Momento +

Durante a "Operação Fausto" deflagrada nesta quarta-feira(08) Polícia Federal encontra dinheiro em colchão de casal da casa de bandido

Publicados

em

A Polícia Federal confirmou que  cumpriu mandado de prisão em uma casa, localizada no bairro Jardim Itália, em Cuiabá, durante a “Operação Fausto” deflagrada, na manhã desta quarta-feira (8). Durante a ação policial, os agentes encontraram R$ 7 mil, em cédulas, em um colchão.

O órgão informou que o imóvel pertence a um dos presos na operação. Segundo a Polícia Federal,  a residência é considerada de luxo e no local, foram encontrados diversos imóveis sofisticados. O nome do detido, no entanto, não foi informado pela PF.

Segundo informações, o homem é suspeito de participar de uma organização criminosa voltada ao tráfico internacional de cocaína e lavagem de dinheiro. Além dele, outros quatro mandados de prisão foram cumpridos em Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais. As ordens foram expedidas pela 5ª Vara Federal do estado mato-grossense.

O trabalho policial aponta que os investigados teriam movimentado entre 2017 e 2020 mais de R$ 20 milhões. A maior parte da movimentação suspeita era realizada em nome de familiares e empresas de fachada.

Leia Também:  Polícia de cuiabá caça "animal" que matou a tiros um morador de rua deficiente na madrugada no centro da Capital

A PF identificou que o tráfico de drogas era financiado por meio de uma suposta empresa de turismo. A instituição comercial alugava veículos, imóveis e reservava hotéis na região de fronteira. Além disso, equipamentos eram comprados e os valores eram transferidos para os investigados e seus familiares.

A empresa também operava contratos aparentemente falsos de compra e venda de dólar, usando cadastro de pessoas sem autorização, esquema conhecido como “boletagem”.

A Polícia Federal informa que, a realização de operações de câmbio e a movimentação de moeda estrangeira de forma ilegal ou em desacordo com as normas do Banco Central (Bacen) e da Resolução do Conselho Monetário Nacional – CMN nº 3.568/2008, constitui crime contra o sistema financeiro nacional e indica lavagem de dinheiro.

 
Otavio Ventureli(com assessoria)
 

Momento +

Polícia Civil apreende 18 tabletes de diversos entorpecentes em residência e prende um suspeito em flagrante

Publicados

em

A Polícia Civil apreendeu nesta quinta-feira (29.06), em Colniza, na região noroeste de Mato Grosso, 18 tabletes de entorpecentes em uma residência da cidade. Um suspeito , de 42 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

A equipe da Delegacia de Colniza estava em diligências para apurar informações sobre o tráfico de drogas no município, quando os policiais abordaram uma pessoa que estava em um veículo com as mesmas características do alvo da investigação. Ao ser abordado, o suspeito ficou visivelmente nervoso e, inicialmente, não quis se identificar.

Após entrevista com a equipe, o suspeito forneceu seu nome e ao fazer a checagem foi constatado que contra ele havia um mandado de prisão em aberto pela Justiça de Mato Grosso do Sul, onde responde a processo pelo crime de estupro de vulnerável na Comarca de Campo Grande.

Em revista à residência do suspeito foram encontrados 11 quilos de maconha, um quilo de pasta base e um quilo de cocaína. O material foi encaminhado para unidade policial, onde o suspeito foi autuado em flagrante pelo delegado Bruno França pelo crime de tráfico de drogas e teve o mandado de prisão formalizado.

Leia Também:  PRF aprende dois mil kg de agrotóxicos ilegais

Fonte: PJC MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI