Momento +

Série B: Arbitragem desatrosa marcou a vitória do Náutico sobre o Botafogo na tarde deste domingo nos Aflitos em Recife; alvinegros protestaram

Publicados

em

Em um jogo movimentado, bem disputado e com boa dose de polêmica, o Náutico venceu o Botafogo nos Aflitos, por 3 a 1, neste domingo, pela quinta rodada da Série B.

Desta forma, o Timbu segue líder isolado, com 100% de aproveitamento – gols marcados por Pedro Castro (contra), Jean Carlos e Paiva. Botafogo marcou com Felipe Ferreira e perde invencibilidade na competição.

O Náutico segue líder isolado da Série B, com 100% de aproveitamento e 15 pontos em cinco partidas – são cinco de vantagem para o Operário, segundo colocado. Enquanto isso, o Botafogo está no G-4, com 8 pontos.

O Náutico volta a jogar na próxima quarta-feira, às 16h, no Estádio do Café, contra o Londrina. Já o Botafogo encara o Sampaio Corrêa, sábado, no Castelão.

No lance que deu origem ao primeiro gol do Náutico, a bola tocou no jogador Hereda do time pernambucano e o árbitro, erroneamente, marcou escanteio.

O segundo pênalti marcado a favor do Náutico também gerou reclamação botafoguense. Hereda foi derrubado por Paulo Victor na área quando a bola já havia saído. O árbitro, equivocadamente, marcou pênalti

Leia Também:  Departamento de Licitações aborda ‘matriz de risco’ em capacitação para servidores

Momento +

Setembro Verde: Câncer de intestino está entre os mais comuns para homens e mulheres

Publicados

em

Considerado o terceiro tipo de câncer mais frequente em homens, após o de próstata e o de pulmão, e o segundo entre as mulheres, após o câncer de mama, o câncer colorretal é um tumor que acomete o intestino grosso. “Importante ressaltar que o câncer de intestino é tratável e, na maioria dos casos, curável, ao ser detectado precocemente”, observa o coloproctologista Mardem Machado, credenciado ao Mato Grosso Saúde pela Clínica Vida.

O câncer de cólon, também conhecido como colorretal ou câncer de intestino, é o foco da campanha Setembro Verde, que busca conscientizar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce para combater o tumor.

Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), a cada ano, há 34.280 novos casos de câncer colorretal, dos quais 15.415 se encaminham para óbito. Ao todo, 16.660 homens e 17.620 mulheres são diagnosticados todo ano com a doença.

O Dr. Mardem Machado relata que existem diferentes fatores de risco para o diagnóstico de câncer de intestino. Os principais são a idade, sendo mais comum após os 50 anos, obesidade, sedentarismo, consumo em excesso de carnes vermelhas e processadas, dieta pobre em fibras, tabagismo, alcoolismo e histórico familiar de câncer de intestino.

Leia Também:  Faissal visita Barra do Bugres, recebe título de cidadão barrabugrense e doa uma tonelada de ração

Sintomas

O especialista destaca que conhecer os sintomas é fundamental para o paciente procurar um especialista no assunto, realizar os exames necessários e, se constatado o tumor, iniciar o tratamento.

“Os sintomas são sangue nas fezes, dor na região anal, cólicas ou dores abdominais, anemia, fraqueza, perda de peso inexplicável e alterações do hábito intestinal, como diarreia, intensa vontade de vomitar e urgência para evacuar ou constipação”.

Diagnóstico

O diagnóstico do câncer de intestino é feito a partir de um exame clínico e físico, incluindo o exame proctológico, a retossigmoidoscopia, a colonoscopia e exames de sangue. “Assim que o paciente é diagnosticado, ele inicia o tratamento”.

Tratamento

Conforme o especialista, o câncer colorretal pode ser tratado de diversas formas para melhorar a qualidade e a sobrevida dos pacientes. Entre as alternativas estão as cirurgias abertas, laparoscopias e assistidas por robô, colonoscopia e ressecções locais dos tumores, quimioterapia e radioterapia.

Como se trata de uma doença silenciosa, cujos sintomas demoram bastante a se manifestar, o Dr. Mardem Machado alerta para a importância do check-up anual para o diagnóstico precoce e maior sucesso no tratamento.

Leia Também:  Departamento de Licitações aborda ‘matriz de risco’ em capacitação para servidores
Fonte: GOV MT

 

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA