Momento +

Técnico do Palmeiras Abel Ferreira lamenta derrota para o lanterna do Brasileiro neste sábado e diz assumir a responsabilidade

Publicados

em

O técnico Abel Ferreira sofreu sua primeira derrota no comando do Palmeiras na noite deste sábado(21), no Estádio da Serrinha, em Goiânia.

Superado pelo Goiás, lanterna do Campeonato Brasileiro, que venceu o verdão por 1 x 0, o português considerou que seu time merecia resultado melhor e assumiu a responsabilidade pelo resultado.

Com uma série de desfalques, o Palmeiras no primeiro tempo perdeu o centroavante Luiz Adriano por lesão e ainda teve o lateral Mayke, improvisado na esquerda, expulso. Na etapa complementar, armado para defender, o time palestrino acabou vazado por Miguel Figueira aos 47 minutos.

“Um jogo em que fomos manifestamente infelizes, por todas as incidências. Minha equipe não merecia sair penalizada com esse resultado nesse jogo. Mas é futebol, temos que aceitar e seguir em frente”, declarou Abel Ferreira, derrotado após quatro vitórias e um empate.

“Eu disse que não iríamos ganhar sempre. Um dia, isso teria que acontecer. Aconteceu, mas de uma forma que não tenho nada a dizer dos meus jogadores. Todos que entraram deram o melhor de si, mesmo contra muitas adversidades. Infelizmente, fomos, na minha opinião, demasiadamente penalizados pelas incidências do jogo”, disse.

Leia Também:  Xiaomi repagina Redmi Note 9 e Note 9 Pro, agora com 5G; veja o que muda

Abel Ferreira teve 17 jogadores indisponíveis por covid-19, um suspenso e três em recuperação de cirurgias. Ainda assim, ao final da derrota diante do lanterna do Campeonato Brasileiros, o treinador português tratou de assumir a responsabilidade pelo placar.

“Sempre digo isso e não vou fugir, nas vitórias e nas derrotas: o responsável sou eu, tudo que aconteceu hoje, a culpa é minha. As substituições, acertadas ou erradas, eu sou o culpado. Mas amanhã é outro dia e temos 24 horas para olhar para a frente”, declarou.

O centroavante Luiz Adriano, escalado como titular contra o Goiás, acabou substituído ainda no primeiro tempo da partida disputada na noite de sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Com possível lesão, o jogador virou dúvida para o confronto com o Delfin, pelas oitavas de final da Copa Libertadores.

Luiz Adriano deu trabalho para o goleiro Tadeu nos instantes iniciais da partida no Estádio da Serrinha, mas precisou sair logo aos 24 minutos do primeiro tempo. Ele sentiu dores na coxa esquerda ao arrancar para um lançamento e tentou permanecer em campo, mas não conseguiu.

Com sobrecarga na coxa esquerda, Luiz Adriano desfalcou o Palmeiras nos recentes confrontos com Ceará e Fluminense. Após deixar a partida diante do Goiás, ainda no banco de reservas do Estádio da Serrinha, o centroavante iniciou aplicação de gelo na coxa esquerda.

Leia Também:  Mato Grosso registrou da última quarta até o inicio da noite desta quinta(26) mais 587 pessoas infectadas pelo coronavírus e 5 mortes

Nos duelos em que não pôde contar com Luiz Adriano, artilheiro do Palmeiras no ano com 15 gols, o técnico Abel Ferreira apostou no experiente Willian, atualmente em recuperação de covid-19. Contra o Goiás, o português precisou colocar o jovem Fabrício, que fez sua primeira partida pelo time profissional.

Além de Willian, Jailson, Vinicius, Alan Empereur, Matias Viña, Benjamin Kuscevic, Danilo, Gustavo Scarpa, Raphael Veiga, Rony, Gabriel Veron, Breno Lopes, Gabriel Silva e Aníbal estão fora por covid-19. Assim como os jovens Marino, Quiñonez e Pedro Acácio. Para completar, Felipe Melo e Wesley se recuperam de cirurgias.

A partida contra o Delfin, válida pelas oitavas de final da Copa Libertadores, está marcada para as 19h15 (de Brasília) desta quarta-feira(25), no Equador. Pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, o time alviverde volta a campo para enfrentar o Athletico-PR às 17 horas de sábado(28), no Allianz Parque.

 

 

 

Otavio Ventureli(da redação com gazeta esportiva)

 

 

Momento +

Em momento dificil na tabela desde a chegada de Abel Braga Inter enfrenta o Atlético GO neste sábado no Estádio Antonio Acioly em Goiania

Publicados

em

O Internacional vive momento difícil na temporada. Desde a chegada de Abel Braga, o Colorado caiu na tabela do Campeonato Brasileiro e foi eliminado da Copa do Brasil.

Neste sábado(28), os gaúchos tentam se recuperar e têm pela frente o Atlético-GO, às 21h (Brasília), pela 23ª rodada do torneio nacional.

Recuperados, Patrick e Heitor ficarão à disposição e podem voltar ao time titular. Nonato, suspenso, está fora. Infectado com a covid-19, Abel Braga segue fora.

O Colorado ocupa o 4º lugar da tabela com 36 pontos, seis a menos que o líder Atlético-MG, que fez um jogo a mais. Flamengo e São Paulo aparecem com 39 e 38, respectivamente.

No Atlético-GO, a grande novidade não está na escalação e sim no palco da partida. O Estádio Antônio Accioly foi liberado pela CBF após reformas de iluminação e acomodação, e poderá ser usado pelos goianos já neste final de semana.

O Dragão faz campanha sólida no Brasileiro, com 27 pontos na 13ª posição, três a mais que o Vasco, primeiro time dentro da zona de rebaixamento.

Leia Também:  Marcada para o dia 18 de dezembro a posse da Desembargadora Maria Helena Póvoas na presidência do Tribunal de Justiça de MT

 

 

Otavio Ventureli(da redação com gazetaesportiva)

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA