Momento +

Imensas labaredas de fogo que queimam sem piedade o pantanal de Mato Grosso atingem em cheio o municipio de Cáceres provocando pânico

Publicados

em

Cáceres, em Mato Grosso,  está cercada por fogo. Situado às margens do Rio Paraguai, o município tem sido atingido por todos os lados pelas chamas que queimam o Pantanal matogrossense há mais um mês.

Na foto, as labaredas de fogo atingindo em cheio a escadaria que dá acesso a gruta da Dolina, no Rio Paraguai.

As labaredas já se aproximam da zona urbana, resultam em uma densa fumaça cinza que envolve a cidade, consomem a vegetação típica do bioma nas duas bordas do rio e provocaram a morte de uma pessoa.

Desde o começo do ano, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 1.653 focos de incêndio em Cáceres, o décimo município do país com maior número de queimadas.

Apenas nas duas primeiras semanas de setembro a quantidade de registros feitos pelo órgão federal chegou a 673. O governo de Mato Grosso decretou na segunda-feira (14) situação de emergência em todo o estado por causa dos incêndios florestais. A medida vale por 90 dias.

Leia Também:  Após 24 horas sem registro de óbitos por Covid 19 Cuiabá registra sete mortes pela doença nesta segunda-feira(28) com 23.961 casos

Na última sexta-feira (11), um grupo de pescadores viu de perto a destruição provocada pelos incêndios. A equipe de pesca esportiva transitava em três barcos pelo Rio Paraguai em um local conhecido como Baía das Éguas, entre Cáceres e a Estação Ecológica de Taiamã, quando foi rodeada pela fumaça.

O pescador Leandresson Rios, de 22 anos, relatou que tinha tanta fumaça que era impossível enxergar o que havia a poucos metros à frente. Com receio de prosseguir, o grupo que estava em seu barco resolveu retroceder. Eles voltaram para uma área mais distante da fumaça e tentaram comunicação via rádio com demais pescadores.

Depois de tomar um pouco de ar, o grupo que estava no mesmo barco de Leandresson resolveu molhar os trajes de pesca na água do rio e subir novamente na embarcação. Eles atravessaram a nuvem de cinzas com a canoa no máximo de aceleração.

“Tinha fogo dos dois lados do rio, não dava para ver 50 metros à frente. Então nós entramos no meio da fumaça, estava um calor absurdo, em torno de uns 50 graus. Nós chegamos a passar mal, estava difícil demais respirar, mas conseguimos atravessar em uns 5 minutos. Eu ando de barco pelo rio há anos e nunca tinha visto nada parecido com isso”, disse Leandresson, moradores de Lambari D’Oeste, município vizinho à Cáceres.

Leia Também:  São Paulo enfrenta o River Plate nesta quarta-feira(30) pela Libertadores sabendo que não pode perder para sonhar com a classificação

 

Otavio Ventureli(da redação)

 

Momento +

Polícia prende em flagrante homem de 25 anos acusado de ameaçar divulgar na internet fotos íntimas de uma moça que teria perdido o celular

Publicados

em

Homem de 25 anos foi preso em flagrante, na noite desta terça-feira (29), em Campo Verde, Mato Grosso, após ameaçar divulgar fotos íntimas de uma moça de 19 anos, que perdeu o celular.

Ele afirmou ainda que só devolveria o aparelho se ela transasse com ele, mas que se ela contasse para alguém, ela seria morta.

A jovem marcou encontro com o suspeito na noite desta terça(29), mas avisou a Polícia Militar, que montou um esquema e ficou observando o local do encontro até o primeiro contato.

Quando o suspeito flagrou os policiais, tentou correr, mas acabou sendo alcançado. Ele estava em posse de 3 celulares. Um era o da vítima, que estava todo formatado sem seus dados. Ele não informou como conseguiu o aparelho.

Já em outro celular, estavam várias fotos da vítima. Polícia acredita que ele salvou os arquivos em outro aparelho como forma de chantageá-la em outras oportunidades.

Ele foi encaminhado para a delegacia da Polícia Civil e autuado pelo crime de tentativa de estupro, receptação, importunação e assédio sexual e ameaça.

Leia Também:  CNJ confirma que Roberto França está com direitos politicos cassados até 2024, portanto, não poderia ser candidato as eleições 2020

 

 

Otavio Ventureli(da redação com GD)

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA