo Antônio de Leverger, Nossa Senhora do Livramento, Jangada, Acorizal, Chapada dos Guimarães, Rosário Oeste, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Nobres e os distritos de Agrovila das Palmeiras e Paraíso do Manso.

A Sesp adquiriu 19 conjuntos de Estações Repetidoras (ERB’s), 950 unidades de rádio portátil, 160 rádios móveis e 80 fixos, além de demais instrumentos necessários para distribuição a todas as forças de segurança do Estado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA