Momento +

Ministério Público MT abre investigações sobre o polêmico reality show do ex-Deputado Jajah Neves

Publicados

em

O Ministério Público do Estado entrou no caso do polêmico “reality show” do ex-deputado estadual Jajah Neves(foto).

O Procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges mandou abrir uma investigação preliminar para apurar a destinação de uma emenda parlamentar no valor de R$ 450 mil.

A investigação foi aberta a pedido do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União Brasil).

O parlamentar é autor da emenda e argumentou que o dinheiro deveria ser usado para capacitar profissionais conhecidos como digital influencers, para divulgar as potencialidades econômicas, culturais, gastronômicas e turísticas de Mato Grosso. 

Jajah Neves, no entanto, destinou a grana para o seu show, no Youtube, denominado “Casa Digital MT”.

 

Otavio Ventureli(da redação com Assessoria)

Leia Também:  Eleições: Escolha de WF pelos primeiro e segundo suplentes de Senador não agradou a alguns políticos de Mato Grosso

Momento +

ELA NÃO NOS REPRESENTA: Queremos MT representado por inteiro e não uma “chapa da Prefeitura de Cuiabá”, afirma Ane Borges

Publicados

em

 

 

A candidata ao cargo de deputada federal Ane Borges (UB), da região norte do estado, afirmou que a chapa de Márcia Pinheiro (PV), que disputa o cargo de governadora de Mato Grosso, não representa o interior do Estado.

“Queremos ser representados por inteiro, porque o interior do Estado também quer ter representantes, e não uma ‘chapa da Prefeitura de Cuiabá’, em que a candidata é a esposa do prefeito e o vice é ex-secretário da capital. Não estamos em uma eleição municipal e sim estadual. Isso é um desrespeito com o que as cidades de Mato Grosso representam ao Estado”, destacou a candidata.

Para Ane, que é uma defensora da cidade de Sorriso e dos municípios vizinhos, a falta de uma representatividade demonstra que essa chapa irá governar para grupos e está fechada apenas com a capital.

“Nossa bandeira é por Mato Grosso, por inteiro, um Mato Grosso em que todos os seus cidadãos sejam valorizados e respeitados. Não podemos regredir os avanços que conquistamos”, ressaltou, ponderando que como candidata a Câmara Federal, espera poder representar o Estado, junto com presidente Bolsonaro, e ter ao lado um governo que mantenha as políticas “olhando para todas as regiões”.

Leia Também:  Audiência de Custódia: ciclo de diálogos discute avanços e desafios nos 7 anos da implantação

“Vou ser parceira de quem defendo todos os mato-grossenses e não de quem acha que o Governo de Mato Grosso é um puxadinho da prefeitura. Lá em Brasília estarei junto com Bolsonaro lutando pelo nosso Estado e não podemos voltar ao passado, em que as salas do Palácio Paiaguás eram usadas para fins nada democráticos e que viraram manchete nacional, com pessoas colocando dinheiro no paletó”, afirmou.

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI