Momento Tecnologia

Amazon lança sua primeira pulseira inteligente; dispositivo não tem tela

Publicados

em


source

Olhar Digital

Amazon
Divulgação/Amazon

Halo é a nova smartband da Amazon

Nesta quinta-feira (27), a Amazon lançou a Halo , sua primeira pulseira inteligente . Com recursos que visam o monitoramento da saúde e do sono, o dispositivo chega em um mercado já repleto de concorrentes. No entanto, com um diferencial não tão animador: a Halo não tem tela.

Portanto, diferentemente das demais que, no geral, são indicadas para fins fitness, a Halo funciona melhor em acompanhamentos a longo prazo. Afinal, para monitoramentos em tempo real, é necessário estar com um smartphone por perto e uma das intenções de pulseiras inteligentes e permitir que os usuários saiam para se exercitar sem precisar levar o celular.

Ainda assim, a Halo conta com tecnologias relativamente novas no mercado, como a análise de voz e a modelagem 3D do corpo – que é um bom motivo pelo qual o acompanhamento deve ser feito pelo smartphone.

Leia Também:  Instagram Reels agora permite vídeos de até 30 segundos; saiba com criar

No caso da análise dez voz, o dispositivo possui dois microfones, os quais utiliza para indicar o estado emocional do usuário com base no tom de sua voz. Já a modelagem 3D é um recurso que conta com a câmera de um celular para tirar fotos de diversos ângulos do corpo do usuário e, então, enviá-las para os servidores da Amazon a fim de criar um modelo 3D que será devolvido ao smartphone para monitorar a porcentagem de gordura corporal.

Amazon
Divulgação/Amazon

Halo precisa estar sincronizada com o celular para funciona

A sincronização da Halo com o celular é feita via Bluetooth , no qual a pulseira inteligente também exibe relatórios sobre outros monitoramentos mais simples, como o do sono e o dos batimentos cardíacos. Além disso, o dispositivo é à prova d’água em até 50 metros de profundidade.

Apesar do lançamento, inicialmente, a Halo está disponível apenas nos Estados Unidos e ainda em fase de testes. Quando chegar ao mercado geral, a pulseira será vendida nas cores preto, rosé e prata. O preço do dispositivo para os primeiros compradores é de US$ 65 (cerca de R$ 360 na conversão direta das moedas). Posteriormente, o valor será reajustado para US$ 99,99 (cerca de R$ 555).

Leia Também:  Europa sem Facebook? Rede social pode sair após nova regra

Vale lembrar, também, que para desfrutar dos recursos mais sofisticados da pulseira inteligente , como a análise de voz e a modelagem 3D do corpo, será preciso pagar por um serviço de assinatura que custará US$ 3,99 (cerca de R$ 22) por mês.

Propaganda

Momento Tecnologia

MWC 2021 e pandemia: maior feira de tecnologia do mundo é adiada para junho

Publicados

em


source

Olhar Digital

MWC
Reprodução

A MWC é a maior feira de dispositivos mobile do mundo

A edição de Barcelona do Mobile World Congress (MWC) foi novamente adiada, agora com data marcada para 28 de junho de 2021, segundo comunicado da GSMA, a associação responsável pelo evento. O motivo, como muitos já antecipavam, é a pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Este é o segundo adiamento sofrido pela maior reunião da indústria de dispositivos móveis – como tablets e smartphones -, após o cancelamento da edição de 2020.

Segundo a GSMA, o objetivo é oferecer aos participantes uma feira segura e com melhores práticas de proteção implementadas aos participantes, no intuito de “trazer uma experiência única; imperdível”, ressaltando que o congresso contará com elementos virtuais que servirão de “complemento à enorme demanda de reuniões presenciais”.

Leia Também:  Xbox Smart Delivery: saiba como o console vai rodar títulos de versões antigas


“Dado o cenário global em contínua mudança e após uma consulta com o nosso comitê, nossos associados e principais palestrantes, nós tomamos a cautelosa decisão de reagendar o MWC21 Shanghai para Fevereiro e o Barcelona para junho”, disse o diretor geral da GSMA, Mats Granryd. “A saúde e segurança dos nossos palestrantes, participantes, equipe e as pessoas de Barcelona são a principal importância.”

O MWC , em 2021, será realizado em três edições distintas: Xangai, na China; e Barcelona, na Espanha, sofreram as alterações previstas acima, enquanto a edição de Los Angeles, nos EUA, segue sem alteração.

A marca MWC tornou-se um sinônimo de novidades do setor mobile, sendo geralmente o principal evento do ano para empresas do setor lançarem ou revelarem novos produtos. Sua posição como “catalisador” do mercado não é muito diferente da Consumer Electronics Show (CES) em Las Vegas ou a E3 (Los Angeles) e a Gamescom (Alemanha) para os videogames.

O reagendamento de duas das três edições do congresso não apenas reconhece o potencial de perigo representado pela Covid-19 , mas também serve para restabelecer um ciclo anual entre Xangai, Los Angeles e Barcelona, sem ferir o calendário do evento e de seus participantes.

Leia Também:  Samsung anuncia Galaxy S20 FE com características escolhidas pelos usuários

Tragédia anunciada

O Mobile World Congress foi a primeira grande baixa trazida pelo avanço do novo coronavírus. Originalmente planejado para exibição em fevereiro de 2020,  o evento foi cancelado este ano após amplo debate entre a comunidade e as empresas.

Conforme a data anunciada para março de 2021 se aproximava e a pandemia não trazia sinais de desaceleração, mais e mais palestrantes comuns à ocasião, como Sony , Samsung , LG , entre outras, já estavam cancelando sua participação também em 2021.

Em suma, a data de março de 2021 – correspondente à próxima edição do evento em Barcelona – já não contava com boa aceitação dos membros e participantes mais importantes.

Em tese, mover o evento de Barcelona para o final de junho de 2021 oferece mais tempo para que as empresas ajustem seus calendários e voltem a ingressar ao quadro de palestrantes e expositores. Entretanto, mesmo isso ainda é incerto: apesar do anúncio globalizado da GSMA , nenhuma empresa ou analistas de mercado ainda se manifestaram sobre as novas datas e o que isso implica à indústria.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA