Momento +

R$100 milhões em circulação: Várzea Grande quita novembro, adianta 13° e dezembro e fecha ano com reajuste e reclassificação

Publicados

em

KALIL BARACAT FECHA ANO COM QUITAÇÃO DE FOLHAS SALARIAIS ANTES DA VIRADA DO MÊS, REPOSIÇÃO DE RGA E NIVELAMENTO DE CARGOS, INVESTIMENTOS DE MAIS R$ 500 MILHÕES EM INFRAESTRUTURA E EM DIA COM TODOS OS ENCARGOS E FORNECEDORES

Depois de anunciar a injeção de mais de R$ 125 milhões na economia local com o pagamento de quatro folhas aos servidores municipais no último trimestre do ano, o prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, confirmou a antecipação do pagamento do 13º salário, que juntamente com o salário de dezembro, serão pagos nos dias 17 e 27 do próximo mês, respectivamente.
Em um intervalo de cerca de 30 dias, R$ 100 milhões circularão na economia, impulsionando o varejo, a indústria e prestação de serviços na cidade. Além da folha de dezembro e do 13º, a prefeitura de Várzea Grande está pagando o salário de novembro, hoje dia 30.
“Estamos ‘furando’ nossa própria programação. O calendário elaborado pela equipe econômica previa a quitação do abono até o dia 19 e do salário até o dia 29. Felizmente, todo nosso esforço financeiro e fiscal tem surtido feito e permitido que ao longo do ano, nossos servidores recebam o que é de direito muito antes da virada do mês. Ainda que estejamos no pior momento da pandemia, sob o ponto de vista econômico, esse primeiro ano de gestão está sendo marcado pela dedicação de cada colaborador, pela confiança do cidadão e pelo nosso zelo com os recursos públicos”.
Kalil destacou ainda que todas as adversidades derivadas do momento pandêmico que ele herdou não impediram avanços históricos na cidade. “Tenho orgulho em dizer que nesse primeiro ano de mandato realizamos investimentos de R$ 500 milhões em infraestrutura, especialmente na ampliação do sistema de abastecimento de água e pavimentação asfáltica. Vamos pagar a reposição inflacionária aos nossos servidores, bem como, promover correções na elevação de nível e manter em dia o pagamento aos servidores. Esse esforço é justo, nossa cidade, nossa população e nossos servidores merecerem, pois eles (servidores) são a mão do Poder Executivo que leva saúde, segurança, social, educação e outros serviços para atender a população”.
A secretária de Gestão Fazendária, Lucineia dos Santos, frisa que a saúde financeira do Município permite não apenas o pagamento em dia – obrigação de qualquer gestor – bem como a concessão de 7% como forma de recomposição salarial (7%) e a Progressão de Enquadramento por Nível, que na prática coloca em dia o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), adicionando um diferencial ao salário-base dos servidores. “Tudo programado e dentro do que preconiza a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) que limita os gastos com salários e encargos de servidores públicos até o máximo de 60% das receitas”.
O secretário de Administração, Anderson Silva, pontuou que essas correções junto aos servidores municipais era uma demanda antiga e que tornou ainda mais latente com o Covid-19, por todos os seus desdobramentos e impactos sobre o poder de compra das famílias. “Acredito que o percentual da RGA, em 7%, deve ser um dos maiores do País. Poucas administrações públicas poderão arcar com um extra como esse no próximo ano, quiçá ainda, dentro deste mandato”.
O prefeito, como sempre frisa, “não vamos resolver todos os problemas da cidade”, faz questão de reforçar que vem cumprindo seu plano de governo proposto durante a campanha eleitoral de 2020, priorizando cada segmento da sua administração. “Se me perguntarem como avalio esse primeiro ano, vou dizer que foi extremamente desafiador e próspero ao mesmo tempo. Realizamos investimentos com visão estratégica e de longo prazo, estamos promovendo correções dentro do funcionalismo público, encaramos a maior campanha de vacinação da história com êxito e chamamos o desafio de solucionar o problema de abastecimento de água em Várzea Grande”.
Ao setor empresarial, além de poder contar com a gestão, Kalil diz que essa irrigação de recursos será contínua, com a priorização de salários. “Os empresários podem se preparar, se programar para receber o servidor municipal sempre antes da virada do mês. Essa injeção de recursos, especialmente nesse ano, será um grande impulsionador de vendas e vai contribuir para a busca de um fechamento de ano no azul para o varejo local”.
Várzea Grande contabiliza cerca de 7 mil servidores municipais, considerando a Administração Direta e suas autarquias, como PREVIVAG e DAE/VG.

Leia Também:  Governo de MT distribui 101 mil testes para detecção da Covid-19 aos 141 municípios

Momento +

Rádio Assembleia amplia programação em 2021 e prepara novidades para 2022

Publicados

em

Programa Lugar de Mulher

Foto: Ronaldo Mazza

Com três programas totalmente novos e três repaginados, a Rádio Assembleia 89,5 FM encerrou o ano de 2021 com grande produção. Atualmente, a rádio conta com 17 programas em sua grade, que abordam diferentes assuntos e estilos musicais, além das transmissões ao vivo e notícias sobre as atividades realizadas no Legislativo Estadual.

A superintendente da Rádio Assembleia, Tatiana Medeiros, afirma que o resultado positivo é fruto do comprometimento e profissionalismo de todos os integrantes da equipe.

“Devido à pandemia da Covid-19, nós tivemos que nos adaptar e conseguimos fazer isso muito bem. Desde 2020, a equipe passou a trabalhar de forma híbrida e manteve a mesma agilidade e dinamismo. A rádio não só manteve toda a sua produção de conteúdo, como ainda colocou no ar vários programas novos”, destaca.

Entre as estreias de 2021, está o “Balança Mato Grosso”, que foi ao ar em outubro. O programa é exibido todas as sextas-feiras, às 13h, e apresenta diferentes ritmos musicais. Seu comando fica por conta de Felippe Botelho, servidor da Assembleia Legislativa e professor de dança.

O programa “Pela Ordem” estreou em novembro. Apresentado pelos jornalistas Thayana Bruno, Bruno Pini, Lucky Marlon e Laurindo Neto, servidores da ALMT que se revezam em duplas, a nova atração exibe semanalmente informações e reportagens sobre as ações realizadas pelo Parlamento estadual, além de entrevistas com deputados estaduais e pessoas envolvidas em trabalhos e discussões que estão ocorrendo no momento.

Leia Também:  Governo investe R$ 14,3 milhões para construção de novas unidades da Polícia Militar

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O “Pela Ordem” vai ao ar toda sexta-feira, às 20h, logo após a Voz do Brasil. “O programa faz um resumo, uma análise, do que aconteceu durante a semana na Assembleia Legislativa, com a cobertura das comissões, audiências públicas e sessões plenárias”, explica o gerente da Rádio Assembleia, Eduardo Ferreira.

O “Arquivo Musical” é outra novidade na programação da Rádio Assembleia 89,5 FM. O programa estreou em dezembro e faz uma revisitação ao passado musical. “São músicas antigas que nunca envelhecem, músicas de qualidade, que são eternas”, ressalta Ferreira.

Produzido por Paulo de Tarso e apresentado por Edson Pires, o “Arquivo Musical” vai ao ar todas as sextas-feiras, às 20h30, e sábados, às 13h.

Repaginados – Em 2021, alguns programas que já faziam parte da programação passaram por mudanças de perfil ou ampliação. É o caso do “Sons de Mato Grosso”, que antes era exclusivamente radialístico e, após grande sucesso e aceitação do público, também passou a ser transmitido pela TV Assembleia, com a exibição de videoclipes e entrevistas com músicos do estado.

Leia Também:  Operação Mandatário cumpre 51 mandados judiciais com foco na descapitalização de organização criminosa

O programa “Gol a Gol” também passou por uma restruturação e agora é exibido todas as sextas-feiras, às 12h. Já o “Lugar de Mulher”, apresentado por Tatiana Medeiros e Hend Santana, teve seu tempo de duração ampliado. Para acompanhá-lo, basta sintonizar a Rádio Assembleia 89,5 FM, todas as sextas-feiras, às 11h.

“Nós avaliamos o desenvolvimento do programa e a aceitação do público. Felizmente, todos os programas estão dando certo e aí vamos aumentando a carga horária deles”, explica Tatiana Medeiros.

Programação ampliada – Em 2021, a Rádio Assembleia 89,5 FM, que integra a Rede Legislativa de Rádio, encabeçada pela Rádio Câmara, da Câmara dos Deputados, otimizou o tempo destinado à programação local.

Às sextas-feiras são exibidos 11 programas regionais, que, juntos, somam quase 15 horas de transmissão. Aos sábados, a programação regional se estende das 6h às 20h, com a transmissão de 13 programas.

2022 – Este ano, a parceria com a TV Assembleia será ampliada, com a transmissão de outros programas no formato rádio/TV, como o “Lugar de Mulher”.

A estreia de um programa voltado ao lambadão mato-grossense e a ampliação do programa “Pela Ordem” são outras possibilidades que já estão sendo analisadas.

Além disso, a Rádio Assembleia, assim como a TV Assembleia, fará a cobertura completa das Eleições 2022, com transmissões ao vivo.

Fonte: ALMT

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA