Momento Policial

Polícia Civil esclarece homicídio em assentamento no Araguaia e prende autor em flagrante

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homicídio ocorrido nesta semana no município de Santa Terezinha (1.312 km a nordeste de Cuiabá) foi esclarecido e o autor do crime preso em flagrante. O homem de 45 anos foi autuado por homicídio qualificado e teve a prisão em flagrante convertida em preventiva pela Justiça.

André Rodrigues Alves, 45 anos, foi morto com um tiro de espingarda no dia 02 de dezembro enquanto campeava pelo pasto do sítio, a cavalo, em um assentamento no município de Santa Terezinha.

O autor do crime foi localizado na quinta-feira (03.12) no município de Santana do Araguaia, na divisa de Mato Grosso com o Pará.

De acordo com o delegado José Ramon Leite, o crime ocorreu por motivo fútil. O suspeito e a vítima tiveram uma desavença por conta de uma cerca na divisa das propriedades.

Na manhã em que ocorreu o crime, a vítima saiu de casa a cavalo e com demorou a retornar, a esposa foi procura-lo e encontrou o corpo de André caído em meio ao pasto, alvejado com um tiro.

Leia Também:  PM monta operação de escolta da vacina e policiamento nas unidades de imunização da Covid-19

Assim que foi acionada, a equipe da Delegacia da Polícia Civil de Santa Terezinha foi ao local do crime, coletou informações e iniciou as diligências para localização do suspeito. Em buscas na casa do suspeito foram encontradas duas espingardas calibres 20 e 32 e munições.

Com apoio da Delegacia de Vila Rica e da Polícia Militar e também da Polícia Civil de Santa do Araguaia, o autor do homicídio foi localizado no município paraense, preso em flagrante e conduzido para Mato Grosso.

Ele foi interrogado pelo delegado José Ramon, que representou pela conversão da prisão em flagrante por prisão preventiva, sendo depois encaminhado à unidade prisional de Vila Rica.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Marido que ameaça mulher em Paranatinga é preso por porte ilegal de arma de fogo

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um homem foi preso pela Polícia Civil do município de Paranatinga (373 km ao sul de Cuiabá), na tarde desta sexta-feira (22.01), durante diligências para apurar uma denúncia de ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha.

O trabalho resultou na apreensão de uma arma de fogo e mais vinte e duas munições de calibre 22. O suspeito de 50 anos foi autuado pelo crime de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

A vítima procurou a Delegacia de Polícia para registrar a ocorrência de ameaça cometida pelo seu marido. Ainda segundo informações, o suspeito possuía uma arma de fogo.

Diante das informações os policiais civis foram até a residência do mesmo no bairro Cohab Jaime Dias Pereira Filho, onde localizaram a arma artesanal com capacidade para seis cartuchos de calibre 32, além das munições.

O suspeito foi conduzido para a Delegacia de Polícia, interrogado e preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Após a confecção dos autos ele foi colocado à disposição da Justiça.

Leia Também:  Policiais descobrem tentativa de roubo e interceptam quadrilha em Cuiabá

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA