Momento Tecnologia

iPhone 12 com antena? Modelo terá recorte lateral para melhorar 5G; entenda

Publicados

em


source

Olhar Digital

iphone 12 5g
Reprodução/Apple

iPhone 12 terá recorte para antena 5G

Na terça-feira (13), a Apple apresentou seus novos iPhones que, pela primeira vez, terão compatibilidade com a tecnologia 5G. Porém, uma das coisas que chamou a atenção do público durante a apresentação foi o fato de alguns aparelhos possuírem um recorte em sua lateral. Segundo a própria empresa, trata-se de uma “janela” no corpo do aparelho para a antena de 5G mmWave.

Na web, somente os aparelhos no site dos EUA terão o recorte e compatibilidade com o 5G mmWave . No site brasileiro, por exemplo, os dispositivos aparecem sem a janela. Em relação à compatibilidade com o 4G e o futuro 5G brasileiro, não há preocupações.

Segundo o próprio site da companhia, os novos aparelhos têm compatibilidade com as bandas 4G usadas pelas operadoras brasileiras atualmente (n1, n3, n5, n7 e n28). Quanto ao 5G, os novos smartphones também podem operar com as frequências de 2,3GHz e 3,5GHz (n40, n77 e n78), as quais serão leiloadas pela Anatel em 2021.

Leia Também:  Netflix: filme polêmico quintuplicou cancelamentos do serviço

A aparente preocupação da Apple com a força do sinal tem explicação. As ondas milimétricas do 5G mmWave trazem as maiores vantagens do 5G: velocidades maiores e a capacidade para muitos dispositivos se conectarem juntos. O problema é que essas ondas trabalham em frequências extremamente altas, entre 24 e 60 GHz, e, quanto maior a frequência da onda, menor a penetração de sinal.

É por isso que as antenas mmWave usarão algoritmos mais eficientes para que os pulsos de sinais realizem uma rota que evite ao máximo obstáculos físicos.

Por ser provavelmente de plástico, o recorte no corpo do aparelho deve permitir que o sinal chegue com mais facilidade, já que, sem a janela, os pulsos teriam que atravessar o corpo de alumínio ou aço do aparelho. Além disso, seu design pode ter como objetivo possibilitar que os usuários consigam ver a posição da antena e assim evitem segurar o smartphone nesta região, permitindo que o dispositivo receba o máximo de sinal possível.

Propaganda

Momento Tecnologia

Instagram libera fotos de seios femininos após protesto; veja o que muda

Publicados

em


source
instagram
Oleg Magni/ Pexels

Instagram muda regras para fotos de seios

A partir desta quarta-feira (28), o Instagram vai permitir a publicação de fotos com seios femininos à mostra, o que era proibido até então. A mudança acontece depois de uma campanha digital que acusou a rede social de gordofobia. Mamilos masculinos já eram e seguem sendo permitidos.

Por que o Instagram mudou as regras?

Os protestos começaram depois que a influenciadora digital  Nyome Nicholas-Williams , do Reino Unido, publicou uma foto que foi deletada pelo Instagram, em julho deste ano. Na imagem, a modelo plus size segurava e cobria os seios em uma pose comum em fotos artísticas femininas. O Instagram, porém, entendeu que o conteúdo quebrava as regras de nudez e pornografia, e o excluiu. 

Uma campanha, que incluiu uma abaixo-assinado, começou nas redes sociais, pressionando o Instagram . “Não deveria ser necessária uma tempestade na mídia para que minhas imagens permanecessem no ar ou para eu falar com Instagram e receber um pedido de desculpas. Minhas imagens e meu corpo devem ser respeitados o suficiente para ficar em uma plataforma que é para ‘TODAS’ as pessoas. Respeite sempre as mulheres negras, ponto final”, disse Nyome, na ocasião.

O Instagram admite que o caso realmente influenciou na mudança de regras. A rede social afirma, porém, que não foi um caso de racismo – apesar de admitir a gordofobia. De acordo com a empresa, o algoritmo tinha dificuldade em diferenciar se os seios estavam cobertos, ou não, em fotos de mulheres gordas, já que há mais pele na imagem.

“O Instagram está atualizando as políticas para evitar que imagens de corpos gordos e maiores sejam removidas erroneamente, com a ajuda de diversos especialistas e criadores da comunidade de Body Positive ao redor do mundo”, disse a plataforma em nota.

O que muda a partir de agora? 

Agora, o Instagram promete que mulheres com os mais diversos corpos poderão postar fotos dos seus seios. Para isso, porém, vai ser preciso seguir algumas regras: a pessoa precisa estar abraçando, acariciando ou segurando os seios.

Por outro lado, fotos apertando os seios nãos erão permitidas – se os dedos estiverem dobrados, por exemplo, o algoritmo vai entender que a mão está agarrando. De acordo com o Instagram, a regra é necessária acontece porque “isso costuma ser comumente associado a conteúdo pornográfico”.

A plataforma ainda diz que, em caso de dúvida, a orientação é que os revisores não deletem o conteúdo. O Instagram admite, porém, que erros podem continuar acontecendo. “Sabemos, no entanto, que a aplicação desta política específica pode levar a erros, especialmente com relação à comunidade de Body Positive e corpos gordos e maiores”.

Leia Também:  Mas já? iPhone 12 tem tinta descascada e vidro quebrado; veja as fotos
Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA