Momento Policial

Polícia Civil autua em flagrante e pede prisão preventiva de autor de homicídio na Capital

Publicados

em

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), autuou em flagrante e representou pela prisão preventiva do autor do homicídio ocorrido no sábado (19.06), no bairro Nova Esperança II, em Cuiabá.

As diligências iniciaram assim que policiais da DHPP foram acionados do homicídio ocorrido em frente a uma mercearia, no bairro Nova Esperança II, em Cuiabá.. No local, a equipe se deparou com a vítima ao solo,  com uma perfuração grande e profunda de objeto perfurocortante nas costas, com grande quantidade de sangue ao redor;

Testemunhas informaram que a vítima e suspeito, autor do fato, eram amigos, e companheiros de trabalho, e teriam ficado a tarde inteira ingerindo bebida alcoólica e conversando. No final da tarde, eles se desentenderam e o suspeito saiu, foi em sua residência, pegou uma faca e retornou, atingindo a vítima  pelas costas, sem chances de defesa.

Enquanto as guarnições faziam varreduras pelas redondezas do local, procurando capturá-lo, o suspeito retornou ao local do fato e ameaçou as testemunhas para que não o denunciassem, tendo investido contra algumas delas. Neste momento, o suspeito foi detido por populares que presenciaram a situação, entregando o criminoso à Polícia em seguida.

Leia Também:  Mulher de 45 anos é pega com caminhonete adulterada em Rondonópolis

O suspeito é do estado do Maranhão e possui passagens anteriores por furto, roubo e tráfico de drogas.

Ele foi conduzido à DHPP, onde após ser interrogado pelo delegado Olímpio da Cunha Fernandes Junior, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado, sendo representado pela conversão da prisão em flagrante em preventiva.

Fonte: PJC MT

Momento Policial

Dez motoristas são presos por embriaguez ao volante durante Lei Seca

Publicados

em

 

A 31ª edição da Operação Lei Seca, realizada na madrugada deste domingo (01.08), em Cuiabá, resultou na prisão de 10 motoristas por embriaguez ao volante. Ao todo, 87 testes de alcoolemia foram realizados e um total de 71 autos de infração de trânsito foram lavrados.

Entre os autos de infração mais comuns, 22 foram lavrados por conduzir veículo sob efeito de álcool, 14 por conduzir veículo sem CNH, outros 14 por conduzir veículo sem registro ou não licenciado e cinco por recusa à realização do teste de alcoolemia.

Também foram lavrados 10 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) para motoristas não habilitados. O TCO é lavrado no caso de crimes de menor potencial ofensivo.

A operação fiscalizou um total de 80 veículos e terminou com o recolhimento de 33, sendo 27 carros e seis motocicletas. A fiscalização teve início às 0h e terminou por volta de 1h30.

Sob coordenação do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), esta edição contou com a participação da Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN); Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada de Trânsito (Deletran); Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT); Polícia Rodoviária Federal (PRF); Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob); e Sistema Penitenciário.

Leia Também:  1º Batalhão de Polícia Militar de Cuiabá celebra 104 anos com homenagens a personalidades de Mato Grosso
Fonte: PM MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA