Momento Tecnologia

Netflix: confira quais são as 10 séries mais populares da plataforma

Publicados

em


source

Olhar Digital

Netflix
Unsplash/freestocks.org

Veja quais são as séries mais populares na Netflix

A Netflix possui um catálogo imenso de séries, que é atualizado constantemente com novos títulos originais e de outras produtoras. Apesar de as vezes divulgar algumas listas, a Netflix, infelizmente, não costuma revelar muitos detalhes sobre quais as séries ou até mesmo quais títulos são os mais populares do momento.

Por sua vez, nesta semana, uma empresa de auditoria chamada Nielsen divulgou quais foram as séries mais assistidas na Netflix entre 3 a 9 de agosto nos Estados Unidos, o que pode servir como um termômetro de quais séries estão fazendo bastante sucesso na plataforma. A seguir, confira quais são as séries mais populares do momento na Netflix .

Importante

Algumas das séries listadas abaixo não estão disponíveis no catálogo da Netflix do Brasil.

1. The Umbrella Academy – 3,01 bilhões de minutos assistidos

Esta série baseada em uma história em quadrinhos mostra a história de irmãos com poderes extraordinários que precisam desvendar os segredos de sua família após a morte de seu pai enquanto protegem a humanidade de uma grande ameaça.

2. Shameless – 1,125 bilhões de minutos assistidos

Já a segunda colocada da lista é a série Shameless , que não se trata de um título original da plataforma, mas que faz bastante sucesso por lá. Contando com um grande apelo dramático, este título mostra a história da família Gallagher, que vive em uma região pobre e precisa lidar com problemas como a ausência da mãe e a bebedeira do pai.

Leia Também:  PlayStation 5 contra Xbox Series X: confira qual console é melhor para você

3. Grey’s Anatomy – 918 milhões de minutos assistidos

Já uma das séries mais conhecidas da lista fica por conta de Grey’s Anatomy , que atualmente está com 15 temporadas no serviço disponíveis para serem assistidas. Na série estrelada por Ellen Pompeo, você acompanha médica Meredith enfrentando diversos dilemas de seu trabalho e da vida pessoal.

4. The Office – 897 milhões de minutos assistidos

A série The Office fez bastante sucesso por aqui, mas infelizmente não está disponível no catálogo da Netflix do Brasil. Nela, as pessoas acompanham os funcionários da empresa fictícia Dunder Mifflin, que acabam se colocando em situações bem inusitadas ao saberem que estão sendo filmados.

5. Criminal Minds – 697 milhões de minutos assistidos

Neste seriado de suspense, você acompanha um grupo de trabalhadores extraordinários do FBI , que passam dias tentando entrar na mente de psicopatas criminosos para poder resolver seus casos.

6. NCIS – 524 milhões de minutos assistidos

Produzida como um spin-off da série JAG dos anos 90, em NCIS você verá o agente Leroy Jethro Gibbs no comando de agentes especiais com o dever de investigar qualquer caso suspeito da Marinha e dos Fuzileiros Navais dos Estados Unidos.

Leia Também:  Assinar streaming ou alugar filmes? Descubra o que compensa para o seu perfil

7. In The Dark – 418 milhões de minutos assistidos

Nesta série, Murphy Mason é uma mulher cega que está sempre bêbada, mas que tem a sua vida mudada após encontrar seu melhor amigo morto durante um passeio com o seu cão guia.

8. Dexter – 316 milhões de minutos assistidos

Nesta série de suspense, Dexter Morgan é um serial killer que trabalhar como um analista forense para a polícia do Condado de Miami-Dade. O seriado que teve início em 2006 e acabou em 2013 conta com 8 temporadas.

9. Supernatural – 315 milhões de minutos assistidos

Nesta série de suspense com alguns elementos de terror criada por Eric Kripke, os irmãos Sam e Dean precisam resolver diversos mistérios ao mesmo tempo em que caçam demônios e outras criaturas sobrenaturais que ameaçam o mundo.

10. Parks And Recreation – 304 milhões de minutos assistidos

Já a última série deste top 10 traz a atriz Amy Poehler no papel de uma agente do governo, que precisa transformar uma construção abandonada em um parque comunitário seguro. Já no caminho desta árdua tarefa, é claro, ela acabará conhecendo muita gente estranha que poderão ou não a ajudar.

Propaganda

Momento Tecnologia

Assinar streaming ou alugar filmes? Descubra o que compensa para o seu perfil

Publicados

em


source
streaming
Unsplash/Glenn Carstens-Peters

Confira o que compensa para o seu perfil

Diante de tantas opções de serviços de streaming , pode ser até difícil escolher qual assinar. Na hora da decisão, muita gente acaba se esquecendo de uma outra possibilidade: alugar filmes. 

Se passar horas nos corredores das locadoras escolhendo o filme do final de semana já virou coisa do passado, o aluguel em si ainda é uma prática recorrente, mesmo que de forma digital. Algumas plataformas como Looke , Google Play Store e Now oferecem a compra ou locação de títulos e fazem bastante sucesso. A dúvida que fica é: compensa? 

Precinho camarada? 

Na escolha entre assinar um serviço de streaming e pagar uma taxa mensal ou pagar apenas pelo conteúdo que consumir, o comportamento de cada usuário pesa bastante.

Se você é o tipo de pessoa que maratona séries e assiste a vários filmes, pagar um valor fixo pode ser mais vantajoso. Por outro lado, se você passa pouco tempo em frente a televisão e gosta de acompanhar filmes recém-lançados, a locação ou compra pode ser a decisão ideal. 

Leia Também:  O Dilema das Redes: o que aprendemos com o filme que expõe o pior da tecnologia

No Looke , por exemplo, filmes podem ser alugados por a partir de R$1,89. O valor mínimo de assinatura mensal do streaming da mesma plataforma fica por R$16,90. Se o usuário assistir menos de nove filmes por mês, portanto, vale mais a penas alugar um a um do que manter um gasto mensal fixo.

Nem todos os títulos, porém, tem o preço tão atraente. No próprio Looke, é possível encontrar títulos com aluguel a R$16,99, por exemplo. Em outras plataformas, o preço alto se mantém.

Na Google Play Store (a mesma loja dos aplicativos para Android), por exemplo, o aluguel dos filmes costuma ficar na faixa entre R$11,90 e R$19,90, preço parecido com o valor praticado pelo Now.

Do lado do streaming , algumas plataformas trazem preços que agradam mais. É o caso, por exemplo, do Amazon Prime Video e do Apple TV+ , ambos com assinatura mensal de apenas R$9,90.

Não é só o preço

Fazer as contas, porém, não é a única forma de definir qual tipo de serviço melhor se encaixa para você. É preciso avaliar, também, o padrão de consumo. 

Leia Também:  iPhone 12 Pro Max terá 6GB de RAM pela primeira vez na história

Os filmes alugados ficam disponíveis, geralmente, por 48 horas. Portanto, se você gostar de ver e rever o mesmo título várias vezes, a locação pode não ser a melhor opção. 

Os mesmo serviços citados oferecem também a compra de títulos, deixando-os disponíveis para sempre. Nesse caso, porém, o preço é mais salgado. A compra de filmes pode facilmente ultrapassar os R$40, preço parecido com o cobrado pela assinatura mensal de plataformas como Netflix e Telecine Play

Outra análise que deve ser feita é a respeito do tipo de filme que o usuário costuma assistir. Títulos mais recentes costumam chegar primeiro em plataformas de locação do que em serviços apenas de streaming . Nesses casos, pode compensar pagar um pouco mais caro para ter acesso a filmes mais atraentes.

A dica para tomar a decisão é sempre comparar os catálogos, e o  site JustWatch  pode ser uma boa opção. A plataforma compara os preços e conteúdos disponíveis em todos os serviços de streaming e locação de filmes disponíveis no Brasil.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA