Momento Saúde

Bloco Prosul fecha acordo que garante acesso a vacinas da Covid-19

Publicados

em


source
Vacina contra a Covid-19 sendo testada
Reprodução/Vektor

Vacina contra a Covid-19 sendo testada

Nesta quinta-feira (27), o bloco de países sul-americanos Prosul assinou um acordo para garantir acesso às vacinas contra o novo coronavírus (Sars-coV-2) na região. O tratado chega em momento que a América latina sofre com a pandemia e a corrida global dos imunizantes está cada vez mais acirrada. 

O acordo foi anunciado pelo chanceler chileno, Andrés Allamand, depois de uma reunião virtual entre presidentes e chanceleres do bloco, que atualmente é presidido pelo Chile e reúne também a Argentina, o Brasil, a Colômbia, o Paraguai, Peru, Equador e a Guiana. 

“Os países concordaram em compartilhar informações a respeito do andamento do que cada um está fazendo em relação a cada uma dessas vacinas”, disse o ministro à agência  Reuters .

“Mais adiante, a ideia é uma coordenação apenas para efeito da aquisição da ou das vacinas,e isso pode pressupor um esforço individual ou conjunto”, seguiu ele, lembrando que “obviamente um esforço conjunto traria benefícios, especialmente em matéria de acesso, quantidades e certamente de preços”.

Leia Também:  Covid-19: Brasil tem 140 mil mortes e 4,68 milhões de casos acumulados

Segundo a Organização Mundial da Saúde ( OMS ), atualmente estão sendo desenvolvidas e testadas mais de 150 vacinas contra a Covid-19  no mundo. Dessas, 25 estão em estágio de testes com seres humanos. 

Fonte: IG SAÚDE

Propaganda

Momento Saúde

Hospital de Campanha do Ibirapuera dá alta ao último paciente

Publicados

em


.

Com 35.063 mortes por covid-19 e 970.888 pessoas infectadas pela doença causada pelo novo coronavírus desde março, o estado de São Paulo encerrou hoje (26) as atividades do Hospital de Campanha do Ibirapuera, último hospital de campanha voltado para pacientes com o novo coronavírus.

A data foi marcada por celebração para homenagear pacientes e profissionais que estiveram na linha de frente do combate ao novo coronavírus. O hospital estava em funcionamento desde 1º de maio e foram atendidos 3.189 pacientes até este sábado. Os equipamentos serão doados para entidades assistenciais e para unidades de saúde pública.

Cada profissional que atuou no local saiu da estrutura hospitalar com uma medalha, com a frase “Você fez a diferença. Nossa força vem da união”, carregando balões nas cores azul e branca. As bexigas foram lançadas ao ar para representar e homenagear todas as 2,4 mil vidas salvas no hospital.

Além disso, a primeira paciente internada no hospital, Aparecida Andreza Silva Viana, esteve presente para acompanhar a saída do último paciente, Iray Fernandes, a alta de número 2.433. Ambos são moradores da Grande São Paulo.

Leia Também:  Estudo reforça indícios de que pobres e indígenas são mais vulneráveis à covid-19

Boletim do estado

O Estado de São Paulo registra até este sábado o acumulado de 35.063 óbitos e 970.888 casos confirmados do novo coronavírus. Entre o total de casos diagnosticados com covid-19, 823.720 estão recuperados, sendo que 106.044 foram internadas e tiveram alta hospitalar.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 44,8% na Grande São Paulo e 45,9% no estado. O número de pacientes internados é de 8.932, sendo 5.052 em enfermaria e 3.880 em unidades de terapia intensiva, conforme dados das 11h deste sábado.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA