Momento +

Palmeiras enfrenta o São Paulo as 19 horas deste sábado defedendo dois importantes retrospectos e buscando vitória no Allianz Parque

Publicados

em

Neste sábado, as 19 horas,  diante do São Paulo, o Palmeiras entra em campo defendendo dois importantes retrospectos, sendo um de nunca ter perdido para o São Paulo no Allianz Parque e o outro de ainda não ter sido derrotado em sua casa na atual temporada.

Desde 2014, quando o antigo Palestra Itália passou por uma profunda reformulação, já são nove Choques-Reis no local, dos quais o Verdão venceu oito e empatou um (seguido por triunfo dos rivais nos pênaltis). Além disso, chama a atenção o número de gols feitos por cada equipe: são 24 dos alviverdes e apenas quatro dos tricolores.

Dentre esses jogos, alguns ficaram marcados por golaços, como o caso do primeiro clássico no estádio, em 2015, que contou com um tento de cobertura do meia Robinho sobre Rogério Ceni. Dois anos depois, foi vez de Dudu balançar as redes por cobertura, agora sobre o goleiro Denis.

E para o duelo deste ano, que será o primeiro da temporada no Allianz, o Palmeiras chega com uma empolgação a mais. Isso porque o time de Vanderlei Luxemburgo ainda não perdeu em seu estádio em 2020. Até o momento, são dez vitórias e sete empates, com 32 gols feitos e 12 sofridos.

Leia Também:  Velho Tarado: Idoso de 72 anos é preso pela Polícia Civil acusado de estuprar a própria sobrinha de 12 anos em municipio de Mato Grosso

 

Otavio Ventureli(da redação)

Momento +

Presidente do PDT de MT lamenta saída de Pivetta da sigla e diz que vice-governador deixou um legado em 15 anos de filiação e militância

Publicados

em

O deputado estadual e presidente do PDT em Mato Grosso, Allan Kardec, lamentou a desfiliação do vice-governador Otaviano Pivetta(a esquerda na foto) da sigla.

O estopim para o rompimento foi o apoio de Pivetta à Coronel Fernanda, que defende as ideologias do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Fiquei triste, ontem tivemos uma conversa e ele pediu a desfiliação, mas ele já vinha ensaiando isso desde a campanha de 2018, quando apoiou o Bolsonaro. Agora ele se manifestou a favor da candidata Coronel Fernanda e isso vai direto contra a direção partidária”, explicou Kardec.

Porém, mesmo com a desfiliação, o deputado não poupou elogios a Pivetta no tempo em que foi membro do PDT.

“O Pivetta deixou um legado no PDT, teve mais de 15 anos de militância, teve 3 mandatos de prefeito, que foram premiados em todo Brasil. Ele é uma pessoa que tenho como referência, mas hoje é uma pessoa que se posiciona diferente daquilo que o PDT orienta”.

Allan ainda disse que a saída do vice-governador não provocará uma “debandada” do partido. “O PDT continua firme, hoje sem o Pivetta, mas crescendo no Estado. Ele não irá levar ninguém, não fez o pedido para ninguém sair. Ele só se desfiliou, não irá para nenhum partido até o final deste ano e nós vamos estar tocando o partido, hoje sem o Pivetta, mas lembrando sempre que ele ajudou na construção do partido no Estado”.

Leia Também:  Roubalheira sem controle no País: Polícia Federal deflagra nesta quarta(21) Operação "Índia" para investigar corrupção na Infraero

Racha no PDT

Otaviano Pivetta declarou apoio à Coronel Fernanda durante carreata realizada no sábado (17), em Lucas do Rio Verde, Mato Grosso. Ainda filiado ao PDT, o anúncio foi em desencontro com a escolha do partido em apoiar o advogado Euclides Ribeiro.

Na segunda-feira (19), Pivetta postou em sua rede social que pediu para sair da sigla e que teve uma conversa “amigável e respeitosa” com Allan Kardec.

 

 

Otavio Ventureli(da redação com Assessoria)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA