Momento Policial

Polícia Civil cumpre dez mandados em operação contra envolvidos em latrocínio na Rodovia dos Imigrantes

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Dez ordens judiciais, entre mandados de prisão e de busca e apreensão, são cumpridos nesta quarta-feira (28.10) pela Polícia Civil em operação deflagrada pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (Derrfva), para esclarecimento de um latrocínio ocorrido no último mês de abril, na Capital. 

São cumpridos na Operação Medianeira dois mandados de prisão e oito de busca e apreensão domiciliar contra suspeitos indiciados pelo latrocínio. A operação também tem o objetivo de apreender objetos ligados à atividade criminosa com o intuito de fortalecer o inquérito policial. 

A ação conta com apoio de equipes da Gerência de Operações Especiais (GOE), Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes e Delegacia Especializada do Adolescente de Cuiabá. 

O inquérito policial instaurado na Derrfva investiga as circunstâncias do roubo seguido de morte ocorrido no dia 24 de abril deste ano, na Rodovia dos Imigrantes, que vitimou João Batista da Silva. Até o momento, o caso foi o único latrocínio registrado na região metropolitana no ano de 2020. 

Durante as investigações foi identificado que os autores do crime fazem parte de uma organização criminosa armada voltada à prática de roubos de veículos e crimes correlatos com atuação em Cuiabá, Várzea Grande e outras cidades da região metropolitana.

Leia Também:  Fiscalização integrada apura atuação ilegal de profissional em clínica de beleza na Capital

O grupo criminoso, com aval de uma facção criminosa, também estaria envolvido na implantação  de uma milícia armada no loteamento João Baracat, impondo regras com o emprego de violência e grave ameaça aos moradores da região.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Espingardas e revólver artesanal são apreendidos em Planalto da Serra, Sinop e Colniza

Publicados

em


Policiais militares encaminharam á delegacia nesta quinta-feira (21.01), três homens por porte ilegal de arma de fogo nas cidades de Planalto da Serra Colniza e Sinop.

Em Planalto da Serra, foram apreendidas duas espingardas calibres 12 e 16. O dono das armas alegou que não teria registro nem porte. A informação que ele teria armas de fogo em seu estabelecimento comercia foi passava via disque- denúncia.

Em Sinop, os policiais do 11º BPM prenderam um homem e apreenderam um adolescente durante a cobrança de uma divida, no bairro Santa Rita. O jovem carregava um revólver artesanal calibre 22 e o homem uma faca.

Em Colniza, agentes da 11ª Companhia foram informados de uma situação de violência doméstica. O homem teria agredido sua esposa na Estrada das Mansões, zona rural da cidade. No local, o denunciado correu para uma área de mata. Durante a negociação, o suspeito se entregou. Na sua casa, os policiais encontraram uma espingarda com dois canos para calibres 16 e 28, além de 10 cartuchos.

Leia Também:  Primeiros sete profissionais da saúde cuiabanos são vacinados contra a Covid-19

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA