Momento Tecnologia

Xiaomi lança fone Bluetooth com cancelamento de ruído e preço baixo

Publicados

em


source

Tecnoblog

Novos fones de ouvido da Xiaomi
Divulgação/Xiaomi

Novos fones de ouvido da Xiaomi

A Xiaomi apresentou, nesta segunda-feira (22), um novo fone de ouvido Bluetooth . Conhecido como Mi Neckband Bluetooth Earphones Pro, o wearable chama a atenção pelo cancelamento de ruído ativo e preço baixo. Na Índia, o gadget custa 1.799 rúpias, valor equivalente a cerca de R$ 135 em conversão direta.

Você viu?

Os novos fones da companhia chinesa possuem uma alça para pendurá-los na nuca do usuário. Além disso, o dispositivo conta com a certificação IPX5, tornando-o resistente a respingos e suor, ao contrário do antecessor anunciado no ano passado.

O cancelamento de ruído ativo é um dos destaques do lançamento. Segundo a Xiaomi , o recurso é capaz de reduzir os barulhos incômodos em 25 decibéis. Além disso, os fones possuem driver de 10 mm, som de baixa latência e suporte à assistentes virtuais.

A bateria é de 150 mAh, maior que o seu antecessor (140 mAh). A fabricante afirma que o componente é capaz de aguentar até 20 horas de reproduções de músicas, a depender do uso. Para repôr as energias, o wearable possui uma porta microUSB.

Leia Também:  Google coleta dados até na navegação anônima, diz juíza dos EUA

Na Índia, os fones de ouvido Bluetooth estão disponíveis nas cores azul e preto. Não há previsão de lançamento do Xiaomi Mi Neckband Bluetooth Earphones Pro no Brasil .

Xiaomi lança caixa de som Bluetooth na Índia

Nesta segunda-feira (22), a empresa ainda apresentou a Xiaomi Mi Portable Bluetooth Speaker , uma caixa de som Bluetooth com certificação IPX7 e bateria de longa duração, ao público indiano. O preço sugerido é de 2.499 rúpias (por volta de R$ 190).

Propaganda

Momento Tecnologia

Facebook paga R$ 3,6 bilhões a usuários para encerrar processo nos EUA

Publicados

em


source

Olhar Digital

Facebook fecha acordo com EUA
Unsplash

Facebook fecha acordo com EUA

A justiça dos Estados Unidos confirmou um acordo para o Facebook pagar US$ 650 milhões a moradores de um estado por violação de privacidade envolvendo sistemas de reconhecimento facial . A decisão faz parte de um processo movido por 1,6 milhão de moradores do estado de Illinois – todos receberão uma pequena parcela da quantia paga pela rede social para quitar o processo.

Você viu?

O caso é antigo e vem de 2015, quando o advogado Jay Edelson processou o Facebook alegando que o uso do sistema de reconhecimento facial para marcar pessoas em fotos violava uma lei estadual de Illinois que impede o armazenamento de dados biométricos sem consentimento do usuário. Novas pessoas foram se juntando ao caso, até superar a marca de 1,6 milhão de envolvidos.

Todo o valor disponibilizado pelo Facebook será distribuído entre os usuários da rede social que vivem em Illinois e “cujas fotos estão no site a partir de 2011”. Três das pessoas que processaram o Facebook receberão US$ 5 mil, enquanto o restante ficará com US$ 345 cada.

Leia Também:  TikTok quer pagar R$ 500 milhões para encerrar processos nos EUA; entenda

O juiz James Donato, da Califórnia, também disse que o Facebook deve pagar a multa o mais rápido possível. Donato também chamou o acordo de “uma grande conquista para consumidores na altamente contestada área de privacidade digital”.

Facebook celebra acordo e pagará multa

Em um comunicado, o Facebook comemorou ter enfim finalizado o processo. “Estamos felizes em chegar a um acordo para que possamos deixar essa questão para trás, que é o melhor para os interesses da nossa comunidade e acionistas”.

A rede social já alterou a forma como o reconhecimento facial para marcação funciona, e usuários têm a opção de escolher se querem ou não que seus dados sejam armazenados pelo Facebook. O Facebook tinha oferecido US$ 100 milhões a menos, mas aumentou a proposta, já que um juiz negou a anterior, alegando que a empresa não seria “punida adequadamente”.

Leia Também:  Pokémon completa 25 anos; relembre os jogos mais vendidos da franquia

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA