Momento +

CNHs vencidas entre Janeiro e junho do ano passado têm até 31 de julho para renovar o documento em MT

Publicados

em

Motoristas que estão com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida entre janeiro a junho de 2021  têm até o dia 31 de julho para regularizar o documento.

O prazo para renovação foi reestabelecido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) por meio da deliberação Contran n° 253. 

Para renovar a habilitação, o motorista pode baixar o aplicativo MT Cidadão ou acessar o site oficial do Detran(www.detran.mt.gov.br) ) e fazer o serviço de forma online, sem sair de casa.

No caso de renovar de forma online, a única etapa que exige deslocamento é para realização do exame médico. 

Pelo aplicativo MT Cidadão é possível renovar a CNH inclusive de condutores profissionais e os que necessitam de junta médica, como os condutores PCD.

O Detran ressalta que existem casos em que o condutor deverá realizar a renovação da CNH somente de forma presencial, com agendamento prévio do atendimento pelo site do Detran.

Situaçõs que necessitam de atendimento presencial: mudança e adição de categoria da habilitação, processo de transferência de CNH de outro Estado, registro de estrangeiro e alteração de dados cadastrais (nome, nome de mãe, número de CPF) que precisam ser informados ao Senatran.

Leia Também:  Tentando se reabilitar dos últimos resultados Botafogo enfrenta Atlético GO neste sábado as 21hs no Engenhão

Otavio Ventureli(da redação com assessoria)

 

Momento +

Fogo consome depósito de algodão no setor industrial de Lucas do Rio Verde

Publicados

em

 

 

Mais um incêndio  atingiu um depósito de algodão no setor industrial de Lucas do Rio Verde, no norte de Mato Grosso, na manhã desta sexta-feira. O incêndio começou em uma algodoeira e se espalhou para o reservatório onde são estocados o algodão colhido da safra deste ano. Pelo menos dois galpões foram atingidos.

De acordo com o corpo de bombeiros 10 caminhões pipa de várias empresas ajudaram a combater o fogo. Segundo o Major Alex do Corpo de bombeiros houve uma soma de esforços para apagar o incêndio,  visto que o local é muito grande e havia diversos focos espalhados, a preocupação foi que o incêndio não se propagasse para outros locais. O Major Alex  explicou que só a perícia pode revelar as causas do incêndio.

“O que sabemos até o momento segundo informações de um funcionário é que o fogo teria iniciado na área do depósito de sementes de algodão, aí ele teria se propagado e alastrado para os rolos que estavam na lateral do depósito”. Destaca o Major.

Leia Também:  Inclusão: Proposto por Max Russi, colar de girassol deve se tornar realidade em Mato Grosso

Ele ainda ressalta que geralmente os incêndios ocorrem por alguma falha mecânica ou elétrica, então é importante fazer uma revisão constante. 

“Os equipamentos, principalmente os que geram energia tem que ser feita a manutenção periódica e correta, além do que, você tem que ter uma equipe preparada para atuar em caso de algum incêndio, uma brigada interna, além dos preventivos que a legislação de segurança cobra”. Afirma Alex.

Cada edificação tem que ter o alvará do corpo de bombeiros que traz a obrigatoriedade dos requisitos mínimos para que caso ocorra um incêndio como esse a gente tenha condições de dar o atendimento correto.

Por Cássia Santos

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI