Momento Policial

Polícia Civil prende suspeitos em chácara utilizada para armazenamento de drogas em Várzea Grande

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Duas pessoas flagradas em uma chácara utilizada para armazenamento de drogas foram presas em flagrante pela Polícia Civil, durante investigações da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), realizadas na zona rural de Várzea Grande.

Na ação, foram apreendidos aproximadamente três quilos de entorpecentes, mais de R$ 2,3 mil, além de cadernos com anotações do tráfico. Os suspeitos de 38 e 22 anos foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Após o cumprimento de um mandado de prisão contra um foragido de Tangará da Serra, os policiais da DRE receberam denúncias sobre uma chácara localizada no loteamento São José da Vista Alegre, em Várzea Grande que seria utilizada por integrantes de uma associação criminosa para guarda de entorpecentes.

Com base nas informações, a equipe de investigadores foi até o local e logo que chegaram flagraram um dos suspeitos, monitorado por tornozeleira eletrônica, em posse de uma porção de maconha.

Leia Também:  Polícia Civil cumpre em Sinop mandados contra foragidos suspeitos de homicídio em Alta Floresta

Questionado, o suspeito negou que tivesse outras porções de entorpecentes na casa, porém logo os policiais visualizaram o segundo suspeito dormindo e três tabletes grandes de maconha na cabeceira da cama.

Durante as buscas, também foi localizado R$ 2.360 em dinheiro e dois cadernos com anotações referentes ao tráfico de drogas. Na chácara, também foram localizadas duas crianças filhas de um dos suspeitos, que posteriormente foram entregues para a mãe.

Diante dos fatos, os suspeitos foram conduzidos à DRE onde após serem interrogados foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Mulher de 45 anos é pega com caminhonete adulterada em Rondonópolis

Publicados

em

Uma mulher de 45 anos foi conduzida à Delegacia na noite quinta-feira (29.07), pela equipe da 14ª Companhia de Força Tática de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá), por adulteração de veículo.

Os policiais foram abordados por duas pessoas, sendo uma delas dizendo ter recebido uma ligação questionando se estaria vendendo uma caminhonete. Ela respondeu que não, mas foi lhe passado o endereço que constava seu nome e dados do seu veículo clonado Ford Siena como sendo uma caminhonete Xenon CC 4×2 preta.

Identificado a irregularidade, os policiais foram até a casa da suspeita, no bairro Pedra 90, ela resistiu em entregar a chave do veículo, mas foi encontrada dentro de outro carro. A caminhonete foi apreendida.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Leia Também:  Polícia Civil cumpre prisão de foragido por roubo em Rondonópolis
Fonte: PM MT

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA