MULHER

Conheça quais são os 5 signos mais irritados do zodíaco

Publicados

em


source

Alto Astral

Conheça quais são os 5 signos mais irritados do zodíaco
Reprodução: Alto Astral

Conheça quais são os 5 signos mais irritados do zodíaco

A interpretação do mapa astral proporciona um enorme autoconhecimento. Por meio dela, é possível identificar a influência de signos e planetas em diversas áreas da vida, como carreira , relacionamentos, futuro, passado, família… Essa ferramenta astrológica permite que cada um desses campos sejam aproveitados da melhor maneira, baseando-se naquilo que é provável acontecer ao interpretar.

Todavia, nem sempre é necessária uma análise tão profunda para descobrir características mais gerais da personalidade de alguém. Um fator de muito peso ao definir qualidades e defeitos, por exemplo, é o signo solar – aquele que estava em evidência na sua data de nascimento.

Para os mais chegados em astrologia, basta falar um signo e eles já falam quais são os aspectos mais gerais daquela pessoa, fazendo suposições. Quem nunca ouviu falar que escorpianos são vingativos? Ou que leoninos são vaidosos? E por aí vai…

Hoje, você descobrirá quem são os cinco signos mais irritados do zodíaco. Basta uma simples discussão para a cabeça esquentar de vez! Confira:

Leia Também:  Aprenda a maneira perfeita de organizar a casa de uma mãe de primeira viagem

Áries

Com certeza esse era o signo mais esperado da lista. A característica mais popular dos arianos é a impulsividade e, consequentemente, “briguentos” passa a ser o maior adjetivo dos nativos. A falta de paciência é o fator decisivo na hora de brigar. Cuidado para essa bomba ariana não explodir!

Escorpião

Também conhecido como uma das personalidades mais fortes do zodíaco, os escorpianos não são abertamente impacientes ou irritados. Os nativos vão guardando pequenos rancores que a longo prazo levam à explosão!

Você viu?

Sagitário

Outro signo de fogo, o que pode levar os sagitarianos à fervura total é serem contrariados. Ah, eles também não têm muita paciência com pessoas lentas (cuidado, librianos!).

Virgem

Diferentemente de escorpião, os virginianos não escondem que as coisas estão desagradáveis. Por ter um alto nível de exigência, os mais organizados do zodíaco não concordam com qualquer coisa e tendem a responder de maneira irônica ou mal-humorada, um prato cheio para dar início às brigas.

Leão

Leia Também:  Pílula do dia seguinte: respondemos 5 dúvidas sobre o método de emergência

Conhecido pela vaidade, autoestima elevada e ego mais elevado, os leoninos não são muito fãs de aceitar onde estão errando e acabam esquentando a cabeça quando isso é apontado. Além disso, se você tentar destruir a autoestima de leão, se prepare para uma grande briga, viu?

Fonte: João Bidu

Fonte: IG Mulher

Propaganda

MULHER

Pílula do dia seguinte: respondemos 5 dúvidas sobre o método de emergência

Publicados

em


source

Alto Astral

Pílula do dia seguinte: respondemos 5 dúvidas sobre o método de emergência
Reprodução: Alto Astral

Pílula do dia seguinte: respondemos 5 dúvidas sobre o método de emergência

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto de Saúde, em 2018, metade das mulheres em idade fértil (dos 15 aos 44 anos) já recorreram à pílula do dia seguinte. Apesar de um número muito expressivo, as dúvidas relacionadas à contracepção de emergência continuam sendo frequentes e o tabu sobre ela também.

Conversamos com a ginecologista e obstetra, Julia Barbi Melim Marques, para respondermos às 5 questões mais frequentes sobre tema. Confira!

Qual a composição da pílula do dia seguinte?

Ela é composta pelo hormônio levonorgestrel, derivado da progesterona, capazes de atrasar a ovulação, de modo que a fecundação não ocorra, segundo a médica.

Quando e como usá-la?

“A ingestão é recomendada em caso de relação sexual desprotegida, ou seja, sem nenhum método contraceptivo, no prazo de no máximo 3 dias. Porém, ela deve ser tomada tão logo seja possível, não devendo esperar o “dia seguinte”, pois quanto mais tempo se passar após a relação, maior a chance de falha. Não existe contraindicação.”, esclarece Marques.

Leia Também:  Aloe Vera: Conheça as maravilhas de uma das plantas mais antigas do mundo

A ginecologista explica também sobre os casos nos quais as mulheres que usam anticoncepcionais se esquecem de alguma(s) pílula(s). Assim, ela diz que, considerando o uso irregular, elas também poderão recorrer ao contraceptivo de emergência.

A pílula do dia seguinte pode falhar?

Você viu?

Assim como um método regular, ela pode falhar, mesmo tomando-a corretamente. No entanto, o índice de falha aumenta conforme o tempo após a relação desprotegida for passando. Sendo assim, a especialista alerta para que a pílula seja tomada o mais rápido possível.

No caso da mulher engravidar mesmo com o método emergencial, ela assegura que o uso não acarretará nenhum dano ao feto, dado que o hormônio presente na composição também faz parte da gestação .

Quais são os efeitos colaterais?

“Entre os principais, podemos citar irregularidade menstrual , inchaço, dor nas mamas e cefaleia, além de outros menos comuns”, pontua a obstetra.

É preciso consultar um ginecologista antes de usá-la?

A médica adverte que não, porque essa procura atrasaria a tomada da pílula, que deve ser ingerida o mais rápido possível, após a relação sexual desprotegida.

Leia Também:  Axilas escuras: saiba quais são as causas e como tratar

No entanto, ela ressalta a importância de consultar o ginecologista para escolher um método contraceptivo regular, seguro e eficaz, visto que a pílula do dia seguinte só deve ser usada em momentos de emergência e não regularmente.

Consultoria: Dra. Julia Barbi Melim Marques , médica ginecologista e obstetra e membro da Doctoralia.

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA