Momento +

Novo programa da Rádio Assembleia tem resumo semanal de atividades parlamentares e entrevista

Publicados

em

 

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

O programa “Pela Ordem” traz semanalmente informações e reportagens sobre as ações parlamentares, além de entrevista com deputados estaduais ou outras pessoas envolvidas no trabalho ou discussões da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.  A nova atração foi ao ar pela primeira vez no último dia 12, e é produzida e transmitida pela Rádio Assembleia 89,5 FM.

“Nós fazemos um grande resumo da semana, em que nós buscamos contemplar os 24 deputados da Casa e as diversas regiões do estado. Também temos o quadro ‘Entrevista da Semana’, no qual já recebemos deputados como o Carlos Avallone na semana da audiência pública que discutiu o Gás Natural Veicular com foco nos problemas enfrentados pelos motoristas de aplicativo”, explica o jornalista Bruno Pini, responsável pelo roteiro do programa.

Pini adianta que nesta sexta (26) o entrevistado da vez será o deputado Wilson Santos (PSDB), que falará sobre a ferrovia Vicente Vuolo. O parlamentar realizou um seminário em Campo Verde sobre o modal e relembrará o evento, além de discutir a contribuição que o novo trecho ferroviário trará para o desenvolvimento do estado.

Leia Também:  Polícia Civil prende dois envolvidos em tentativa de latrocínio contra casal no distrito da Guia

“O programa traz a cobertura das comissões, audiências públicas, plenário e também mostra projetos que estão em tramitação na Casa”, completa o gerente da Rádio Assembleia, Eduardo Ferreira. Ele destaca ainda que o jornalístico vai ao ar toda sexta-feira às 20h, logo após a Voz do Brasil, para pegar o público interessado nas ações do poder público. A rádio também transmite a reprise do programa aos sábados, às 13h.

A direção é de Luciano Campos e a apresentação é feita em duplas com o revezamento de quatro jornalistas da Casa. São eles Thayana Bruno, Bruno Pini, Lucky Marlon e Laurindo Neto. “Temos programas com outros perfis e este se destaca por sistematizar, reunir e registrar o que acontece na Assembleia. É um jornalístico profissional falando diretamente com as pessoas que querem acompanhar o trabalho feito aqui pelos representantes que elas ajudaram a escolher”, afirma Thayana Bruno.

Foto: MARCIA REGINA RODRIGUES DE OLIVEIRA

De acordo com o gerente da Rádio Assembleia, o objetivo é atingir o público de todo o Mato Grosso. “Temos a ideia de distribuir o ‘Pela Ordem’ também nas rádios do interior e chegar ao estado inteiro”, conta Eduardo Ferreira.  “Queremos dar transparência e publicidade para as ações dos parlamentares, até o nome ‘Pela Ordem’ remete ao momento em que o deputado pede para falar, queremos garantir esse lugar de fala”, completa.

Leia Também:  Emanuel Pinheiro compartilha prêmio Prefeito Amigo da Criança em live

A Rádio Assembleia 89,5 FM está disponível na baixada cuiabana e também pode ser ouvida pela página inicial do site da Assembleia Legislativa ou pelo endereço https://www.al.mt.gov.br/institucional/radio-assembleia.

Fonte: ALMT

 

Momento +

Inscrições para eleições do Conselho Estadual de Cultura encerram na segunda-feira (31)

Publicados

em

 

O Conselho Estadual de Cultura (CEC) encerra nesta segunda-feira (31.01) as inscrições para o processo eleitoral que irá eleger os novos representantes da sociedade civil. Tanto os cidadãos interessados nas cadeiras de membros (candidatos) quanto os que quiserem votar (eleitores) precisam se inscrever para participar das eleições. Ao todo, são 14 vagas disponíveis.

Todo processo eleitoral está sendo feito online, com os arquivos do Regimento Eleitoral e formulários disponíveis no site da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel).

Vale lembrar que, na fase de inscrição, é necessário concluir as duas etapas para que o cadastro seja considerado válido. Ou seja, primeiro o interessado acessa o link (candidato ou eleitor) para fornecer os dados iniciais (nome e email). Depois, ele irá receber por email o acesso para o preenchimento do formulário final. Nessa fase, é necessário inserir as informações solicitadas e anexar os documentos exigidos no Regimento Eleitoral. Ao fim, a pessoa recebe uma cópia da ficha de inscrição validada pela Comissão Eleitoral.

Leia Também:  A pedido da AMM, TCE amplia prazo para envio de informes do Aplic

“Vamos ficar atentos à finalização das duas etapas. Estamos com 200 inscrições no sistema que serão inabilitadas por falta de conclusão. A Comissão eleitoral está enviando email para essas pessoas, e está de plantão para tirar todas as dúvidas e orientar os candidatos e eleitores”, explica o secretário-adjunto de Cultura, Jan Moura.

Inscrições

As inscrições ficam abertas até segunda-feira (31.01). Para participar, tanto como eleitor quanto como candidato, é necessário ter pelo menos 18 anos de idade, comprovar efetiva contribuição na área cultural e ser residente em Mato Grosso.

Cada pessoa terá direito a dois votos, um para segmento cultural e outro para território. Vale ressaltar que tanto o eleitor quanto o candidato só poderá votar e/ou pleitear a vaga relacionada à sua área artística de atuação, ou no território onde reside.

As 14 vagas são divididas entre os seguintes segmentos culturais: artes cênicas, patrimônio histórico e cultural, artes visuais, cultura tradicional e étnico-cultural, humanidades, música e rede de Pontos de Cultura.

Também estão distribuídas entre os territórios mato-grossenses: Cuiabá, Juruena, Paraguai-Guaporé, Vermelho, Teles Pires e Araguaia. Os municípios que compõem as regiões estão descritos nos anexos do Regimento Eleitoral.

Leia Também:  Conselho de Meio Ambiente aprova licença prévia da unidade portuária de Cáceres

O Conselho

Regulamentado pela Lei 10.378/2016, o Conselho Estadual da Cultura é um órgão colegiado vinculado à Secel. Com o objetivo de estabelecer diretrizes e prioridades para o desenvolvimento da política pública cultural em Mato Grosso, o CEC tem competência deliberativa, normativa, consultiva e de fiscalização.

Ao todo, é composto por 28 membros e suplentes, sendo 14 deles os representantes dos segmentos culturais e territórios mato-grossenses, e outros 14 os conselheiros indicados pelo Poder Público.

Serviço

Processo eleitoral do Conselho Estadual de Cultura

Período de inscrição: até às 17h do dia 31 de janeiro de 2022

Formulário Eleitor: https://formularios.cultura.mt.gov.br/index.php/144224

Formulário Candidato: https://formularios.cultura.mt.gov.br/index.php/843574

A equipe do Conselho Estadual de Cultura também está fazendo atendimento online para orientar e tirar dúvidas, por meio de um chat, disponibilizado no link do formulário de inscrição.

Informações: [email protected] e (65) 3613.0207 / 0231

Fonte: GOV MT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA