Momento Saúde

Covid-19: Brasil ultrapassa 421 mil mortes e registra 2.202 óbitos em 24h

Publicados

em


source
Covid-19: Brasil ultrapassa 421 mil mortes e registra 2.202 óbitos em 24h
Reprodução: BBC News Brasil

Covid-19: Brasil ultrapassa 421 mil mortes e registra 2.202 óbitos em 24h

Nas últimas 24 horas, o Brasil contabilizou oficialmente 2.202 mortes por covid-19 e possui 421.316 óbitos acumulados desde o início da pandemia . Após este sábado (08), a média móvel de vítimas do novo coronavírus nos últimos 7 dias chegou a 2.126 óbitos.

No mesmo período, foram registrados 63.430 novos casos de contaminações pela doença. No total, 15.145.879 brasileiros possuem ou já foram diagnosticados com covid-19. A média móvel de infecções caiu e registra 59.986 novas transmissões por dia.

Os dados fornecidos pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) confirma que, neste sábado (08), o Brasil atingiu o centésimo dia com a média móvel de mortes diárias acima de mil óbitos e o 45º acima de 2 mil mortos.

Desde o início de junho do ano passado, o Conass informa os dados referente a pandemia da covid-19 após uma confusão com os dados divulgados pelo Ministério da Saúde.


De acordo com a Universidade Johns Hopkins, mais de 157 milhões de pessoas já se contaminaram com o novo coronavírus. O Brasil ocupa a terceira colocação no ranking mundial. Em relação as mortes, mais de 3 milhões já foram a óbito em decorrência da covid-19 em todo o mundo, sendo o Brasil o segundo país com maior número de vítimas da doença.

Fonte: IG SAÚDE

Propaganda

Momento Saúde

Quais os sintomas da Covid-19 em pessoas vacinadas? Estudo responde

Publicados

em


source
Sintomas da covid podem se confundir com os de gripe e resfriado
Reprodução: ACidade ON

Sintomas da covid podem se confundir com os de gripe e resfriado


Os sintomas da Covid-19 não são os mesmos em homens e mulheres, de acordo com uma pesquisa do Kings College de Londres, no Reino Unido, com 38 mil pessoas. Segundo resultados publicados na revista científica Lancet Digital Health, os sintomas também mudam conforme a idade e o estágio de imunização.

Os pesquisadores chegaram à conclusão de que os homens costumam sentir mais falta de ar, fadiga, calafrios e febre. Enquanto isso, as mulheres estão mais propensas a perder o olfato, sentir dor no peito e tosse persistente. Quanto a pessoas com mais de 60 anos, a probabilidade de apresentar diarreia é maior, enquanto a perda de olfato é menos comum.

Já pessoas que tomaram as duas doses da vacina contra a Covid-19 costumam sofrem com dor de cabeça, nariz escorrendo, espirros e dor de garganta quando contaminadas. 

“É importante que as pessoas saibam que os primeiros sintomas estão em uma gama grande, e podem ser diferentes para cada membro da família”, afirmou Claire Steves, uma das autoras pelo estudo, ao Daily Mail. As informações, segundo a pesquisadora, são essenciais para a testagem e o rastreamento de casos.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA