Momento +

Câmara Municipal de Cuiabá promoveu nesta quinta(17) sua segunda sessão ordinária da semana com pauta contendo nove proposituras

Publicados

em

Nesta quinta-feira (17), a Câmara Municipal de Cuiabá promoveu a sua segunda sessão ordinária da semana. Os vereadores analisaram uma pauta contendo nove proposituras.

Foi aprovado, em segunda fase, o Projeto de Lei, de autoria da vereadora Michelly Alencar, que dispõe sobre o incentivo a realização de sessão de cinema adaptada a crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e suas famílias. As emendas apresentadas à propositura serão votadas na próxima sessão.

Em primeira votação, os parlamentares aprovaram o Projeto de Lei que dispõe sobre a autorização para veículos do transporte escolar urbano, regularmente permissionado pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), a realizarem transporte alternativo enquanto perdurar o estado de calamidade pública causada pela pandemia da covid-19. A matéria é de autoria do vereador Sargento Joelson (Solidariedade) e recebeu 19 votos favoráveis.
 
Os pareceres favoráveis das comissões ao Projeto de Lei, de autoria do vereador Diego Guimarães, que trata sobre a forma de divulgação dos valores pagos com publicidade institucional realizada pelos órgãos e entidades da administração pública direta e indireta de todos os Poderes do município, foi aprovado pelo plenário. A matéria segue para outras etapas de tramitação.

Os vereadores derrubaram o parecer de rejeição da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) ao projeto que autoriza o Poder Executivo a criar Centro de Referência para tratamento de sequelas em pacientes que se curaram da covid-19. Com 13 votos, a manifestação da comissão sobre a propositura, de autoria do vereador Pastor Jeferson, foi derrubada. A matéria segue para análise da Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social.

Os processos nº 036/2021 e 098/2021 que tratam sobre a causa animal foram retirados de pauta após o pedido dos seus autores, vereadores Sargento Vidal  e Cezinha Nascimento, respectivamente.

Bem como, o projeto de Lei de autoria do vereador Marcus Brito Júnior, que dispõe sobre a inclusão do grupo prioritário de imunização contra a covid-19 de pessoas com câncer, pessoas que vivem com HIV, pacientes com doenças cardiovasculares e renais crônicos.    

Na sessão, os parlamentares também aprovaram dois projetos que concedem o título de cidadão (ã) cuiabano (a).

Ao final da reunião, os vereadores aprovaram os dois requerimentos apresentados pelo vereador Diego Guimarães, para que seja realizada Sessão Solene em homenagem ao Centenário de Lenine Póvoas e outro para a realização de Audiência Pública para debater sobre a humanização da UTI Covid.

Com 18 votos, foi aprovado o requerimento da Comissão Especial de Acompanhamento e Fiscalização da Execução do Plano Municipal de Vacinação Contra a Covid-19, presidida pelo vereador, Dr Luiz Fernando, que solicitou a prorrogação por mais 120 dias do prazo para o término dos trabalhos.
O pedido foi feito em decorrência da campanha de vacinação estar em pleno exercício, “bem como na iminência de chegar um número considerável de lotes de imunizantes, devendo ser acompanhado de perto a distribuição e logística da vacinação”.
Otavio Ventureli(da redação com ascom)
Leia Também:  Beneficiários do Bolsa Família com Número de Inscrição Social (NIS) terminado em 6 recebem hoje (26) a quarta parcela do auxílio emergencial

Momento +

Inscrições do Casamento Abençoado são prorrogadas até sábado (31); ação é coordenada pela primeira-dama de Mato Grosso

Publicados

em

As inscrições do Casamento Abençoado foram prorrogadas até sábado, dia 31 de julho. A ação é coordenada pela primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, por meio da Unidade de Ações Sociais e Atenção à Família (UNAF), e execução direta da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

Os casais do Estado que desejarem oficializar sua união podem se inscrever, gratuitamente, pelo e-mail [email protected], encaminhando cópia do RG e CPF junto com o Formulário de Inscrição preenchido; ou presencialmente, levando os documentos pessoais até a sede da Setasc, localizada no Centro Político e Administrativo; ou, ainda, na sede do Procon Estadual, localizado na Rua Baltazar Navarros, n. 567, Bairro Bandeirantes.

O objetivo da ação é oportunizar de forma gratuita aos casais, com renda total de até três salários mínimos e cadastrados no CADÚnico, a segurança jurídica por meio da regularização civil matrimonial, além de possibilitar o fortalecimento da união familiar.

Mais informações sobre os pré-requisitos e documentos necessários podem ser obtidas nos sites do Governo de Mato Grosso (www.mt.gov.br) e da Setasc (www.setasc.mt.gov.br), ou pelo telefone (65) 3613-5726.

Leia Também:  Mato Grosso têm o gás de cozinha mais caro do Brasil; botijão chega custar R$ 130, R$ 37,83 mais caro que a médica nacional.
Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA