MULHER

Mãe é obrigada a trabalhar na licença-maternidade e deixar a filha em uma bacia

Publicados

em


source
Mulher foi obrigada a trabalhar durante o período de maternidade
Pexels

Mulher foi obrigada a trabalhar durante o período de maternidade

Uma mãe deve receber uma indenização de R$  mil por ter sido obrigada a trabalhar durante o período de licença-maternidade. Segundo o G1, a ex-funcionária de uma chocolateria de Belo Horizonte teve que trabalhar enquanto a filha ficava em uma bacia no estoque da loja.

Essa situação teria ocorrido em maio de 2016 em uma chocolateria que encerrou as atividades há cinco anos. O desembargador e relator César Machado, da Sexta Turma do Tribunal Regional do Trabalho de Minas Gerais (TRT-MG) tomou a decisão a favor da mulher após ouvir uma testemunha, mas ainda cabe recurso.

Um ex-funcionário que ficou quatro meses na empresa confirmou que a mulher trabalhou durante o período de licença-maternidade. Ele declarou que “nessa ocasião a filha dela ficava no estoque, sem acompanhante e dentro de uma bacia, e que a situação era de conhecimento do empregador”.

Leia Também:  Horóscopo do dia: previsões para 16 de setembro de 2021

Uma representante da chocolateria negou as acusações e disse que a mulher era casada com um dos sócios da empresa e frequentava o local “nessa qualidade”. “A mesma não trabalhou durante a licença maternidade. E, também não cumpria jornada, muito menos, trabalhava em jornada extraordinária. A filha mencionada na reportagem também é filha do sócio proprietário da Chocolateria e jamais esteve em situação de abandono ou negligência”, diz o comunicado.

O desembargador determinou que a empresa deve pagar uma indenização referente ao salário dos dois meses trabalhados durante o período que a licença deveria ter sido cumprida. “A empregadora foi condenada, também, a pagar como extra uma hora por dia trabalhado a título de intervalo intrajornada, horas trabalhadas além da 8ª diária ou 44ª semanal, além dos reflexos em RSR, aviso-prévio, 13º salários, férias mais 1/3 e FGTS mais 40%. Também deverá pagar em dobro os feriados trabalhados, com os mesmos reflexos deferidos, devendo ser observada a CCT e o adicional convencional”, diz a decisão.

Fonte: IG Mulher

Propaganda

MULHER

Saiba como prevenir estrias e manchas na gravidez

Publicados

em


source
Saiba como prevenir estrias e manchas na gravidez
Reprodução: Alto Astral

Saiba como prevenir estrias e manchas na gravidez

Quando dizem que ao nascer um filho também se nasce uma mãe, não é mentira. A gravidez é um período onde a mulher passa por inúmeras mudanças, principalmente no corpo. A partir daquele momento, e ao longo dos nove meses, diversas modificações vão surgindo e exigindo novos hábitos e cuidados.

As alterações na pele são uma das principais durante a gestação e pedem um novo tratamento: hidratação . Embora hidratar o corpo seja importante independentemente de estar grávida ou não, nessa época, a pele precisa de ainda mais atenção, pois o momento é favorável para o surgimento de estrias, devido ao estiramento, e manchas — que podem surgir por questões hormonais e genéticas.

“Durante a gravidez, a hidratação torna-se muito importante por não garantir somente nutrição, como também manter a barreira da pele íntegra e saudável, protegendo contra manchas e aumentando sua elasticidade, o que poderá ajudar a prevenir estrias”, explica a dermatologista Hadassa Barros, parceira de Bio-Oil.

Leia Também:  Vale a pena mudar de nome por causa da Numerologia?

Leia Também

Além dessa prevenção, a médica destaca ainda que o ato de hidratar ajudará na renovação da pele. Afinal, ela sofrerá uma série de alterações hormonais antes, durante e após o nascimento do bebê. Para isso, vale apostar em bom hidratante corporal. “O produto deve conter ação emoliente, amaciando e suavizando a pele, e umectante, funcionando como um filme evitando a perda de água”, orienta Hadassa.

Dessa forma, a especialista indica que a hidratação aconteça duas vezes ao dia e relembra que o momento será também de autocuidado, beneficiando a futura mamãe nesse momento tão especial. Por isso, lembre-se de sempre consultar seu médico antes de iniciar o uso de alguma fórmula, pois nem todas as substâncias são liberadas para gestantes.

Fonte: Hadassa Barros, médica pós-graduada em Dermatologia e Medicina Estética pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde (INCISA), é membro da Skin of Color Society (SOCS) e parceira da Bio-Oil.

Leia Também:  O poder da oração: 10 passos para fortalecer sua prece
Fonte: IG Mulher

Continue lendo

MOMENTO POLICIAL

MOMENTO DESTAQUE

MOMENTO MULHER

MOMENTO PET

MAIS LIDAS DA SEMANA