Momento Saúde

Às vésperas de eleição, EUA batem recorde de casos de Covid

Publicados

em


source
EUA
Redação Olhar Digital

Aumento de casos noa EUA preocupa às vésperas das eleições

(ANSA) – Às vésperas da eleição de 3 de novembro, os Estados Unidos bateram um novo recorde de casos do coronavírus Sars-CoV-2 em um único dia, com 99.321 contágios confirmados nesta sexta-feira (30), segundo o monitoramento da Universidade Johns Hopkins.

Esse também é o maior número de diagnósticos positivos para um período de 24 horas em um único país em todo o planeta. Com isso, os EUA chegaram a 9.048.177 casos do novo coronavírus, o que representa 20% do total mundial.

Além disso, o país tem 229.710 mortes, 19% daquelas registradas em todo o planeta – a população americana equivale a pouco mais de 4% do número de habitantes da Terra.

Líder nas pesquisas presidenciais, o democrata Joe Biden tem apostado nas críticas à gestão da pandemia pelo governo de Donald Trump para conquistar a Casa Branca em 3 de novembro.

Leia Também:  Como a segunda onda explodiu e caiu após um mês de lockdowns na Europa

“Vou ser claro: qualquer um que seja responsável por mergulhar e prender a América nessa crise – qualquer pessoa que faça isso sem um pingo de vergonha ou empatia – não deveria ser presidente”, escreveu Biden no Twitter após a divulgação do recorde de sexta-feira. (ANSA).

Fonte: IG SAÚDE

Propaganda

Momento Saúde

CoronaVac deve ter dados entregues na próxima semana, diz secretário

Publicados

em


source
CoronaVac terá resultados divulgados em breve
undefined

CoronaVac terá resultados divulgados em breve

O secretário de saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse hoje (1º) que os resultados da CoronaVac  —  vacina produzida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac Biotech — devem ser compartilhados com o governo “provavelmente na semana que vem”. Declaração foi dada durante entrevista para à Globo News.

“Na semana passada, foram abertos os trabalhos da fase 3 para saber se a vacina é eficaz e se ela protege contra o vírus. Foram enviados os resultados para um comitê internacional independente, que analisa os dados”, disse Gorinchteyn .

“Possivelmente na semana que vem, nós já teremos esses dados, que serão enviados para a Anvisa . Assim, podemos ter a vacina chancelada e liberada para utilização no programa nacional de vacinação”.

Leia Também:  Rússia atinge novo recorde diário de mortes provocadas por Covid-19

Caso a CoronaVac seja incorporada ao PNI (Programa Nacional de Imunizações), do Ministério da Saúde, poderá ser distribuída pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

Nesta terça-feira, o Ministério da Saúde divulgou a versão preliminar do plano nacional de imunização contra a Covid-19:  idosos, profissionais de saúde e indígenas serão os primeiros vacinados.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA