Momento Saúde

Covid-19 matou 126 mil pessoas no Brasil

Publicados

em


.

Mais 682 pessoas morreram por causa da covid-19 no Brasil, nas últimas 24 horas, conforme registros divulgados neste sábado (5). Com isso, o total de mortos chega a 126.203 desde 27 de março. A taxa de mortalidade é de 59,7 casos a cada 100 mil habitantes. No total, a letalidade é de 3,1%, segundo informações do Ministério da Saúde.

De acordo com a atualização, foram registrados 30,1 mil novos casos da doença. O balanço totaliza 4,123 milhões de infecções pelo novo coronavírus – incidência de 1.962 casos a cada grupo de 100 mil habitantes. Segundo o ministério, 3,296 milhões de pessoas recuperaram a saúde depois da infecção – 80% dos casos.

A Região Sudeste registra um total de 1.420.218 casos de infecção pela covid-19, seguida pela Região Nordeste, com 1.420.218 casos. A Região Norte soma 554.211 casos. No Centro-Oeste, são 461.836 casos. E no Sul, 463.593.

O estado de São Paulo, o mais populoso e com maior número de contaminações, registrou hoje mais 115,1 mil casos, somando 853 mil desde o início da pandemia. Nesse período, foram registradas 31.313 mortes no estado.

boletim epidemiológico 05.09.2020boletim epidemiológico 05.09.2020

boletim epidemiológico 05.09.2020 – Divulgação/ Ministério da Saúde

Leia Também:  Novo desafio no TikTok com lixa de unha pode estragar os dentes, diz dentista

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Saúde

Propaganda

Momento Saúde

Desde o início da pandemia, São Paulo registrou 35.125 mortes pela Covid-19

Publicados

em


source
covid
Pixabay

Secretaria estadual atualiza dados da Covid-19 em São Paulo

A secretaria estadual de saúde de São Paulo atualizou, nesta segunda-feira (28), o boletim que informa o comportamento da Covid-19 no estado. Segundo os dados, 35.125 óbitos e 973.142 casos já ocorreram desde a primeira confirmação no País. Ainda segundo a secretaria, 839 mil pessoas já se recuperaram da doença.

5.602 notificações foi a média diária da última semana epidemiológica. De acordo com a secretaria de saúde, o estado encontra-se agora em um momento muito semelhante aos registros do mês de junho, o que aponta uma regressão da doença. Além disso, o estado registra queda no número de internações há dez semanas seguidas.

Existem 4.780 pessoas internadas em enfermarias e 3.930 casos graves, em unidades de terapia intensiva. Os dados consideram casos confirmados ou suspeitos, com diagnóstico de síndrome respiratória aguda grave – SRAG. A taxa de ocupação dos leitos de UTI é de 44,7% no estado e 43,2%na região metropolitana de São Paulo. 

Leia Também:  Brasil confirma 14.318 casos de covid-19 nas últimas 24 horas
Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA