Momento Saúde

Anvisa diz que efeito adverso de vacina Johnson & Johnson não ocorreu no Brasil

Publicados

em


source
Vacina
Reprodução/Facebook J&J

Vacina Johnson & Johnson

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou, nesta terça-feira, mais detalhes sobre a suspensão dos testes da vacina Johnson & Johnson, que conta com voluntários brasileiros. Segundo a agência, porém, o efeito adverso que causou a interrupção não ocorreu no Brasil.

“Maiores detalhes sobre o evento e o estado de saúde do voluntário permanecem em sigilo. O estudo continuará interrompido até que haja investigação de causalidade por parte do Comitê Independente de Segurança, como parte dos procedimentos de Boas Práticas Clínicas”, informou a Anvisa.

A agência, que descreve a vacina como “um dos esforços mais promissores para conter a pandemia global”, reforça ainda que o retorno dos testes só ocorrerá após análise detalhada da investigação e autorização com base na relação entre riscos e benefícios.

Fonte: IG SAÚDE

Leia Também:  Covid-19: estados retomam eventos culturais e aulas presenciais
Propaganda

Momento Saúde

Covid-19: Brasil tem 157,9 mil mortes e 5,43 milhões de casos

Publicados

em


O número de mortes em decorrência da pandemia do novo coronavírus chegou a . Entre ontem e hoje, as secretarias de saúde notificaram 549 óbitos causados pela doença. Ontem, o sistema de dados sobre a pandemia marcava 157.397 óbitos gerados pela doença. Ainda há 2.379 falecimentos em investigação.

O número de casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus desde o início da pandemia chegou a 5.439.641. Nas últimas 24 horas, foram registrados 29.787 novos casos. Ontem, o total estava em 5.409.854.

Os dados estão na atualização diária do Ministério da Saúde, divulgada na noite desta terça-feira (27). O balanço é feito a partir de registros reunidos pelas secretarias estaduais de saúde e enviados à pasta para consolidação.

Ainda há 377.649 casos em acompanhamento. De acordo com o Ministério da Saúde, outras 4.904.046 pessoas já se recuperaram da doença.

Os casos e mortes são menores nos domingos e segundas-feiras em função da limitação de sistematização dos dados e alimentação do painel do ministério pelas secretarias estaduais aos fins de semana. Já às terças-feiras os números diários tendem a subir pelo acúmulo de casos do fim de semana reportado neste dia.

Leia Também:  Covid-19: vacina de Oxford gera "resposta imune robusta" em idosos, diz jornal

Covid-19 nos estados

Os estados com mais mortes são São Paulo (38.885), Rio de Janeiro (20.292), Ceará (9.305), Minas Gerais (8.789) e Pernambuco (8.5575). As Unidades da Federação com menos casos são Acre (690), Roraima (691), Amapá (743), Tocantins (1.089) e Rondônia (1.448).

Boletim epidemiológico covid-19Boletim epidemiológico covid-19

Boletim epidemiológico covid-19 – Ministério da Saúde

Edição: Liliane Farias

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA