Momento +

Guias e condutores de Turismo de Barra do Garças recebem cestas básicas doadas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso

Publicados

em

Os guias e condutores de turismo de Barra do Garças receberam cestas básicas doadas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT) em parceria com a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), na noite desta quarta-feira (21.07). A ação faz parte do programa “Vem Ser Mais Solidário”, de autoria da primeira-dama do Estado, Virginia Mendes.

Durante o evento foram entregues nove cestas básicas aos profissionais cadastrados no município. O amparo alimentício visa amenizar os efeitos econômicos provocados pela pandemia da covid-19 junto aos trabalhadores do turismo do Estado.

Cada cesta doada contém arroz, feijão, macarrão, óleo, sal, açúcar, café, farinha de trigo, sardinha, extrato de tomate. Além disso, possui sabonete, sabão em barra, água sanitária e detergente líquido.

Graças à iniciativa, 162 guias e condutores dos municípios de Várzea Grande (53), Chapada dos Guimarães (64), Vila Bela da Santíssima Trindade (36) e Barra do Garças (09) receberam os produtos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, considera o auxílio imprescindível diante do cenário que o país enfrenta.

Leia Também:  Vai a óbito motoqueiro que teve perna amputada em acidente na BR 163, há 14 KM de Lucas do Rio Verde

“Não estamos entregando apenas alimentos para os profissionais do trade turístico, levamos dignidade, afinal, o setor foi muito prejudicado com a pandemia e até hoje muitos pais de família que não têm como trabalhar para garantir o sustento de casa. Contudo, terão direito ao benefício, somente aqueles que têm o turismo certificado como única fonte de renda, atuem de maneira regular e que se enquadrem no perfil do programa”, define Miranda.

De acordo com o secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno, devem ser distribuídas mais de 350 cestas básicas aos guias e condutores de turismo de Mato Grosso. A lista conta também com profissionais de Nobres, Cuiabá, Poconé, Barra do Bugres e Alta Floresta, que ainda serão contemplados.

Momento +

Agosto Dourado: “Leite materno é alimento de ouro nos primeiros seis meses de vida”, afirma pediatra

Publicados

em

Agosto é o mês do aleitamento materno, dedicado à proteção, promoção e apoio à amamentação, também chamado de Agosto Dourado, que ganhou este nome, de acordo com a pediatra e patologista Natasha Slhessarenko, credenciada ao Mato Grosso Saúde pela Clínica Vida, por ser o leite materno o alimento de ouro para os bebês nos primeiros 6 meses de vida.

“No leite materno encontram-se todos os elementos necessários para bem nutrir os nossos bebês, não precisando dar nem água nestes primeiros seis meses. Ele também funciona como importante complemento alimentar até os dois anos”, ressalta a médica.

A pediatra explica que a quantidade e a qualidade das proteínas, carboidratos e gorduras presentes no leite materno são adequadas e garantem o crescimento e desenvolvimento saudáveis das crianças.

“Após os 6 meses de vida é importante que se introduzam alimentos complementares, de maneira gradual, sempre orientado pelo pediatra, garantindo a manutenção da boa nutrição”, orienta a especialista.

No leite materno também encontram-se anticorpos contra todas as doenças que a mãe já teve e também das vacinas que tomou. Estes anticorpos protegem as crianças destas doenças.

Leia Também:  Policiais encontram droga, pés de maconha em casa usada como desova de produtos roubados

Recentemente trabalhos científicos demonstraram a presença de anticorpos contra a Covid-19 no leite de mães que tomaram a vacina Coronavac. A pediatra lembra ainda que amamentar assegura um crescimento saudável e reduz em 33% os riscos de doenças crônicas na idade adulta, incluindo obesidade, diabetes e pressão alta.

“O aleitamento materno é capaz de evitar a morte anual de mais de 1 milhão de crianças menores de cinco anos”, alerta Natasha Slhessarenko, que representa Mato Grosso no Conselho Federal de Medicina (CFM).

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA