Momento Saúde

Brasil ultrapassa 488 mil mortes por Covid-19 nesta segunda-feira

Publicados

em


source
Brasil chega a 488 mil óbitos por Covid-19
Foto: Eduarda Esteves/iG

Brasil chega a 488 mil óbitos por Covid-19

Depois de ter ultrapassado a marca de 487 mil mortos ontem  , o Brasil registrou 827 mortes pela Covid-19 neste domingo (13). Com a atualização dos dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o país chegou a 488.228 mortes. Já o número de infectados está em 17.452.612, com 39.846 novos casos confirmados nas últimas 24 horas.

O ranking de estados com mais mortes pela Covid-19 é liderado por São Paulo (118.213), Rio de Janeiro (53.015) e Minas Gerais (43.154). As unidades da Federação com menos óbitos são Roraima (1.679), Acre (1.719) e Amapá (1.769).

Em relação aos casos confirmados, São Paulo também lidera, ultrapassando 3,4 milhões de casos. Minas Gerais, com mais de 1,6 milhão, e Paraná, com mais de 1,1 milhão de casos, aparecem na sequência. O estado com menos casos de Covid-19 é o Acre (84.337), seguido por Roraima (107.646) e Amapá (114.503).

A contagem de casos realizada pelas Secretarias Estaduais de Saúde inclui pessoas sintomáticas ou assintomáticas; ou seja, neste último caso são pessoas que foram ou estão infectadas, mas não apresentaram sintomas da doença.

Leia Também:  Delta já é responsável por 20% dos casos no Rio de Janeiro, diz secretário

Você viu?

Desde o início de junho do ano passado, o Conass divulga os números da pandemia da Covid-19 por conta de uma confusão com os dados do Ministério da Saúde. As informações dos secretários de saúde servem como base para a tabela oficial do governo, mas são publicadas cerca de uma hora antes.

Fonte: IG SAÚDE

Propaganda

Momento Saúde

Marco zero de pandemia, Wuhan volta a registrar casos de Covid-19

Publicados

em


source
Marco zero de pandemia, Wuhan volta a registrar casos de Covid-19
Reprodução

Marco zero de pandemia, Wuhan volta a registrar casos de Covid-19

Marco zero da pandemia do novo coronavírus, a cidade chinesa de Wuhan voltou nesta segunda-feira (2) a registrar casos de contágio depois de vários meses.

Segundo as autoridades sanitárias locais, sete trabalhadores pendulares testaram positivo para a Covid-19 ao chegar em uma estação de trem. Todos eles foram enviados a hospitais para isolamento.

Apenas no último domingo (1º), a China registrou 98 novos casos de Covid, maior número para um único dia desde janeiro, sendo que 55 são de transmissão interna. A variante Delta já foi detectada em cerca de 20 cidades e forçou as autoridades a imporem medidas restritivas.

Na capital Pequim, o governo local adiou a reabertura das escolas, testou milhões de pessoas e colocou em quarentena os cidadãos que tiveram contato próximo com casos positivos. Já na cidade de Zhuzhou, mais de 1,2 milhão de residentes estão em lockdown.

País mais populoso do planeta, com 1,4 bilhão de habitantes, a China diz ter aplicado até o momento quase 1,7 bilhão de doses de vacinas anti-Covid. O gigante asiático reporta 105.151 casos de coronavírus desde o início da pandemia e 4.848 mortes.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA