Momento +

Oncologistas alertam que o envelhecimento é um dos fatores de risco para o câncer de mama em mulheres acima de 45 anos e idosas

Publicados

em

Entre todos os tipos de câncer, o que mais acomete as mulheres é o de mama. E os dois principais fatores de risco para a doença são: ser mulher e o envelhecimento, afirma a oncologista Carla Nakata.

O alerta é para que as mulheres acima dos 45 anos, e principalmente na terceira idade, intensifiquem os cuidados para monitorar a saúde, já que é nesta fase da vida que o câncer de mama é mais frequente.

“O câncer de mama pode acontecer em qualquer fase da vida, porém é mais frequente por volta dos 45, aos 65 anos de idade. Por isto, é importante o rastreamento e o diagnóstico precoce, ou seja, logo no início do câncer. A chance de essa mulher ficar curada ao longo da vida é muito alta, girando em torno de 95% a 98%, dependendo do caso. Quando eu diagnostico essa mulher em um quadro avançado as chances diminuem”, explica.

A paciente que tem o diagnóstico precoce pode precisar de menos procedimentos onerosos, e mais complicados. “Às vezes a paciente que identificou um câncer no início nem vai precisar de quimioterapia. Sem contar que ela vai ficar curada, podendo voltar a fazer as suas atividades normais, que é o sucesso do tratamento”, avalia.

Leia Também:  Tensão: Agentes Penitenciários de MT entram no segundo dia de greve visitas estão suspensas e Secretaria de Segurança silencia

Outros fatores de risco envolvidos são a obesidade, genética (vários casos de câncer de mama na família), ou o uso de terapia hormonal para pacientes que entram na menopausa, mas para 95% das mulheres, a doença vai acontecer ao acaso.

“O fator de proteção seria a amamentação. Quanto maior o número de filhos e a amamentação, por quanto mais tempo melhor é a proteção para um câncer de mama”, ressalta.

Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), são esperados 66 mil casos de diagnósticos novos de câncer de mama no País. A cada 100 mil mulheres, 61 serão acometidas com a doença. “A incidência é alta, e por isso que a gente faz esse programa de conscientização das mulheres para fazer o rastreamento do câncer de mama”.

Como detectar

O diagnóstico precoce passa por um exame de mamografia, ou ultrassom, que são fáceis e baratos. O auto exame de toque nos seios pode ajudar a paciente a perceber algum nódulo e procurar o mais breve um médico para os exames e o diagnóstico.

Leia Também:  Criança de 08 anos mesmo nua corre para a rua após ser estuprada pelo tio de 39 anos que foi preso em flagrante em Sinop MT

“Na maioria das vezes o câncer é assintomático. O sintoma mais frequente é a mulher sentir um caroço na mama, ou na axila. Esse caroço não dói, é endurecido, fixo. Pode ficar com a mama vermelha, pele com aspecto de casca de laranja, mais grossa com pontinhos, pode haver uma inversão do mamilo, pode haver dor, mas são sintomas menos comuns”, conta a especialista.

 

 

Otavio Ventureli(da redação)

Momento +

Depois de golear o Vasco no último fim de semana o Ceará vai à Fonte Nova em Salvador neste sábado enfrentar o “Baêa”

Publicados

em

Depois de se recuperar no Campeonato Brasileiro com uma goleada sobre o Vasco, no último final de semana, o Ceará volta a campo neste sábado(05), às 19h, quando visita o Bahia, no Estádio da Fonte Nova, em jogo válido pela 24ª rodada da competição.

Na 11ª colocação, com 29 pontos, o Vozão tenta embalar a segunda vitória consecutiva e ganhar duas posições, ultrapassando Corinthians e Fortaleza, que já duelaram na rodada e ficaram no empate.

Para a além da consistência apresentada no duelo contra o Vasco, Guto Ferreira tem a seu favor o histórico do Ceará contra o Bahia em 2020. Neste ano, o Vozão enfrentou o Tricolor Baiano em quatro oportunidades, vencendo três e empatando apenas uma.

Do outro lado, para reverter o retrospecto negativo contra a equipe cearense na atual temporada, o Bahia não deve ter vida fácil. O time tem diversas ausências e vai precisar superá-las para buscar um resultado positivo no Castelão.

Matheus Claus, Juninho Capixaba, Zeca e Ronaldo estão afastados já que contraíram covid-19. O mesmo acontece com o técnico Mano Menezes e os auxiliares James Freitas e Sidnei Lobo. Com isso, o Tricolor Baiano será comandado pelo auxiliar Cláudio Prates, que também não terá o atacante Clayson, punido pelo STJD. Élber, Matheus Bahia e Anderson Martins, que saíram de campo lesionados, na partida contra o Unión Santa Fe, pela Sul-Americana, pintam como dúvidas.

Leia Também:  Atendendo pedido do Flamengo Justiça reduz pensão paga aos familiares das crianças assassinadas no ninho do urubu em 2019

O Bahia é o 13º colocado no Campeonato Brasileiro com 28 pontos. Uma vitória também pode fazer com que a equipe suba na tabela, chegando ao 9º lugar.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com gazetaesportiva)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA