MULHER

Ex-BBB e ginecologista Marcela Mc Gowan explica que virgindade é mito

Publicados

em


source
Marcela McGowan
Divulgação

Marcela McGowan

Marcela Mc Gowan usou seu Twitter oficial na manhã de hoje para falar sobre virgindade, ou seja, a primeira relação sexual, especialmente de mulheres. De acordo com a médica ginecologista, a virgindade “é um mito”.

A ex-BBB destrinchou a sua declaração e explicou com detalhes o motivo pelo qual acredita na afirmação: “VIRGINDADE É UM MITO; a thread”, iniciou ela.

“Assim como vocês, eu cresci com muitos conceitos errados sobre virgindade, cheios de tabus, preconceitos, inclusive informações anatômicas erradas, mas está na hora de desmistificar isso, né? Segue o fio: Precisamos primeiramente nos perguntar: O que é ser virgem?”.

“Para sociedade no geral, a gente deixa de ser virgem a partir da nossa 1º experiência sexual, mas nossa sociedade sendo muito falocêntrica e heteronormativa considera a 1º experiência sexual geralmente com penetração. Para as pessoas com vulva, vagina criou-se um “marcador da virgindade” que é o famoso HÍMEN. Quando se fala de hímen vem automaticamente na cabeça das pessoas um “lacre” e que depois da primeira penetração ele se rompe, fica como “prova” e ele nunca mais vai voltar ao normal”, continuou explicando.

Leia Também:  5 formas de exercitar a gratidão

Você viu?

“Isso é um mito. O hímen na verdade é uma membrana elástica, que recobre parcialmente a entrada da vagina. Existem vários tipos de hímen (como vocês podem ver na imagem). Inclusive, existem pessoas que nascem SEM hímen. Para algumas pessoas o hímen pode ser bem frágil e se modificar simplesmente por andar a cavalo, ou fazer algum exercício físico por exemplo. Outras pessoas tem hímen tão elástico e resistente que ele não se modifica mesmo depois de relações sexuais”, escreveu.

Marcela também falou sobre a questão do sangramento que supostamente acontece quando mulheres fazem sexo pela primeira vez.

“Um outro mito que envolve a história da perda da virgindade é o famoso sangramento. A verdade é que muitas de nós nunca vamos ter algum tipo de sangramento na sua primeira vez. O sangramento inclusive não tem nada a ver com a história da modificação do hímen. Quando acontece algum tipo de sangramento na primeira relação sexual na verdade é porque temos pequenos vasos superficiais na entrada da vagina que podem fazer mini fissuras com a penetração”.

Leia a explicação completa no Twitter:


Fonte: IG Mulher

Propaganda

MULHER

Juliette ama! Saiba os cuidados necessários para ter um cacto em casa

Publicados

em


source

Alto Astral

Juliette ama! Saiba os cuidados necessários para ter um cacto em casa
Reprodução: Alto Astral

Juliette ama! Saiba os cuidados necessários para ter um cacto em casa

Dentro do Big Brother Brasil 21 , a participante Juliette Freire não faz ideia da legião de cactos que se formaram fora do reality. Para quem não conhece a história, os fãs da sister ganharam esse apelido graças a paixão que a maquiadora tem pela planta .

Reprodução / Twitter @freirejuliette

Em uma publicação no Twitter da página oficial da participante, os administradores postaram um vídeo da advogada filmando os cactos que cultiva em sua casa . “A idade chega, não é mesmo? Minha paixão agora é por cactos”, brinca Juliette.

Entretanto, será que é fácil manter essa planta toda cheia de espinhos em casa? Para quem é ‘mãe’ de primeira viagem, os cactos são ótimos para começar o cultivo da própria floresta em casa.

Segundo o paisagista José Kolia, são extremamente fáceis de cuidar. “Geralmente quando começamos a cuidar muito, eles acabam não gostando”, explica.

Em relação aos cuidados, é necessário ter em mente o ambiente de origem. Os cactos são predominantemente de locais de sol e com pouca chuva, e geralmente as plantas cultivadas em casa estão adaptadas a receber um pouco mais de água do que o normal, mas com o cacto, é preciso prestar atenção na hora de aguar e nunca exagerar.

Leia Também:  Astrólogo explica as diferenças de personalidade entre as crianças

Você viu?

“O grande segredo é um solo bem drenado composto por uma parte de terra e duas partes de areia. Os borrifadores de água são bem legais para umedecer à terra sem encharcar demais”, esclarece o paisagista.

Sobre a poda, cada cacto tem uma forma particular ao ser podado, mas para não deixar cicatrizes muito evidentes, escolher uma posição favorável da planta é imprescindível. Aqueles que tem mais “ramos” devem ser mais podados para a planta não perder o controle.

Reprodução / Instagram @moradadacris

Além disso, o paisagista aconselha cultivar a espécie de Pitayas em casa. “Tem se mostrado uma excelente opção para ornamentar e servir a mesa da família brasileira”, diz. O profissional também é apaixonado pelo Mandacaru, mas para ter essa espécie em casa é indispensável um espaço ensolarado.

Quem quer destacar o cacto como um item de decoração , sem dúvida eles são ótimos para trazer um clima árido, que é facilmente integrado com ambientes bem modernos e de linhas mais retas. “O ambiente ideal é sempre do lado externo da casa, pois são plantas rústicas e que não se desenvolvem muito bem em ambientes escuros e com ar condicionado”, esclarece o profissional.

Leia Também:  Preces poderosas para Arcanjo Miguel

Consultoria: José Kolia, paisagista.

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA