Momento Policial

Policiais civis prendem em flagrante autor de roubo contra profissional do sexo

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande prenderam em flagrante na noite de quarta-feira (21.04) um homem que roubou e agrediu uma mulher de 22 anos. A vítima procurou a delegacia e relatou aos policiais que é profissional do sexo e na noite anterior foi abordada na região do Zero Quilômetro, quando um homem em um veículo Renault Kwid branco que simulou ser cliente e a contratou para um programa.

Quando a vítima embarcou no veículo, o suspeito desviou o trajeto e entrou em uma viela de chão, próxima a um motel da região. A vítima o indagou se ele não era da cidade e o suspeito informou a ela que havia acabado de sair de uma unidade prisional, quando a mulher então se assustou. Nesse momento, o suspeito encostou uma arma de fogo na vítima e anunciou o roubo, a ordenando que entregasse a bolsa e o celular e descesse do carro.

Após entregar seus pertences e dinheiro que tinha na bolsa, a vítima decidiu conseguir uma prova que demonstrasse o crime e seguiu até a delegacia, com imagens da placa do veículo.

Leia Também:  Polícia Civil cumpre ordens judiciais em investigação contra vereador de Lambari d'Oeste

Em posse das imagens, a equipe realizou diligências para identificar o suspeito e conseguiu prendê-lo ainda na noite de segunda-feira. No momento da abordagem, o suspeito conduzia o mesmo veículo com o qual abordou a vítima.

A equipe da DERF também conseguiu imagens de quando o veículo do suspeito entrou na cidade de Várzea Grande pela Rodovia Mário Andreazza. Ele alegou em depoimento que veio à cidade para trabalhar como motorista de corrida por aplicativo. Em consultas aos sistemas policiais, os investigadores constataram que ele tem registros criminais pelas práticas de furto, ameaça, lesão corporal, injúria e expor a perigo a integridade e a saúde, física ou psíquica de idoso, bem como desviar bens de propriedade de pessoa idosa.

Após ser ouvido pela delegada Elaine Fernandes, o suspeito foi autuado em flagrante por roubo majorado por empego de arma de fogo. Depois dos procedimentos policiais, ele foi conduzido à unidade prisional do Capão Grande.

Fonte: PJC MT

Propaganda

Momento Policial

Polícia Civil recupera equipamento furtado de empresa de telefonia avaliado em R$ 450 mil

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um equipamento de fornecimento de internet por fibra ótica furtado de uma empresa de telefonia e avaliado em R$ 450 mil foi recuperado pela Polícia Civil, nesta terça-feira (12.05), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG).

O equipamento foi localizado em uma empresa que fornece serviços de internet em Várzea grande com aproximadamente 600 clientes na cidade.

A recuperação ocorreu após a equipe de policiais da Derf-VG receber denúncia de que o equipamento furtado no último dia 09 de maio estava em um comércio na em Várzea Grande. Imediatamente, os policiais foram apurar a denúncia encontrando o equipamento da empresa de telefonia no estabelecimento.

O proprietário do comércio colaborou com os investigadores, indicando o nome da pessoa que deixou o equipamento no local e disse que estava esperando ser apresentada a nota fiscal do produto para depois colocar a venda, comprar ou utilizar o equipamento.

Com base nas informações passadas, os policiais foram até a residência do suspeito onde ele foi localizado. Questionado, ele confirmou que furtou o referido equipamento da empresa de telecomunicações.

Leia Também:  Traficante responsável por abastecer pontos de drogas em bairros de Rondonópolis é preso com R$ 3,3 mil

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido a Derf-VG e após interrogado pelo delegado André Eduardo Ribeiro, irá responder pelo crime de furto qualificado pelo rompimento de obstáculos, podendo pegar pena de dois a oito anos de reclusão.

“O equipamento é usado por uma empresa terceirizada para fornecimento de Internet por fibra ótica e não são vendidos em comércios, vindo de fábrica direto para empresa, o que facilita a sua identificação”, explicou o delegado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA